Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A Xuxa de Israel.

Amigos e amigas.
Não sigo nenhuma religião e não desdenho nenhuma. A liberdade religiosa é algo a ser totalmente respeitada! Tanto se fala em intolerância e preconceitos. Tanta dor de cabeça deu quando Salman Rushdie publicou seus "Versos Satânicos", se referindo a Maomé e ao Corão. A mesma coisa quando um jornal publicou caricaturas e charges de Maomé, o que ofendeu demais os muçulmanos.

Recebi um link de um trecho de um "Xou da Xuxa" de Israel. O áudio é em íidiche, me parece, com as legendas em inglês. Segue abaixo uma tradução livre que fiz. Cada bolinha se refere a um texto do vídeo. Peço-lhes que, em seguida, assistam ao vídeo do you tube.
Pessoalmente, achei de um mau gosto e desprezo tão grandes quanto aos que fizeram ao islamismo.
  • "Olá! Você está no Programa de História da Toffee e o Gorila!"
  • "Eu venho falar dos melhores momentos da história do povo judeu - dos tempos idos até hoje!"
  • "Hoje, aprenderemos sobre a crucificação de Jesus. Você já ouviu sobre Jesus?"
  • Gorila: "Ouvi dizer que foi uma pessoa honrada!"
  • "Não! Jesus foi um inimigo do povo judeu! Ele tentou nos converter ao cristianismo."
  • "Apesar de haver bons cristãos, para os judeus, isso é um perigo terrível, uma ameaça à paz do povo judeu!"
  • Gorila: "Eu quero ser assimilado!"
  • "Você sabe o que é ser assimilado? Significa ter que trepar com um goyah (não-judeu). Isto é algo que nem eu, nem você, obviamente, quer!"
  • Gorila: "Eu quero que minhas crianças comam 'toblerone' e se tornem goyim (goyah). Estou entediado aqui, Toffee!"
  • "Eu quero viver na Suiça com um goyah e comer toblerone todo dia!"
  • Ok, querido! Se você ama Jesus tanto assim, então você vai ter de brincar de Jesus!"
  • A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS
  • "Eu sou Judas Iscariotes"
  • Gorila: "E eu sou Jesus! Eu quero que todos vocês se tornem cristãos e comam carne de porco e toblerone e se divirtam! Vocês, telespectadores, querem isso, também?"
  • "Por causa disso, vou crucificá-lo! Como ousa pregar para judeus inocentes?"
  • Começa a crucificação. Gorila: "Meu Deus, por que você me abandonou?"
  • "Você é um nazista, Jesus! Você é um nazista!"
  • Gorila: "Toffee, não! Estou apavorado! Eu caminhei sobre as águas, transformei grilos em bolos! Não! Eu não sou Jesus! É um erro! Eu sou Moisés, nosso professor! Não me prenda com pregos! Toffee, não!!"
  • "É só um prego, seu covarde!" (A moça bate com o martelo na cabeça do gorila)
  • Gorila: "NÃÃÃÃO, TOFFEE!! Oh, Deus! AAAAHHH!! NÃO! NÃO!" (Gorila morre. Fim!)
Confiram abaixo o vídeo.



Depois, se quiserem, vocês me contam!
FAB29

2 comentários:

  1. Achei o vídeo de um mau-gosto... um desrespeito para com os cristãos.

    Agora imagina se fosse feito um vídeo infantil, nos mesmos moldes, mostrando os judeus como assassinos de Jesus... que polêmica isso não iria dar heim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você já viu o vídeo abaixo? Mostra, entre tantas outras coisas, a doutrinação da juventude israelense, que é tão bela e saudável quanto as melhores, mas sofrem uma 'lobotomia' da cúpula sionista.

      http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2012/04/video-defamation_13.html

      Abraços.

      Excluir