Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


quinta-feira, 1 de março de 2012

Talmud de Jmmanuel 15

Amigos e amigas.
Do TJ 12 ao 19, podemos ver a tônica que é este capítulo.
Jmmanuel enfatiza a necessidade da sabedoria e da consciência; deixa claro que os comodistas viverão eternamente à mercê dos hipócritas e corruptores, além de se mostrar clara e francamente contra os fariseus, motivo que os fez caçarem e crucificarem o Mestre Maior.
A explicação de Jmmanuel para a parábola do semeador me é mais clara que a de Mateus.
Por ser um capítulo tão grande, tive de dividí-lo. Mas ele é sensacional!
FAB29

Capítulo 15
O Significado das Parábolas
TJ 15:1 Naquele mesmo dia, Jmmanuel saiu e caminhou em direção ao mar, onde se assentou.
Mat. 13:1 No mesmo dia, tendo Jesus saído de casa, sentou-se à beira do mar;

TJ 15:2 Muitas pessoas reuniram-se em volta dele, de modo que ele entrou em um barco e assentou-se, e todas as pessoas permaneceram na praia.
Mat. 13:2 e reuniram-se a ele grandes multidões, de modo que entrou num barco, e se sentou; e todo o povo estava em pé na praia.

TJ 15:3 Ele falava para elas por parábolas a respeito de várias coisas, dizendo: Vede! Um semeador saiu para semear.
Mat. 13:3 E falou-lhes muitas coisas por parábolas, dizendo: Eis que o semeador saiu a semear.

TJ 15:4 E enquanto semeava, algumas sementes caíram pelo caminho e vieram as aves e as comeram.
Mat. 13:4 e quando semeava, uma parte da semente caiu à beira do caminho, e vieram as aves e comeram.

TJ 15:5 E algumas caíram sobre as pedras, onde não havia muito solo:
Mat. 13:5 E outra parte caiu em lugares pedregosos, onde não havia muita terra: e logo nasceu, porque não tinha terra profunda;

TJ 15:6 E quando o sol se elevou bem alto elas murcharam, e porque não tinham raízes, secaram.
Mat. 13:6 mas, saindo o sol, queimou-se e, por não ter raiz, secou-se.

TJ 15:7 Algumas caíram entre os espinhos; e os espinhos cresceram e as sufocaram.
Mat. 13:7 E outra caiu entre espinhos; e os espinhos cresceram e a sufocaram.

TJ 15:8 Algumas caíram em boa terra, e deram frutos, algumas centenas de vezes; outras, sessenta e outras, trinta vezes.
Mat. 13:8 Mas outra caiu em boa terra, e dava fruto, um a cem, outro a sessenta e outro a trinta por um.

TJ 15:9 Aqueles que tenham ouvidos, que ouçam.
Mat. 13:9 Quem tem ouvidos, ouça.

TJ 15:10 E chegando-se à ele, os discípulos perguntaram-lhe: Por que lhes falas por parábolas, quando não podem eles compreender os teus ensinamentos?
Mat. 13:10 E chegando-se a ele os discípulos, perguntaram-lhe: Por que lhes falas por parábolas?

TJ 15:11 E ele lhes respondeu: Foi concedido a vós compreender os segredos do espírito, mas para eles, isto não foi lhes concedido.
Mat. 13:11 Respondeu-lhes Jesus: Porque a vós é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas a eles não lhes é dado;

TJ 15:12 Eles certamente ouvem as minhas palavras, mas ainda vivem e pensam conforme os falsos ensinamentos dos escribas e Fariseus.
Mat. 13:12 pois ao que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; mas ao que não tem, até aquilo que tem lhe será tirado.

TJ 15:13 Suas consciências são alheias e vazias, portanto, devem primeiro aprender a viver e a pensar.
TJ 15:14 O que melhor seria para fazê-los viver e pensar, se não falando-lhes através de parábolas?
Mat. 13:13 Por isso lhes falo por parábolas; porque eles, vendo, não vêem; e ouvindo, não ouvem nem entendem.

TJ 15:15 Em verdade, eu vos digo, a vida e o conhecimento da verdade são valiosos e bons somente quando alcançados pela resolução dos mistérios que são recontados em parábolas.
TJ 15:16 Pois os humanos ainda possuem pouco conhecimento e nenhuma percepção, e não são ainda conscientes das leis da Criação e do poder.
TJ 15:17 Primeiro, os humanos devem aprender a reconhecer a verdade e assim viver de acordo com as leis da Criação, então poderão se tornar inteligentes e fortes em espírito.
TJ 15:18 Para aqueles que possuem, mais lhes será dado, para que possam ter em abundância; Mas aqueles que nada tem, deles lhes serão tirados o que possuem.
TJ 15:19 Portanto, eu lhes falo por parábolas, porque enxergando com os olhos, eles não vêem, e ouvindo com os ouvidos não ouvem; e nem entendem.
TJ 15:20 E neles cumpre-se a profecia de Isaías que diz: Com os vossos ouvidos, ouvireis e não entendereis; e com os olhos abertos, vereis e não percebereis.
Mat. 13:14 E neles se cumpre a profecia de Isaías, que diz: Ouvindo, ouvireis, e de maneira alguma entendereis; e, vendo, vereis, e de maneira alguma percebereis.

TJ 15:21 Pois estas pessoas são teimosas em suas mentes e esforços. Os ouvidos destes humanos ouvem mal e seus olhos dormem, então não enxergam com os seus olhos e nem ouvem com os seus ouvidos, nem entendem com a sua inteligência. E nem tentam compreender a verdade e reconhecer as leis da Criação, embora eles alcançariam daí auxílio e conhecimento.
Mat. 13:15 Porque o coração deste povo se endureceu, e com os ouvidos ouviram tardamente, e fecharam os olhos, para que não vejam com os olhos, nem ouçam com os ouvidos, nem entendam com o coração, nem se convertam, e eu os cure.

TJ 15:22 Porque o povo de Israel é infiel às leis da Criação e são amaldiçoados, e nunca encontrarão a paz.
TJ 15:23 Seu sangue será derramado, porque constantemente transgridem contra as leis da Criação.
TJ 15:24 Eles se presumem acima de toda a humanidade como um povo escolhido, e assim, como uma raça separada.
TJ 15:25 Que erro maligno e que presunção maligna, pois como Israel jamais foi um povo, uma raça, assim jamais foi um povo escolhido.
TJ 15:26 Infiéis as leis da Criação, Israel é uma massa de pessoas com um passado inglório, caracterizado pelo assassinato e pelo incêndio.
TJ 15:27 Apenas uns poucos pais dentre as massas destes infiéis possuem um passado honorável e uma árvore genealógica provável.
TJ 15:28 Esses, contudo, não fazem parte da raça de cobras e víboras que se entregaram à falsa fé judaica.
TJ 15:29 As falsas crenças e os falsos ensinamentos que adotaram de Moisés que, por sua vez, os roubou dos Egípcios.
TJ 15:30 Esses poucos pais são conhecedores da verdade e do verdadeiro conhecimento, e reconhecem apenas as leis da Criação.
TJ 15:31 Contudo, eles se tornaram raros nesta terra, e assim podem ser contados em apenas uma das mãos de um homem.
TJ 15:32 Eles são somente uns poucos, e os olhos de ninguém podem reconhecê-los e nem os ouvidos de ninguém podem ouvi-los.
TJ 15:33 Mas bem-aventurados são os vossos olhos, pois eles vêem, e vossos ouvidos, pois eles ouvem.
Mat. 13:16 Mas bem-aventurados os vossos olhos, porque vêem, e os vossos ouvidos, porque ouvem.

TJ 15:34 Em verdade, eu vos digo, muitos profetas e homens justos desejaram ver o que vedes mas não viram, e ouvir o que vós ouvis mas não ouviram.
Mat. 13:17 Pois, em verdade vos digo que muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes, e não o viram; e ouvir o que ouvis, e não o ouviram.

TJ 15:35 Portanto, ouvi agora o significado oculto desta parábola sobre o semeador:
Mat. 13:18 Ouvi, pois, vós a parábola do semeador.

TJ 15:36 Se alguém ouve a palavra da verdade sobre o espírito e as leis, e não a compreende, então o maligno vem e pega o que está semeado em sua mente. Isso é para aquele a quem foi semeado no caminho.
Mat. 13:19 A todo o que ouve a palavra do reino e não a entende, vem o Maligno e arrebata o que lhe foi semeado no coração; este é o que foi semeado à beira do caminho.

TJ 15:37 Mas para quem foi semeado nas pedras, este é aquele que ouve a palavra e prontamente a aceita com alegria.
Mat. 13:20 E o que foi semeado nos lugares pedregosos, este é o que ouve a palavra, e logo a recebe com alegria;

TJ 15:38 Mas esta pessoa não tem raízes por dentro. Então o que foi ouvido não pode se agarrar e crescer. Pelo contrário, este é inconstante e se aborrece quando a miséria e a perseguição se erguem por causa da verdade.
Mat. 13:21 mas não tem raiz em si mesmo, antes é de pouca duração; e sobrevindo a angústia e a perseguição por causa da palavra, logo se escandaliza.

TJ 15:39 Mas para aquele a quem foi semeado entre os espinhos, este é aquele que ouve a palavra, mas as preocupações do mundo e o engano das riquezas materiais sufocam a verdade e o conhecimento; portanto este não produz bons frutos.
Mat. 13:22 E o que foi semeado entre os espinhos, este é o que ouve a palavra; mas os cuidados deste mundo e a sedução das riquezas sufocam a palavra, e ela fica infrutífera.

TJ 15:40 Mas a quem foi semeado em bom solo, este é aquele que aceita a palavra, e busca e encontra a verdade, para que então seja capaz de viver de acordo com as leis da verdade; permitindo assim que o fruto cresça e amadureça, produzindo uma rica colheita. Uma pessoa produz centenas de vezes, uma outra, sessenta e outra, trinta vezes.
Mat. 13:23 Mas o que foi semeado em boa terra, este é o que ouve a palavra, e a entende; e dá fruto, e um produz cem, outro sessenta, e outro trinta.

TJ 15:41 Estes são os significados das parábolas, cujos segredos devem ser decifrados pelas pessoas, de modo que elas aprendam a pensar e desenvolvam a percepção.
TJ 15:42 Entretanto, a senda para a sabedoria e o encontro da verdade é longa, assim como é o cumprimento das leis da Criação, embora sejam tão óbvias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário