Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Campos de concentração sionistas

Amigos e amigas.
Neste artigo de 24 de junho de 2012, Michael Hoffman comenta uma matéria publicada no "The Washington Post" do dia anterior a respeito de campos de concentração israelenses para imigrantes. Nada a dever às centenas de campos de concentração que se espalham pelo "País das Liberdades", como especifiquei neste link:
http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2013/07/novos-campos-de-concentracao.html

Quando será que a covardia em todos os sentidos dos "líderes estadunidenses" terá fim? Também a dos "líderes europeus", claro?
FAB29

Israel colocará seus imigrantes africanos
em campos de concentração
Os preparativos estão em andamento para conter milhares de imigrantes africanos em um vasto campo de concentração
no sul do 'Israel'. (Por Michael Hoffman)

Imagine qualquer político republicano ou democrata nos EUA dizendo qualquer coisa igual ao que os líderes israelenses (que são, ou funcionários do governo de Netanyahu,  ou de seus colaboradores mais próximos, aliados políticos) estão dizendo:
Judeus etíopes protestando em israel
"As tensões sobre a presença dos migrantes têm sido alimentadas por políticos de direita. Em um discurso no último mês em protesto no bairro Hatikva, Miri Regev , um membro do parlamento do partido Likud, do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, chamou os africanos de câncer em nosso corpo."

"O ministro do Interior Eli Yishai, que prometeu limpar todos os migrantes, disse ao jornal Maariv em uma entrevista recente, que eles estavam criando 'um Estado dentro do Estado' e que 'a maioria das pessoas que vêm aqui são muçulmanos, que pensam que este país não pertence a nós, ao homem branco'".

"Se nós não interrompermos a entrada, o problema, cuja extensão é de agora 60.000 infiltrados ilegais, poderia facilmente chegar a 600.000, o que inundaria o país e, em grande medida, anularia o nosso caráter como Estado judeu e democrático", disse o primeiro-ministro Netanyahu em uma reunião de seu gabinete no mês passado.

Protesto de imigrantes negros em israel
http://g1.globo.com/mundo/noticia/2013/12/imigrantes-africanos-protestam-por-direitos-humanos-em-israel.html

"Em uma entrevista à televisão, Yishai descreveu os movimentos para deportar os estrangeiros como um ato de auto-preservação nacional, para manter a maioria judaica de Israel. "Se nós não fizéssemos isso, não teríamos um país", disse ele .

"...os preparativos estão em andamento para prender outros milhares de africanos em um acampamento grande no sul de Israel."
Fonte: "Imigrantes africanos em Israel encaram ameaças, deportações" The Washington Post, 23 de junho de 2012.

Imagine Mitt Romney ou Ron Paul dizendo: "América não pode aceitar mais imigrantes de China e Índia, porque precisamos preservar o nosso caráter como nação cristã!"

Imagine os líderes republicanos declarando que nossa nação não vai conceder anistia a milhões de imigrantes latinos "que pensam que este país não pertence a nós, ao homem branco".

Se qualquer notável político americano​​ expressasse estes sentimentos, a imprensa sionista iria uivar para ele como um bando de coiotes raivosos e o líder americano que proferiu tais palavras proibidas seria totalmente desacreditado e teria a sua carreira política em ruínas em poucas horas. No entanto, quando o primeiro-ministro israelense Netanyahu fala ao Congresso, ele é fervorosamente aplaudido, lhe são dadas inúmeras ovações e os meios de comunicação são, ou respeitosos para com ele ou, pelo menos, circunspectos, assim como nossos impostos subsidiam o mais selvagem e retrógrado racismo israelense e a xenofobia que se possa imaginar.

Apenas outro vassalo sionista

A visão grandiosa dos sionistas com suas imunidades especiais, privilégios e direito de ser racista foi articulada pelo presidente Ronald Reagan, em uma passagem sinistra de seu discurso de 1988 para se dedicar à pedra angular do Museu do Holocausto dos EUA em Washington, DC, financiado  pelo contribuinte. Em seu discurso, o Sr. Reagan fez a seguinte profecia : "Precisamos ter certeza de que, quando as torres de nossas maiores cidades ruírem em pó nas voltas do tempo, o povo judeu estará ainda nesta terra para lançar suas bênçãos."

A nação sionista deve sobreviver, muito tempo depois da América se desintegrar em ruínas - como a nossa nação está a caminho de fazer - de acordo com as políticas de ambos, os democratas e os republicanos, que defendem uma rigorosa agenda racial-nacionalista para "Israel" e uma fronteira aberta virtual aqui na colônia de baixos salários conhecida como os Estados Unidos da América, cujos cidadãos estão entre os maiores idiotas do planeta.

63 comentários:

  1. proud to be a Zionist18 de setembro de 2013 08:57

    ISTO SIM É DEMOCRÁCIA

    - Um painel expandido de nove juízes do Tribunal de Justiça votou por unanimidade para derrubar a legislação controversa que permitiu a Israel deter imigrantes ilegais por três anos sem julgamento. Os juízes decidiram que a alteração à Lei de Prevenção de Infiltração é inconstitucional e viola o direito à liberdade. A alteração entrou em vigor em junho de 2012. Cerca de 2.000 imigrantes africanos estão atualmente detidos em centros de detenção israelenses, 1.750 dos quais estão detidos conforme a lei ora revogada. O tribunal afirmou que o Estado deve começar imediatamente a examinar cada caso individualmente e estabeleceu um prazo de 90 dias para o processo de análise.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande justiça que nem deveria precisar ser feita, mas para derrubar atitudes decrépitas dos nefastos líderes sionistas, mostrou-se necessária.

      Mas os líderes que tentaram essa podridão continuam lá, burilando seus venenos.

      Excluir
    2. proud to be a Zionist, pelo q seu, orgulho é pecado.
      Mas, problema não é meu.

      "Os juízes decidiram que a alteração à Lei de Prevenção de Infiltração é inconstitucional e viola o direito à liberdade" , qtos anos depois ? Haverão indenizações à exemplo de como fazem com a Alemanha ? Eles se infiltraram ou migraram ? Chama um território como Israel de democracia ? Esse vai e vem não tras insegurança jurídica ? E sobre os 12.000 palestinos presos ? SEndo a maioria adolescentes ?

      Cobalto

      Excluir
    3. proud to be a Zionist, campos de detenção ? Pq não campos de concentração ?

      Ricardo Mallamud, Na Itália são campos de concentração ? Não pode ser campos de dentenção ?

      Cobalto

      Excluir
  2. Até junho de 2012, 60.000 vou repetir para ficar bem gravado 60.000 africanos sairam da eritréia e norte do Sudão (olhe no mapa para perceber a distância percorrida e a obstinação), devido a perseguições, assassinatos, limpeza étnica empreendida por muçulmanos contra cristãos, fome, miséria, etc, etc, e cruzaram vários países para chegarem ao único porto seguro da região, ISRAEL, não foram para líbia, não foram para o egito, não foram para arabia saudita, não foram para Italia e muito menos PORTUGAL, foram para a terra santa de ISRAEL………pois bem, o Brasil, que têm território astronômicamente mais vasto que Israel, que é governado por um partido que se diz pelo social e do povo e para o povo, governado por um partido de trabalhadores e portanto sensível aos anseios dos menos favorecidos BARROU a entrada dos “”infiltrados”" haitianos, que de forma analoga moram em um dos paises mais pobres do mundo, assolado por tragedias naturais e coisa e tal, agora pasmem quantos “”infiltrados”" haitianos adentraram o nosso pais??? resposta 4.000……..esta percebendo a diferença e a magnitude??? 60.000 contra 4.000, o mais curioso, que segundo reportagem no jornal o estado de são paulo e do jornal nacional o número de estrangeiros fugindo da crise europeia que adentraram nosso pais cresceu absurdamente, portugueses, espanhois, etc,etc estes podem, estes não foram barrados, agora os coitadinhos dos haitianos, não podem……………….não te parece algo injusto, pois bem, países ao redor do mundo tomam medidas para proteger o INTERESSE NACIONAL mesmo que não entendamos mas se não for assim os estrangeiros ocuparão os cargos e empregos disponiveis e para os nativos e moradores do pais restara o desemprego e isto vc. acha justo???….os paises entendem que não, nos EUA há uma fiscalização ferrenha na fronteira do mexico para barrar a entrada, e o número de prisões e deportações é anualmente autissima, porém se vc. demonstrar que tem tantos US$ para investir no pais, tua entrada é permitida, injusto, talvez mas o raciocinio que investindo nos EUA, mais empregos serão criados, a econômia gira e o pais cresce, simples né???em Portugal por muito tempo os brasileiros eram extremamente mal vistos e muitas vezes associados a prostituição, na Espanha até visto de brasileiros passou a se exigir, na Grécia em crise um dos slogans utilizado em campanha era barrar a entrada de imigrantes, e te digo mais não só na grécia na europa inteira é um assunto recorrente e que têm causado varias discuções e antagonismos, mas repito em certas condições tua entrada é aceita e MUITO BEM VISTA, pois bem o que quero mostrar é que a situação de receber imigrantes, esta muito inerente a politica interna do pais, NÃO É EXCLUSIVIDADE DE ISRAEL, e não é Israel o unico lugar a tomar medidas semelhantes………… TUDO DEPENDE DE PROTEGER E RESGUARDAR O INTERESSE NACIONAL…………..espero que com isto tenha ficado claro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pelo óbvio.

      Todos pelo menos tentam fazer isso, mas as guerras fomentadas pelos grandes corruptores mundo afora expulsam os autóctones, transformando-os em párias errantes.

      A Europa inteira está fervilhando de imigrantes, perdendo sua identidade cultural, religiosa e tradicional, transformando-se num caldeirão fervente.

      Os nefastos que patrocinam isso tudo são os imperialistas que criam mentiras desde sempre, parasitam a humanidade e procuram massacrar qualquer oposição.

      Eu sou uma pequenina oposição e sinto um pouquinho disso.

      Excluir
    2. Realmente é óbvio,

      Na Itália há campos de concentração, idem Espanha, França, Grécia, etc,etc

      Como é óbvio o artigo só abordar Israel haja visto a fonte, sua nova e inexorável
      tesouro da sabedoria anti-semita ......................vc. tambêm está de parabéns!!!!!

      Excluir
    3. O imperialismo talmúdico/sionista faz por merecer toda e qualquer oposição diuturna por tantas iniquidades que perpetram mundo afora (inclusive o "caldeirão europeu"), mas vivem dizendo não ter culpa de nada ou estar "apenas se defendendo".
      E seus capachos não conseguirão nada repetindo as "istórias" que eles inventaram para "tirar os deles da reta".

      Excluir
    4. Acaso, se a Alemanha nazi fez seus campos de concentração/detenção, também não poderiam ser considerados como " TUDO DEPENDE DE PROTEGER E RESGUARDAR O INTERESSE NACIONAL…………..espero que com isto tenha ficado claro ", missivista Ricardo Mallamud ?
      Ah, leia o Talmud, este "grande" e "sagrado" livro.

      Cobalto

      Excluir
  3. "A Europa inteira está fervilhando de imigrantes, perdendo sua identidade cultural, religiosa e tradicional, transformando-se num caldeirão fervente"

    Concordo!

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A "democrática" Isarael bombardeou o Sudão, sabia ?
      Deppos tem imigração, aplicam a tal "lei da prevenão de infiltração". Parece comédica, se não fosse verdade.

      Cobalto

      Excluir
    2. A democrática Israel nunca atacou o Sudão.

      Excluir
    3. Informe-se, sionisado e/ou sionista.

      Cobalto

      Excluir
    4. "democrática" kkkkk pensei q estive já suficientemente ensinado...bem ensinar é uma coisa, aprender q muiitas vezes é difícil.

      Cobalto

      Excluir
  4. Como os Sionistas são ruinzinhos.......................rsrsrrrs

    ResponderExcluir
  5. O imperialismo talmúdico/sionista?
    Que imperialismo é esse que devolve terras em troco de um pouco de sossego?
    Que imperialismo é esse de um único país, mínimo em seu tamanho?
    É talmúdico ou sionista? Ou ainda, judeus?
    Que imperialismo é esse, da primeira religião monoteísta, e que hoje só conta com menos de 15 milhões no mundo?
    Não seria justamente o oposto? Israel é que sofre com o imperialismo?

    VSF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Banqueiros, mega empresários, mega industriais e afins. Resumidamente nas palavras de Rothschild:

      "Deixe-me emitir e controlar o dinheiro de uma nação e não me importarei com quem redige as leis."

      Mas não se acanhe em ser mais um defensor do "pobre estado judeu".

      Excluir
    2. Não entendi. A quem você respondeu?
      VSF

      Excluir
    3. Não defendo ninguém. Só quero discutir o assunto civilizadamente e de forma pontual e objetiva.
      Mais uma vez, não entendi sua resposta.
      VSF

      Excluir
    4. A primeira religião monoteísta foi a praticada por Adão, Eva, Caim, Abel, etc.... judaísmo nem existia. Vai estudar,VSF

      Cobalto

      Excluir
    5. Só resumi o termo "imperialismo" em "quem domina o capital e a produção, manda".

      Excluir
    6. Sua "forma pontual" está causando um congestionamento em que você está se perdendo.
      Se quer realmente entender a miríade de comentários e tópicos, sugiro-lhe que vasculhe o blog e tente ler o máximo deles.
      Com calma e paciência, encontrará o caminho.

      Excluir
    7. Cobalto,
      Sempre estudo, não se preocupe.
      Vamos ser objetivos?
      VSF

      Excluir
    8. O imperialismo talmúdico/sionista? LEIA TALMUD DESMASCARADO, PRA INICIAR.

      Que imperialismo é esse que devolve terras em troco de um pouco de sossego? IMPERIALISMO QUE PRIMEIRO ROUBA TERRA QUE NÃO LHE PERTENCE PRA DEPOIS "DEVOLVER". E TEM GENTE QUE ACREDITA NESTA PROPAGANDA SIONISTA. IMPERIALISMO QUE ATÉ HJ NÃO FEZ/DECIDIO ONDE SÃO SUAS FRONTEIRAS GEOGRÁFICAS. SABIA DISSO NÃO ?

      Que imperialismo é esse de um único país, mínimo em seu tamanho? "PAIZINHO" QUE TEM ENTRE 100 E 300 OGIVAS MUCLEARES. PESQUISE MISSIL JERICÓ I, II E III.

      É talmúdico ou sionista? Ou ainda, judeus? NOS DIGA VC, QUAL A DIFERENÇA ? OU OS JUDEUS QUE PRATICAM O TALMUD NÃO SÃO SIONISTA ?

      Que imperialismo é esse, da primeira religião monoteísta, e que hoje só conta com menos de 15 milhões no mundo?
      ADÃO E EVA, CAIM E ABEL, E ABRÃAO ( O IRAQUIANO ) SÃO OS PRIMEIROS RELIGIOSOS MONOTEÍSTAS. VAI ESTUDAR.

      Não seria justamente o oposto? Israel é que sofre com o imperialismo? KKKKK VEJA QUEM MANDA NA IMPRENSA, HOLLYWOOD, GOV DOS EUA, DA ALEMANHA ( MERKEL É JUDIA ), SARKOZY É JUDEU, DAVID CAMERO É JUDEU...A LISTA É GRANDE. VAI ESTUDAR.

      >>> VSF <<<

      Como disse, vc precisa estudar.

      Cobalto

      Excluir
  6. Fab29,
    Eu acho que o termo correto deveria ser acampamento para imigrantes ilegais. Recentemente li a respeito e o que ocorre é a fuga em massa das populações de países africanos, apavorados com a perseguição. A maioria são de perseguição religiosa.
    Outra coisa, eu não seguiria como fonte (Rense), um site que afirma que câncer é um vírus.
    VSF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não "sigo" fonte nenhuma. Apenas vasculho a internet, leio de tudo, analiso e pondero todos os lados da melhor maneira que consigo e publico minha opinião.
      Já vi coisas com que não concordo em sítios e blogs que respeito muito e vice-versa.
      Por que não tenta, também?

      Excluir
    2. Mas foi você 1ue citou a fonte.

      Excluir
    3. "Seguir" significa fidelidade, coisa que não tenho por nenhum blog ou sítio.

      Excluir
    4. Fab29,
      Mas a sua pastagem é a tradução ponto a ponto do original, como não é fonte?
      VSF

      Excluir
    5. Última chance à sua gnose.
      Eu "sigo" a internet. Qualquer blog, sítio, e-mail, etc onde houver coisas que me chamem a atenção, vou usá-lo e citá-lo.
      Mas não sou fiel a nenhum.

      Excluir
  7. Já leram o livro “A muralha de ferro” Autor sionista ?
    Reflexão:

    “Não cabe pensar em uma reconciliação voluntária entre nós e os árabes, nem agora nem num futuro previsível, Todas as pessoas bem intencionadas, salvo os cegos de nascimento, compreenderam há muito a completa impossibilidade de se chegar a um acordo voluntário com os árabes da Palestina para transformar a Palestina de país árabe em um país de maioria judia. (…) Tente achar ao menos um exemplo de colonização de um país que aconteceu com o acordo da população nativa”.

    Roger - BH

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Além de bem intencionada, caro Roger, a pessoa tem de ter bom senso e caráter. E nunca se vender, como sabemos que muitos o fazem.
      Abraço.

      Excluir
    2. Roger,
      Vamos focar no assunto da pastagem.
      VSF

      Excluir
    3. População nativa são os palestinos. E é notório a insidiosa e insistente campanha nem sempre escondida de sabotagem dos israelenses pra q não haja negociações concretas.
      Ademais, sobe o nr de soldados israelense q se suicidam e se recusam a prestar serviço à pátria sionista por discordarem das atitudes, cansados de atirar em mulheres e crianças, de discrimina-los, humilha-los, etc etc.
      Consumo de drogas, cachaça e prostiuição aumenta entre os jovens.

      Cobalto

      Excluir
  8. Fabiano:

    Gostaria de tecer algumas considerações sobre este tema da imigração indesejada:

    É interessante ver o contraste entre o estado sionista e a Europa.

    Ao primeiro é dado o direito de tomar todas as providências contra imigrantes inconvenientes.

    A segunda é praticamente proibida tomar qualquer atitude frente ao problema da imigração desenfreada por mil e uma pressões de ordem política, ideológica e psicológica.

    Isto tudo me lembrou, mais uma vez, das memórias do jornalista Janer Cristaldo, que por três vezes morou na Europa. Sendo a primeira na Suécia entre 1971/72. Naquela época, ele recorda, era possível andar pelas ruas da capital do país a qualquer hora sem perigo nenhum.

    Hoje existem pelo menos 100 localidades, segundo lista do próprio governo, apontadas como locais perigosos e violentos. Quase sempre uma violência cometida por imigrantes, principalmente o crime de estupro. O que já coloca a Suécia como um dos paises com mais incidência desse tipo de crime.

    Esta imigração desenfreada também trouxe àquele país alguns efeitos inusitados como por ex: atritos entre a comunidade judaica local e.... imigrantes palestinos. Por essa, com certeza, eles não esperavam.

    No Reino Unido: a zona leste de Londres é praticamente só de imigrantes, com muito poucos ingleses nativos. O que será que Dª. Elizabeth pensa disso?

    Na Alemanha talvez esteja à situação mais dramática, sendo o país mais impedido de protestar contra esse estado de coisas, por razões mais do que conhecidas. Em alguns bairros de Berlin já não se fala mais o alemão. O idioma turco tornou-se praticamente a segunda língua do país. E os imigrantes muçulmanos já exigem, cada vez mais, direitos baseados em suas leis religiosas.

    Quanto às palavras do falecido presidente Regan, é triste saber que ainda tem gente batendo palmas para esse homem imaginando que ele tenha sido um grande estadista. Pelo jeito o conservadorismo anda mesmo mal servido.

    Augusto Landini.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Landini.
      Tanto na Suécia quanto nos outros países nórdicos. Vi vários vídeos de noruegueses, dinamarqueses e finlandeses mostrando a situação deletéria de suas capitais, à mercê de traficantes, estupradores e ladrões de toda "estirpe", quase 90% dos crimes causados por imigrantes. Caminhar à noite por lá está se assemelhando às noites paulistanas.

      Quanto à "D. Elizabeth", aquela figura decorativa apenas curte a vida nababesca, patrocinada por seus fiéis (e 'desinfelizes') súditos.

      Finalmente, qual democracia do mundo esta bem servida? Ela serve apenas aos 'ixpertos'. Bem disse Bernard Shaw: "A democracia é apenas a substituição de alguns corruptos por muitos incompetentes".

      Abraços.

      Excluir
    2. O Sul da Europa idem, meus amigos. Não tem nada a ver com o que era há 25/30 anos atrás.

      Portugal era um país extremamente pacífico. Lisboa hoje não é a mesma e na França parece que a coisa está assustadora para os próprios franceses.
      Mas o Pensamento Único está de tal forma "encastoado" no cérebro dos europeus, que apesar de todos, ou quase, se aperceberem, têm medo de falar. É politicamente incorrecto!

      Excluir
    3. E nesta toada, querida Fada, o "nivelamento por baixo" tão querido e cevado pelos grandes corruptores se metastiza.

      Excluir
  9. A insistência que o vtf, agora vsf tem em dizer que o cristianismo nasceu do judaísmo é praticamente desconhecer a HISTÓRIA, o cristianismo foi sim o PRIMEIRO em negar a DISTINÇÃO ao seguidor da SEITA judaica, o cristianismo é a ANTI-TESE do judaísmo materialista, o cristinismo nasceu para NEGAR o nacionalismo judeu.

    Sobre o livro a muralha de ferro a frase foi dita pelo "BONDOSO" SEGUIDOR da SEITA judaica mas RUSSO Vladimir Evgenevich Jabotinskym ou como se auto-denominou ze'ev jabotinsky, autor de muitos atos de CARIDADE como de ASSASSINAR MULHERES GRÁVIDAS, CRIANÇAS e IDOSOS, foi esse "BONDOSO" mestre que ensinou os CRÁPULAS também RUSSOS como ben gurion, yitzhak rabin, amante da "TRIBUFÚ" Golda Mabovitch, menachem begin, moshe dayan, todos RUSSOS, poderiam até dizer que alguns nasceram na palestina, mas o DNA é RUSSO.

    Uma colonização feita com CHUMBO e muito DINHEIRO estadunidense e inglês...
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Ragi.
      A insistência dessa turma é obrigatória. Eles estão afundados até o focinho no lodo gerado por seus donos e estes não aceitam desistências.
      E, para eles (via seus donos), o mundo gira em torno do judaísmo. Já notou que eles tentam aqui criar uma rede de "dúvidas" e "questões pertinentes" para induzir ao erro e tudo o mais?
      Tadinhos...

      Excluir
    2. Ragi, Jesus disse sobre o judaísmo : Eis q faço nova todas as coisa" e "convém por vinho novo em odre velho ?"
      Realmente Cristianismo e judaísmo são opostos.
      Crsitianismo é espiritual, cre numa vida vindoura, amigo de todos os povos, se espraia. Suas igrejas se espalham, são vistas e abertas ao público.
      Judaísmo é materialista, não cre na vida vindoura, inimiga de todos os povos ( vide l ª Ts 1:15 ), racista e não praticam 'evangelismo', não tem missionários. Suas sinagogas são discretas pra ninguém saber nem se interessar em entrar e professar aquela fé.

      Foi Jesus, não Hitler que disse q são sinagoga de satanás.

      Cobalto

      Excluir
  10. Podemos retornar ao tema da postagem?
    Grato,
    Vanderley Santos Filho - VSF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Vamos focar no assunto da pastagem. VSF"

      Sinta-se livre para dar sua opinião, mostrando o que acha certo.

      Excluir
  11. Vale a leitura:

    http://operamundi.uol.com.br/conteudo/entrevistas/31258/Meu+pai+achava+que+poderia+convencer+hitler+contra+exterminio+de+judeus+diz+filho+de+wächter.shtml

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vindo do filho de um importante oficial alemão, que em nenhum momento escolheu a seara de negar o holocausto...

      É no mínimo muito interessante!

      MFF

      Excluir
    2. É, no máximo, interessante.

      Excluir
  12. Você faz idéia do que seriam milhares de imigrantes ilegais num país de 7 milhões de habitantes? Os imigrantes ilegais, conseguem entrar no país pela fronteira como Egito.
    Qualquer país faria o mesmo.
    VSF

    http://mais.uol.com.br/view/65k9fo807g7i/israel-detem-imigrantes-ilegais-e-prepara-expulsao-0402CD183772D4C12326?types=A&

    http://refunitebrasil.wordpress.com/2010/03/02/onu-pede-que-egito-pare-de-atirar-em-imigrantes/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria mais ou menos se sua avó, dois tios e três primos passassem a morar na sua casa. A paz que você conhece e à qual se acostumou se esboroaria.
      Você tentaria ajudá-los a arrumar outro lugar urgentemente. E é o correto.
      Só que qualquer país europeu que tente barrar ou devolver seus imigrantes ilegais às suas origens viram "nazistas".
      Só israel é que não?

      Excluir
    2. Ilegais são os israelenses na Palestina.
      Por um mínimo de honestidade, é por aí que vc deveria começar o debate.

      Cobalto

      Excluir
    3. O verdadeiro debate, caro Cobalto, seria cada um ir emitindo sua OPINIÃO sobre o post que proponho e os comentários dados.

      Quem não concorda com isso, aquilo ou tudo, diga qual é o correto em sua respectiva concepção.

      Mas disse o Ultraje a Rigor: "Quem não tem nada pra dizer e nem nada o que fazer garante seu refrão com um palavrão".

      Ainda bem que eles ainda dizem alguma coisa.

      Excluir
  13. Não é o que vejo. Nenhum pais suporta, num pequeno espaço de tempo, uma imigração em massa. Temos como exemplo o Brasil onde no Acre, existem entre 4 e 5 mil Haitianos morando em acampamentos e lutando para serem reconhecidos como refugiados.





    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade.
      Então, "a Europa aos europeus!"

      Excluir
  14. Não tão radical assim. O que penso é que nenhum pais suporta em pouco espaço de tempo um numero grande de imigrantes. É o que ocorre agora com a Jordânia e os refugiados Sírios. É uma questão mais estrutural que prevê disputa por emprego, questões culturais etc. Vamos imaginar um exemplo grosseiro. Um sudanês, que pode se casar com uma mulher de 12 anos e ser polígamo e viesse para o Brasil, aqui seria pedófilo e bígamo.
    VSF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu conheço cidades paulistas pujantes que, por causa da ótima qualidade de vida e emprego, atraiu levas de nortistas sem nenhuma qualificação.
      Resultado: a oferta de moradia não dava cabo da súbita chegada e empregos eram quase zero para esse nível de mão de obra. Sem fonte de renda e onde morar,...
      O que dizer de continentes diferentes?

      Excluir
    2. Não vamos confundir imigração com migração.
      VSF

      Excluir
    3. Não há confusão. Apenas comparação. Entre brasileiros já ocorrem tantos problemas e dificuldades, entre culturas e idiomas tão distintos é até um despautério.

      Excluir
    4. A título de comparação, ok.
      VSF

      Excluir
  15. Nao entendi porque os fatos foram distorcidos aqui....estamos falando de imigrantes ilegais.....entraram ilegalmente num pais...

    Sao dezenas de milhares de imigrantes ilegais.....viajaram 2.000 km, para tentar entrar em Israel....onde supostamente teriam melhor oportunidade de vida......e se optaram por ir para este pais, foi seguindo outros conterraneos que haviam chegado anteriormente e estavam satisfeitos.....

    Muitos chegam, pedem asilo politico, pedem status de refugiados....dizendo que são perseguidos em seu pais de origem.....e assim, tentam evitar serem deportados...

    E no Brasil, na Europa, no Estados Unidos.....existem leis para regulamentar a imigração......e imigrantes ilegais são detidos e deportados.....

    So que no caso dos "judeus/talmudistas/sionistas/israelenses" , o local onde os imigrantes ilegais ficam detidos não é um centro de detenção.....é um " Campo de Concentração" .....

    Pra variar....aqui se usa 2 pesos e 2 medidas..

    Gerson Faldini

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que causa espécie, caro Gerson, é que a maioria dos países fazem propaganda de si, se pavoneando de sua qualidade de vida e tentando auferir lucros com visitantes.

      A sequela disto é que atrai aqueles que querem tentar a sorte além das fronteiras da mediocridade em que se encontram.

      Neste ciclo vicioso, acontece tudo isso que cansamos de ver no mundo.
      Abraços.

      Excluir
    2. Engano seu. O que provoca esse surto (i) migratório, é a busca pela sobrevivência normalmente causada por regimes políticos sem aptidão, policiamento ideológico, entre outros e ditatorial. Podemos exemplificar com a imigração alemã ao Brasil entre 1939/45.
      VSF

      Excluir
    3. E as centenas de guerras financiadas pelo império talmúdico/sionista.

      Excluir