Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Pontos Nevrálgicos - 8

Amigos e amigas.
Seguem abaixo pontos do capítulo XI, que é rápido e sucinto.

"Ocupemo-nos das medidas que nos servirão para rematar a transformação do Estado no sentido que já expusemos. Refiro-me à liberdade de imprensa, ao direito de associação, à liberdade de consciência, ao princípio eletivo e a muitas outras coisas que deverão desaparecer do repertório ou serem radicalmente mudadas, quando for proclamada a nova constituição." (E quando isso acontecer, o povinho anestesiado só conseguirá pronunciar: "AAAANNNN?!?!...")

"Os cristãos são um rebanho de carneiros e nós somos os lobos! (...) Fecharão ainda os olhos sobre tudo o mais, porque nós lhes prometeremos restituir todas as liberdades confiscadas, quando se aquietarem os inimigos da paz e os partidos forem reduzidos à impotência.
É inútil dizer que esperarão muito tempo esse recuo ao passado..." (Tudo bem! O povinho está bem acostumado ao mofo.)

"Isso serviu de base à nossa organização da franco-maçonaria secreta, que ninguém conhece e cujos desígnios não são sequer suspeitados pelos tolos cristãos, atraídos por nós ao exército visível das lojas, a fim de desviar os olhares de seus próprios irmãos." (Será que foram eles que criaram a expressão "Fingir-se de morto pra traçar o coveiro"?)

Quanto ao capítulo XII, faz uma semana que penso e tento resumir seus pontos nevrálgicos. Hoje, confesso que capitulei. Descobri que ele é um CAPÍTULO nevrálgico. Nele, seus autores explicitam a maneira que conduzirão a liberdade e a imprensa: com rédeas curtas e fortes para se protegerem de ataques. Só terão permissão para imprimir e publicar livros os coniventes a eles, os que tem algum "rabo preso" para serem controlados.

Publicações rápidas e resumidas que se opuserem a eles, se publicadas, serão taxadas grandemente. Só as que seguirem a tendência pré-estabelecida por eles serão quase grátis, para a maioria ter fácil acesso. Eventualmente permitirão passar obras extensas e enfadonhas da oposição, "que serão pouco lidas, sobretudo por causa de seu custo". Mas tudo precisará de autorização deles.

Frisa a absoluta necessidade de se apoderar da imprensa para influenciar os espíritos e o esquema de ter três planos de ação: o oficial, o oficioso e a (falsa) oposição. Esta servirá para os adversários acharem que tem força e condição para exporem suas armas e cairão na armadilha. Desta maneira, o controle das opiniões será completo. Criarão "montanhas russas" de situações conforme a necessidade do momento.

"Todos os órgãos da imprensa estão ligados entre si pelo segredo profissional". Nenhum jornalista ousa trair esse segredo por terem manchas em seu passado (fator obrigatório para sua admissão na órbita da literatura). E as províncias terão nutridas esperanças e aspirações diferentes das da capital (manobradas por eles). E, no final de tudo, a desonestidade pública desaparecerá para se dar a impressão que "o governo supremo atual funciona!"

Peço vênia de resumi-lo assim, com minhas palavras, mas acreditem que fui fidelíssimo. Tudo isso é bem explicitado lá no cap. XII.

FAB29

29 comentários:

  1. " Nenhum jornalista ousa trair esse segredo por terem manchas em seu passado (fator obrigatório para sua admissão na órbita da literatura)."

    Espero que nenhum jornalista formado leia isso...rs!

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já eu faço votos que leiam e confirmem os detalhes no capítulo XII.
      Será interessante.

      Excluir
  2. Os descendentes dos autores dizem que são falsos, porém ficam só dizendo isso.
    Provas e argumentos não trazem. Por que ? Porque não tem E uma enorme platéia bovinizada aplaude, faz coro irracional.

    No meio midiático existem algumas vozes opositoras e denunciadoras, mas não encontram o eco necessário. Por que ? Porque o povo já se encontra suficientemente idiotizado.

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamos continuar contribuindo com a "desidiotização" deles, meu caro.
      Abraço.

      Excluir
    2. Neste sentido, caro FAB29 ... posso adicionar seu blog ?

      Cobalto

      Excluir
    3. Claro que sim.
      Já enviei o link de seu blog e da Fada pra dezenas de contatos meus.
      Abraço.

      Excluir
    4. Cobalto,
      Você escreveu: ..."Os descendentes dos autores dizem que são falsos, porém ficam só dizendo isso. Provas e argumentos não trazem..."

      É o que sempre falei dos negacionistas.

      VSF

      Excluir
  3. Interessante que há algum tempo atrás, o dono deste blog escreveu que "não interessava" a autoria desses artigos, mas sim o fato de que foram escritos.

    Agora, juntamente com o Cobalto, considera por bem que os "descendentes dos autores" provem que eles não têm nada a ver com isso.

    Sem comentários...rs!

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se considerarmos que os autores foram realmente os sionistas (como muitos pontos lá atestam), todos seus descendentes que os estão pondo em prática precisam ser expostos, denunciados e punidos.

      A menos que você seja um dos que desdenham os Protocolos e creem que tudo não passa de teoria da conspiração.

      Excluir
    2. Teoria de conspiração é atribuir a autoria dessa "Bíblia do mal" a quem quer que seja, sem as devidas provas.

      Malgrado isso, fica tudo muito conveniente.

      MFF

      Excluir
    3. MFF, a quem interessa um crime ?

      1 ) A quem interessa a destruição, a ruína moral, econômica, espiritual dos povos ? Ou é tudo fruto do acaso ?

      2 ) Qdo pesquisados à fundo, se descobre alguma semelhança, alguma coincidência em praticamente todas as sabotagens para causar a tal ruína ?

      3 ) Por que certas pessoas trocam tanto de nome e possuim tantos passaportes diferentes ? Ou não sabe disso ?

      Cobalto

      Excluir
    4. MFF, tentaram à época. Não conseguiram E o máximo que papagueiam é que são falsos. Até pq o histórico desses escritos mostra o rabo preso que tem.
      Se fossem tão falsos, pq compram todos os exemplares pra q sumam ?
      Pq não conseguem desmascarar os tais escritos ?
      Pq alguns trechos foram escritos em ídiche e encontrado entre eles?

      Isso são fatos. Não são teoria da conspiração.

      Cobalto

      Excluir
    5. Com certeza. Não a tinha, mas este blog me convenceu que é teoria de conspiração.

      Excluir
    6. O mais certo não seria "Talmud do Mal"? Afinal, em muitas partes, os judeus são mostrados como sendo os autores e os cristãos, seus alvos.

      Se não lhe parecem provas, seriam o quê?

      Excluir
    7. Primeiro, desculpe pois não assinei a mensagem de 11:46.
      Fab29,
      Me desculpe pois tenho quase certeza que você não entende nada de Talmud. Mesmo que tivesse alguma ideia do que fosse, poderia nos dizer que "judeus" seriam esses? Que provas (objetivamente falando) são essas?
      VSF

      Excluir
    8. Em uma leitura fria, o expectador acreditaria nisso: http://pt.wikipedia.org/wiki/Os_Protocolos_dos_S%C3%A1bios_de_Si%C3%A3o (referência mais fácil de acesso, mas com ampla bibliografia para pesquisar ) - ou em uma série de considerações especulativas que julgam fazer uma ilação entre os tais protocolos e as misérias que assolam o mundo atual?

      Claro, isso desconsiderando qualquer avanço tecnológico da sociedade atual que efetivamente melhorou as condições de vida em âmbito global.

      Ou seja, acreditar que o rosário de problemas da humanidade em todos os lugares e em todas as raças - que desde sempre existem - são apenas mais uma das consequências dos atos nefastos dos sionistas; o que em parte (ou totalmente) justificaria a perseguição imposta aos mesmos antes da Segunda Grande Guerra.

      Completando, a mitonomia anti-semita se ampara em um "manual" com alicerces tão firmes como se fossem feitos de areia.

      E durma-se com um barulho desses...

      MFF

      Excluir
    9. Primeiro, VSF:
      A única prova incontestável que vejo é que tudo o que os Protocolos afirmam aconteceu durante o século XX e continua hoje em dia, sem tirar nem pôr. Quem comprovadamente os escreveu, seria interessante se descobrir. Quem os praticou e pratica merecem toda a punição.

      E a você, MFF.
      O VS disse mais acima que os Protocolos se tornaram para ele teoria da conspiração graças ao meu blog. Você crê que os Protocolos são uma simples fraude literária, como os sionistas apregoam sem cessar? É o que seu desdém me demonstra.

      Excluir
    10. Como postei, eles tagarelam que é fraude, que é fraude, que é fraude, que é fraude.... não conseguem provar "que é fraude" kkkkkkkkkkkk
      E ficam fazendo ares de sabedoria kkkkkkkkk


      Cobalto

      Excluir
    11. "Você crê que os Protocolos são uma simples fraude literária, como os sionistas apregoam sem cessar? É o que seu desdém me demonstra."

      A historiografia nega que os protocolos sejam de origem judaica, aponta apenas como uma ferramenta para atacar os sionistas. O que existem é um movimento anti semita que insiste nessa hipótese, nada mais natural que os alvos se sintam no direito de ao menos se defender. Isso é elementar.

      Tu não te defende de ataques pessoais? De injúria, calúnias?

      Além do mais, falta coisas mais concretas para fazer a ligação entre protocolos e a situação do século XX e mundo atual, é preciso de exemplos práticos, não apenas de exercícios filosóficos como criticar juros bancários.

      É preciso causa e consequência, listados, enumerados, elencados...não uma visão holística que no final das contas não explica nada.

      MFF


      Excluir
    12. Pá de cal.
      Muitíssimo grato.

      Excluir
    13. Negativo, um convite e um desafio à discussão!

      MFF

      Excluir
    14. É mais fácil o óleo se misturar com a água. Você é capaz de qualquer coisa pra defender os mestres sionistas.

      Os Protocolos sempre serão uma fraude pra você. Pra mim, são a comprovação da vilania dos donos da carne podre.

      Por isto, pá de cal.

      Excluir
  4. Obrigado. Bem que percebi um acréscimo nas visualizações.

    Unidos pela Campanha da Desidiotização Popular.

    Cobalto

    ResponderExcluir
  5. http://www.youtube.com/watch?v=iW4RZPLV5EQ

    Percebe-se que os referidos documentos destinam-se a destruir o cristianismo.
    A quem interessa destruir ? Quem sempre foram os inimigos de Cristo ?
    Sobra pro judaísmo e islamismo.
    Os islamitas não estão infiltrados massivamente nas mídias, literatura, sistema bancário, indústrias e comércio, posições estratégicas pólíticas em quase todas as nações ocidentais, correto ?
    Sobrou pra quem ?

    Se isso não é prova, então aos que não acreditam, só resta mesmo coisas do tipo tarja preta, divâ ...

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cobalto,
      Desde quando o Islamismo é "inimigo de Cristo"? De onde você tirou essa ideia? É melhor rever as suas informações.
      Quanto ao judaísmo, você está certo: o ódio e o rancor judaicos contra o cristianismo, vem de longe.

      Excluir
    2. Bingo !! Ref. ao judaísmo e aos PSS.

      Caro , anônimo.

      Onde se instala um governo islâmico, o cristianismo é perseguido. Ou não ?

      Cobalto

      Excluir
  6. Custou achar, mas consegui. Aqui está o vídeo onde Moshe Dayan confessa ser tudo verdade que falam sobre os Protocolos.

    MFF e VSF , vejam , são irrefutáveis
    http://www.youtube.com/watch?v=2Z4m4lnjxkY

    ResponderExcluir
  7. Depois desta, estou fora.

    ResponderExcluir