Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


quinta-feira, 29 de maio de 2014

Câncer e fungos

Amigos e amigas.
Novamente retorno ao tema: seria o câncer causado por fungos? Desta feita, publico uma reportagem/publicidade que traduzi daqui:

Muito me interessou porque a explicação se mostrou muito procedente. Convido-os a conhecê-la.
FAB29

O que é exatamente Candida?
E por que é tão difícil de se livrar?
Por: Clare Davidson

Candida albicans é uma levedura fúngica. Ela está presente naturalmente no intestino humano; todos têm Candida albicans que vive dentro de si, até certo ponto.
Nosso intestino também é cheio de bactérias naturais que se alimentam de fungos e mantém os níveis em um número baixo para impedi-lo de tornar-se um problema.
A levedura torna-se problemática quando aumenta para além dos níveis normais e se propaga ao longo do trato gastrintestinal, para a circulação sanguínea e a partir daí, ao longo do corpo.
Uma vez que está solta na sua corrente sanguínea, a levedura, em seguida, faz algo notável e se transforma em fungo.

Uma vez que a levedura
escapa do seu intestino,
como 'Alien', é solto na 'nave-mãe'
Este fungo agora envolve-se em seu tecido e uma colônia de fungos se espalha rapidamente.
‘Uma vez que a levedura Candida escapa do seu intestino, é solta em sua corrente sanguínea e parece que adquire uma autoconsciência; como alienígena, é solta na nave-mãe. Ela começa a formar o fungo Candida, que é protegido por uma armadura poderosa chamada de "camada de quitina" semelhante à dos insetos com exoesqueletos.’
O fungo causa estragos em seu corpo e excreta mais de 300 micotoxinas diferentes em sua corrente sanguínea, como resultado de seu próprio processo digestivo.
O fungo está protegido, uma vez que já deixou seu intestino e não tem o desafio de suas bactérias intestinais tentando comê-lo.
Normalmente, antes que isso ficasse fora de controle, o sistema imunológico iria identificar e combater este intruso 'alien' sem suar.
Infelizmente, mais e mais pessoas sofrem de sistemas imunológicos baixos devido ao estresse, má alimentação ou problemas de saúde em geral.
Isto significa que o sistema imunológico não é tão forte quanto ele precisa ser para combater o fungo Candida.
No entanto, esse não é o problema real com Candida. O problema real é a "armadura" do fungo.

O fungo é protegido por uma armadura igual à membrana celular, impossível para o seu sistema imunológico penetrar


Chama-se: quitina ou camada de quitina.
Imagine que o fungo está vestindo uma armadura que seu sistema imunológico não pode perfurar se estiver fraco.
É por isso que é tão difícil de se livrar do Candida!


fungo pode permanecer dormente no corpo por anos e, no momento em que você escorregar com sua dieta mesmo apenas por um único dia, ou talvez você só tenha uma semana estressante, seu sistema imunológico se deprime.

Candida pode não estar 'faminto' para matar por uma dieta especial; ele é projetado para digerir seu corpo
depois de você morrer

Sim, mesmo quando o seu corpo morrer, o Candida vai permanecer e prosperar em seu corpo.
Mesmo quando você parar de respirar, parar de comer, o Candida vai ainda estar vivo dentro de você e te comer de dentro para fora, porque ele é projetado para deteriorar o corpo após a morte.
É parte do processo natural de deterioração de um corpo morto.
É por isso que dietas especiais contra Candida ou tratamentos alternativos simplesmente não funcionam; eles apenas mascaram os sintomas, uma vez que uma infecção pelo fungo Candida irrompe e 'crava os dentes' em seu tecido.

Se você tem esses sintomas,
é provável que você venha a ter Candida:

Os sintomas mais comuns que indicam uma infecção por Candida são:
  • Sapinho
  • Garganta inflamada
  • Inchaço
  • Flatulência
  • Prisão de ventre
  • Diarréia
  • Dor de ouvido
A razão por que é tão difícil de diagnosticar Candida é porque os seus sintomas são diferentes dependendo de onde o fungo decidir residir em seu corpo.
Lembre-se: porque agora está solto em sua corrente sanguínea, o fungo pode se instalar em todos os tipos de lugares. Pegue o cérebro, por exemplo.
Candida é uma das poucas coisas que realmente podem atravessar a barreira hemato-encefálica
E quando o fungo se instala no cérebro, cria seus micélios (cogumelo), como rede em seu cérebro; os sintomas mais comuns são depressão, ansiedade e confusão mental.
Eu sei que quando você ler a seguir, você pode ficar cético e dizer "Oh, mas estes sintomas podem ser causados ​​por muitas coisas diferentes". Sim, você pode estar certo.
Uma rápida pesquisa em um site médico ou wiki vai mostrar estes sintomas e muitos mais e, na verdade, imagina-se haver mais de uma centena de diferentes sintomas que podem ser expressos em alguém com Candida.
Tudo depende de onde o fungo está localizado.
Os estágios iniciais de uma infecção por Candida , muitas vezes, envolvem o intestino, boca e trato urinário.

A conexão entre Candida e Câncer
Foi somente através do trabalho e determinação de cientistas dedicados, como Alexander Fleming (descobridor da penicilina) e Louis Pasteur que ignoraram as risadas, que se começou a procurar as evidências para suas teorias e finalmente provaram que estavam corretas - a verdade foi finalmente aceita e velhas idéias foram deletadas. Neste artigo, eu vou falar sobre um médico que tornou o trabalho de sua vida para provar que o câncer é um fungo, que é ligado à Candida, e câncer pode ser evitado facilmenteNo entanto, ele foi ridicularizado quando sugeriu isso há vinte anos atrás. Hoje mais e mais cientistas, médicos e pacientes estão vindo para a frente para se levantar e dizer este homem é correto!

Candida ser encontrado em quase todos os cânceres
é apenas uma coincidência?
Os exemplos a seguir em matéria de coexistência de Candida e Câncer foram coletados por diversos autores; os seguintes números mostram a porcentagem de tumores cancerígenos que tem Candida presente após a morte:
RL Hopfer: 79%; WT Hughes: 91%; Kaben: 80%; TE Kiehn: 97%

Estes números são realmente impressionantes, especialmente quando você pensar sobre o quão difícil é ver Candida nos materiais orgânicos a serem examinados; os números reais podem ser muito mais elevados.
Hoje, mais e mais evidências vêm à luz por cientistas de todo o mundo sobre a conexão entre Candida albicans e Câncer.
Italiano oncologista (médico para câncer), Tullio Simoncini, tem sido um defensor da hipótese de fungos em relação ao câncer.

Dr. Simoncini está bem ciente da epidemia de Candida no mundo que não está sendo tratada. Ele acredita que o fungo é subestimado por tão pouco que se sabe sobre ele. Sua pesquisa começou quando ele percebeu que havia uma estranha conexão com todos os tipos de câncer em que todos se comportavam da mesma forma, apesar de sua ocorrência em uma ampla variedade de locais no corpo. Ele, então, começou a procurar um denominador comum em todos esses diferentes tipos de câncer e acreditou que tinha encontrado quando ele viu que a maioria dos cânceres aparecem na cor branca. Essas massas brancas são fungos. Brancas, como a Candida albicans(em latim, Candida albicans literalmente significa 'branco brilhante')

A presença desses fungos em todos os tumores em nada há de surpreendente no mundo da medicina. A resposta oficial "linha mestra" da maioria dos oncologistas (médicos para câncer) é que Candida é um organismo oportunista que encontra raiz dentro dos tumores em desenvolvimento existentes e cresce.
No entanto, Dr. Simonicini e outros discordam fortemente, porque quando você começa a olhar como Candida transforma em fungo e o que acontece depois, a imagem fica muito clara.
O primeiro problema é que essas leveduras chegam a todos os lugares do seu corpo. Embora elas possam começar em seu intestino, logo passam para a corrente sanguínea e, em seguida, elas podem acabar em qualquer lugar. E elas produzem uma substância alcoólica açucarada como um subproduto da sua própria existência, e este álcool açucarado alimenta as células cancerosas. Além disso, fungos são anaeróbios, o que significa que eles não usam oxigênio para sobreviver. Se eles se movem através do seu corpo e colonizam uma área de sua mama ou da próstata, eles criam condições anaeróbicas. E o câncer se desenvolve em situações em que os níveis de oxigênio são reduzidos.

Podemos seguir o padrão de desenvolvimento da levedura Candida para fungo e, a seguir, para o câncer:

1. Primeiro, o fungo Candida cria profundas raízes no tecido conjuntivo (em vários órgãos.)
2. O fungo, em seguida, expande-se; o corpo responde ao tentar fagocitar as colônias de fungos, com o resultado sendo a formação de neoplasias; basicamente, se forma um tumor ao redor do fungo.
3. Crescimento tanto no tecido circundante e outras áreas do corpo (metástases).
4. Esgotamento progressivo do corpo com a consequente invasão total do corpo.
Se você é como eu, isso pode parecer uma língua estrangeira para você em primeira instância. Em bom português, significa que o fungo Candida cria um ambiente na área do seu corpo em que ele vive e faz com que a mutação de células e tumores de câncer de desenvolvam.
Poderia ser realmente assim tão simples? Se fosse, então isso significaria que estaríamos à beira de uma revolução; isso significaria que é possível evitar que você e seus entes queridos desenvolvam câncer.
Estes médicos e cientistas estão agora nos mostrando que podemos nos proteger de câncer simplesmente eliminando o precursor da doença - conhecido como Candida albicans.
A resposta é matar o fungo e impedi-lo de invadir nossos corpos no futuro. Reforçando:
Por que os métodos tradicionais de controle da Candida como dietas antifúngicas simplesmente não funcionam?
Quando eu aprendi sobre a pesquisa do Dr. Simoncini, eu estava determinada a encontrar uma resposta para o meu problema de Candida, já que eu tinha certeza de que tinha Candida e, se eu não fizesse algo, a minha saúde poderia piorar.
Não demorou muito tempo para perceber que não havia uma solução real lá fora, e eu estava ficando um pouco desesperada.
Há uma abundância de soluções lá fora para Candida; no entanto, como eu disse anteriormente, elas não lidam com a raiz do problema , porque a Candida é coberta por uma armadura semelhante à camada de quitina.
A camada de quitina é feita do mesmo material que os exoesqueletos rígidos de insetos, como as baratas.
Isso faz com que seja impossível para o seu sistema imunológico atacar o fungo.
Esses pequenos sugadores com camada de quitina, exoesqueletos, são quase indestrutíveis.
Só que este  está em seu corpo!
Você pode envenenar baratas ou formigas, mas você não pode usar exatamente a mesma abordagem com o seu corpo; você morreria.
Pegue dietas para Candida, por exemplo
Então, na maioria das vezes, tudo o que essas 'soluções' fazem é colocar o crescimento de fungos sob controle temporário , reduzindo um pouco seus efeitos.
O fungo Candida fica dormente em seu corpo, esperando para incendiar novamente e, em geral, sempre faz eventualmente!
Você pode fazer uma dieta especial contra Candida que não envolva nenhum açúcar, álcool, pão, café, chá, massas e alimentos refinados. Parece fácil, né? Definitivamente não é para mim e muitos outros.
Muitas pessoas simplesmente veem que isso não é para o seu estilo de vida, pois precisariam de uma força de vontade férrea porque se a pessoa se desviar da dieta, mesmo levemente, seu Candida pode voltar com força total, às vezes até mais forte do que antes.
E lembra-se do que eu disse antes? Candida permanece em seu corpo e o digere mesmo depois de morrer! Ele foi projetado para dissolver seu corpo após a morte.
Mesmo quando você parar de respirar, parar de comer e beber qualquer coisa , o Candida vai sobreviver e comer o seu corpo, porque é anaeróbio, não precisa de oxigênio para sobreviver, ele cria seu próprio sistema de auto sustentação em seu corpo para se manter vivo.
Combater uma infecção por Candida com uma dieta especial é como trazer uma pistola de água para uma cena de batalha.
Como agem medicamentos antifúngicos?
Se o seu médico o diagnosticou com Candida, em seguida, ele provavelmente irá oferecer-lhe medicamentos antifúngicos. O problema com medicamentos, tais como antifúngicos azólicos é que eles colocam uma grande quantidade de estresse sobre os rins e o fígado. Os efeitos colaterais incluem dores de cabeça e náuseas e simplesmente não é prático usar estes com qualquer freqüência pois você correrá o risco de danos ao fígado.
Você tem que chegar à raiz do problema.

Existe uma fácil, segura maneira de impedir que o fungo conserte sua camada de quitinaseu sistema imunológico, então, simplesmente manda o fungo para fora!

A solução é enfraquecer
a camada de quitina
e deixar seu corpo se livrar
naturalmente do fungo!
Supressor da parede celular da Candida (Inibidor da Síntese de Quitina)
Depois de pesquisar bastante e fazer um monte de investigações (acreditem, eu fiz a minha lição de casa), eu achei que realmente não havia nada lá fora que lidava com a raiz do problema com fungo Candida.
Foi quando se tornou claro para mim que eu tinha que formular minha própria resposta.
Com a ajuda de um amigo brilhante e depois de um ano e meio de trabalho, encontramos algo que foi enterrado pela indústria farmacêutica corrupta - que tem sido usado há anos em mamíferos por veterinários e foi extremamente eficaz. Nós fizemos uma tentativa e os resultados foram surpreendentes.
Há uma maneira de livrar-se do fungo Candida.
Envolve nenhuma dieta especial ou restrições através de uma dieta, embora uma dieta rica em legumes / antioxidantes pode ajudar o corpo a combater o fungo e matá-lo.
É completamente seguro em seu fígado e rins. É chamado Inibidor da síntese de quitina.
Como Funciona
O que o Inibidor da síntese de quitina faz é impedir o fungo Candida de reparar sua parede tipo armadura (camada de quitina)

Normalmente, o fungo Candida tem que manter constantemente e produzir este muro para se proteger do seu sistema imunológico, do stress e da pressão constante que ele recebe estando dentro de seu corpo.
O Inibidor da síntese de quitina impede o Candida de fazer isso; a camada de quitina começa a enfraquecer, e seu sistema imunológico começa a atacar o fungo.
fungo, que anteriormente estava a proteger-se do seu sistema imunológico, já perdeu sua armadura e está pronto para ser banido fora de seu corpo!
Os fungos, incluindo Candida albicans, morrem rapidamente quando há buracos em suas paredes celulares, e é isso que acontece rapidamente quando sua produção de Quitina é interrompida.
O que acontece é isto: em vez de produzir um Ergosterol forte - matriz da parede celular de quitina - o Candida produz uma parede celular de Ergosterol fraca, com buracos de "vazamento" onde deveria haver quitina, levando rapidamente à falha catastrófica de sua parede celular em vários pontos, fazendo com que o seu conteúdo corra para fora, matando o fungo Cândida. Em outras palavras, o fungo "sangra" até a morte; o seu protoplasma (seu interior) simplesmente escapa devido à pressão intracelular.


O fungo Candida NÃO PODE sobreviver
após o tratamento com
Inibidor da Síntese de Quitina

O tratamento é feito ao longo de várias semanas, para permitir a absorção completa. inibidor da síntese de quitina é um composto inerte que funciona apenas na quitina - nenhum sistema no corpo humano utiliza quitina; por isso, tem zero efeito sobre os sistemas vitais . O Inibidor da síntese de quitina é absorvido em seu tecido adiposo e liberado lentamente ao longo de várias semanas.
Este tratamento é extremamente único, pois atravessa a barreira hemato-encefálica, e pode lidar com infecções fúngicas de Candida no interior do cérebro.

Todos nós temos um pequeno nível desta levedura em nossos corpos - não nos prejudica enquanto ela permanece naqueles pequenos níveis.

Inibidor da síntese de quitina é um composto que impede a levedura de produzir essa camada de quitina para proteger-se e, sem esta proteção o seu corpo pode, naturalmente, atacar e matar o fungo.

O que torna este composto uma grande solução na sua infecção por Candida é que ele é um químico totalmente inerte que não tem efeito sobre qualquer um dos sistemas humanos. Como seres humanos não têm os processos do corpo que envolvam a criação de quitina, então, tomar um inibidor da quitina não terá nenhum efeito sobre o corpo humano; mas vai, no entanto, tornar vulnerável a levedura que está infectando o seu sistema. O composto foi testado por muitos anos em mamíferos e mostrou consistentemente ter zero efeitos adversos, mesmo quando tomado em doses maciças.

Inibidor da síntese de quitina é realmente o tratamento mais seguro e mais fácil que você vai encontrar para Candida albicans.

Leia também: http://saude-info.info/os-sintomas-de-infeccao-intestinal-de-leveduras.html

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Essencialmente, nada contra.

Amigos e amigas.
Algumas vezes, me perguntam o que eu tenho contra os judeus. Como sempre, respondo de chofre: absolutamente NADA. O povo judeu em si em nada se difere, se destaca ou sobrepuja outros povos nos quesitos capacidade, inteligência e dedicação. São nacionalistas, exclusivistas, dedicados às suas crenças, personalistas, segregacionistas, etc, como tantos outros povos.  Essencialmente falando, nada vejo de especial, sensacional, ofensivo, deletério,... São apenas e tão somente um povo normal com suas cultura, tradições, religiosidade, história e tudo o mais que é inerente a todos os outros.

O que pega, como em qualquer outro povo, é a sua cúpula político-administrativo-financeira, formada por seres nada confiáveis, especialistas em destruir os outros para se sobressaírem ou manterem sua supremacia. Junto a isto, são mestres da hipocrisia e dissimulação pela propaganda. Através desta, conseguem não apenas esconder seus planos e excrescências como também açambarcar simpatias, comiseração e apoio de muitas pessoas que são alienadas e acomodadas o suficiente para nem tentarem analisar o que lhes é dito e mostrado.

Toda crítica e questionamento que faço neste espaço (que alguns apedeutas ou coisa pior acusam ser "contra os judeus") é direcionado única e exclusivamente a esses seres que emporcalham a humanidade e a maioria judia que não merece a ignomínia perpetrada por seus líderes. Eu tanto não sou contra os judeus que vários pontos de suas cultura e tradições eu apoio. O Levítico e o Deuteronômio têm muita coisa certa. Exemplo:

- A doutrina do "olho por olho, dente por dente, fratura por fratura" deveria ser regra: todo crime ou delito que fosse feito contra alguém seria retribuído de acordo e merecidamente, sem meios termos, amenizações ou postergações;

- A parte sobre "uniões abomináveis" é perfeita, assim como "acerca dos filhos desobedientes". Pode-se (até deve-se) questionar as punições, mas é outro caso.

O segregacionismo judeu me é 100% correto. Eles não se permitem assimilar, não querem que se metam em suas tradições e só aceitam outros em suas fileiras se esses se converterem e jurarem fidelidade ao judaísmo. É justo. Não é crime não querer se misturar. Muçulmanos, orientais, os Amish e vários outros também optam por segregar. Qualquer povo ou raça que o fizer estará correto. Não entendam com isto que estou afirmando que os que querem se miscigenar estão errados. Nunca! É puro livre arbítrio.

O nacionalismo judeu também me é admirável. Eles se protegem, se ajudam, se elogiam, qualquer coisa para priorizar um correligionário desconhecido como se fosse membro da família. Podemos (e devemos) questionar o mal que chegam a causar para se beneficiarem, mas que eles estão corretos em serem "puxa-sacos" de si mesmos, não ponho dúvidas. Todos deveriam ser assim.

E completando, cito uma facção judaica de Fiéis à Torah e anti-sionistas extremos que admiro muito: os Neturei Karta, que tenho como exemplos de verdadeiros judeus. Eu os chamo de "Judeus de Alma" por respeitarem completamente as suas Escrituras e quererem o bom convívio com os outros povos, como publiquei recentemente aqui: http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2014/05/hombridade.html

Concluindo: se essa mancha (pra dizer o mínimo) chamada Sionismo não existisse, o povo judeu já teria sua terra natural e justamente, o mundo viveria uma paz mais palpável e sensível, os palestinos teriam continuado em suas terras e o Oriente Médio não estaria em constante ebulição. É evidente que não seria a panaceia da humanidade, mas pelo que constato, estaríamos muito melhor.
FAB29

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Hombridade

Amigos e amigas.
Quantos países se independeram nos últimos 50 anos? Rememoremos, segundo a wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_pa%C3%ADses_por_data_de_independ%C3%AAncia_ou_cria%C3%A7%C3%A3o):

- África: Angola, Cabo Verde, Comores, Djibouti, Guiné Equatorial, Eritreia, Guiné Bissau, Malawi, Ilhas Maurício, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Seychelles, Sudão do Sul, Suazilândia, Zâmbia e Zimbábue [16 países];

- Américas: Antígua e Barbuda, Bahamas, Barbados, Belize, Dominica, Granada, Guiana, São Cristóvão e Neris, Santa Lúcia, São Vicente e Granadinas e Suriname [11 países];

- Ásia: Armênia, Azerbaijão, Bahrein, Bangladesh, Brunei, Geórgia, Hong Kong, Rússia, Kuwait, Quirguistão, Macau, Maldivas, Qatar, Tadjiquistão, Emirados Árabes e Uzbequistão [16 países];

- Europa: Bielo-Rússia, Bósnia-Herzegovínia, Croácia, República Checa, Macedônia, Malta, Moldávia, Montenegro, Eslováquia, Eslovênia e Ucrânia [11 países] (À espera; previsão: Catalunha [09/11/2014], Criméia [16/03/2014], Escócia [18/09/2014])

- Oceania: Fiji, Kiribati, Ilhas Marshall, Micronésia, Nauru, Nova Caledônia, Palau, Papua Nova Guiné, Ilhas Salomão, Tonga, Tuvalu e Vanuatu [12 países].

Há outros cuja independência tem várias datas (Alemanha, por exemplo) e não os incluí. Há doze países cujas independências são reconhecidas por muitos países, mas a "Senhora ONU", subserviente como ela só, faz ouvidos de mercador. A Palestina é o maior exemplo: proclamou sua independência em 15/11/1988 e é reconhecida por 134 países. Mas basta Israel e seu pit bull estadunidense não aceitarem para tudo travar.

O fato é que os palestinos são habitantes ancestrais e, por isto, legítimos da região. Sempre foram maioria lá, como bem mostra esta sequência de mapas: http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2014/01/mais-histeria.html

Quem é minimamente isento e digno em sua idiossincrasia respeita os palestinos e condena as grotescas e até criminosas atitudes do 'estado judeu' pela espoliação e ataques que perpetram a esse povo. Mas os verdadeiros judeus não fazem assim. Segue abaixo uma declaração de um grupo judaico chamado American Neturei Karta. Vejam a essência do judaísmo nas palavras de pessoas que respeitam suas tradição e cultura religiosas.
FAB29

UMA DECLARAÇÃO SENSACIONAL
DOS JUDEUS FIÉIS À TORAH
a 30 de setembro de 1997,
no New York Times

  Citação: = Rabino Schwartz, New York Times, 30 de setembro de 1997!
"Usando sua nova política atéia de exílio, eles [os Sionistas] provocaram e aumentaram o anti-semitismo na Europa que levou à Segunda Guerra Mundial... O boicote mundial contra a Alemanha em 1933 e a posterior declaração aberta de guerra contra a Alemanha iniciados pelos líderes sionistas e pelo Congresso Mundial Judaico enfureceram Hitler, que assim ameaçou destruir os judeus..."


Fac símile: = Daily Express, Londres
24 de março de 1933!

"JUDÉIA DECLARA GUERRA À ALEMANHA - JUDEUS DE TODO O MUNDO UNIDOS EM AÇÃO. BOICOTE DAS MERCADORIAS ALEMÃS."
 (Daily Express, 24 de março de 1933)
Assim foi como os líderes sionistas iniciaram a II Guerra Mundial,
de acordo com revelações impressionantes dos Judeus Fiéis à Torah.


The New York Times 
30 de setembro de 1997

"De acordo com a  Torah, nós devemos declarar que os verdadeiros judeus se opõem a estes atos: pedidos para investigações de acusações e exigências contra a Suíça, (bancos, governo e instituições) ou qualquer nação. Nós não pegaremos qualquer dinheiro ou propriedade daí resultante. Certamente, nós nos opomos a ameaças de boicote, táticas  coercivas, insultos e intimidação.

Nós sabemos que, durante a guerra, a Suíça foi um porto seguro para milhares de judeus, incluindo aqueles admitidos de países vizinhos ocupados, e que os judeus viviam lá pacificamente. Além disso, a Suíça e a Suécia providenciaram – correndo grande risco – “safe houses” (No jargão dos policiais e das agências de inteligência, uma 'casa segura' é um local protegido, adequado para esconder testemunhas, agentes ou outras pessoas percebidas como estando em perigo.) em Budapeste que abrigaram 100.000 judeus.

A CRENÇA E O ENSINAMENTO DA TORAH
DURANTE O EXÍLIO
Temos sido renegados por Deus para "não entrarmos na Terra Santa como um corpo antes do tempo predestinado", "não nos rebelarmos contra as nações", sermos cidadãos leais, nada devemos fazer contra a vontade ou a honra de uma nação, não procurar vingança, discórdia, restituição ou compensação; "não deixar o exílio antes do tempo." Ao contrário, nós devemos ser humildes e aceitar a punição do exílio. Violar os juramentos resultaria em "sua carne ser tornada caça como o cervo e o antílope na floresta" e a redenção será adiada. (Tratado do Talmud  Ksubos 111). Violar os julgamentos não é apenas um pecado; é uma heresia porque vai contra os fundamentos de nossa Crença.

Antes de O Todo-Poderoso nos dar a Terra Santa 3268 anos atrás, Ele estipulou estas condições: Se obedecermos à Torah, será nossa; se não, seremos expulsos. Nós pecamos e fomos exilados da terra “Umipnay chatoenu golenu mayartsenu". Apenas através de arrependimento completo, o Todo-Poderoso, sozinho, sem qualquer esforço ou intervenção humanos, vai nos redimir do exílio. Isto será depois de Deus enviar os profetas Eliyu e Moshiach, que irão fazer os judeus executarem o arrependimento completo. Neste tempo, haverá paz universal.

Qualquer sofrimento no exílio é punição divina e não devemos fazer nada sobre isso por nossa conta porque as nações onde sofremos são apenas instrumentos da raiva de Deus por nossos pecados (texto em hebraico aqui). A Torah nos ensina como sobreviver durante o exílio (texto em hebraico aqui) através de sermos humildes, (não vingativos, sem exigências ou vingança). A Torah nos dá um exemplo disso e diz que, no oceano, se deve ir debaixo da onda (Tratado do Talmud Yevomus 121). Nós temos que aceitar a punição; se formos contra ela, sofreremos mais. O único modo de aliviar o sofrimento durante o exílio é através do arrependimento. Nós devemos corrigir nossos caminhos e rezar para que Deus não nos puna novamente.

O povo judeu ficou fiel à Crença por mais de 1800 anos e lidou com os problemas do exílio de acordo e jamais pediu por coisas tiradas deles até o advento do Sionismo, 100 anos atrás.

A POLÍTICA DE EXÍLIO SIONISTA
Os Sionistas não acreditam que os judeus são uma nação especial (texto em hebraico aqui), mas dizem que os judeus são um povo nacionalista, uma nação como todas as nações, e que podem resolver seus problemas através de seu próprio poder (texto hebraico aqui) usando a palavra de ordem "Nunca Mais!". Eles dizem que nós, judeus, fomos exilados porque tínhamos um exército fraco e sofremos no exílio porque não nos levantamos fisicamente e politicamente, não falamos alto, sem vergonha, deixamos que nos enganem e não exigimos restituição. Eles afirmam que, com um exército forte, podemos nos retirar do exílio. Usando sua nova política ateia de exílio, eles provocaram e aumentaram o anti-semitismo na Europa que levou à Guerra Mundial e à destruição dos judeus europeus. Todos os grandes rabinos haviam avisado das terríveis conseqüências da heresia sionista. A mesma política de exílio causou problemas no Oriente Médio, onde os judeus tinham vivido pacificamente com os árabes até o advento do Sionismo. Agora as mesmas táticas estão sendo usadas contra os suíços e outras nações.

O ato isolado de procurar compensação e restituição de uma nação - mesmo sem ameaças - provoca anti-semitismo, quer eles recebam ou não o que querem. O anti-semitismo é um fenômeno que serve ao objetivo primário do Sionismo - aumentar a imigração para o seu estado. Isto é evidenciado pelo fato de que toda a campanha contra os suíços foi iniciada no Estado sionista por Avraham Burg, chefe da Agência Judaica (a organização sionista que promove a imigração ao Estado sionista).

CHUTZPAH (“cara-de-pau”) SIONISTA
Como puderam os líderes sionistas e o Congresso Mundial Judaico (uma importante organização sionista) pedir propriedade judaica? O boicote mundial contra a Alemanha em 1933 e a posterior declaração aberta de guerra contra a Alemanha iniciados pelos líderes sionistas e pelo Congresso Mundial Judaico enfureceram Hitler, que assim ameaçou destruir os judeus. Então, a Conferência de Wannsee, de janeiro de 1942, decidiu o destino dos judeus, e o sofrimento de verdade começou. Os sionistas também recusaram e bloquearam esforços de salvamento e suprimentos de comida durante a guerra. Seu lema era "Rak B'Dam (Apenas com sangue conseguiremos a terra)"

NÓS DECLARAMOS:
* O Estado Sionista ou qualquer organização sionista, ou uma que se auto-denomina "Conselho Ortodoxo Mundial" e qualquer indivíduo envolvido neste tema não representa os Judeus fiéis à Torah.
* Os Judeus fiéis à Torah pedem que os políticos envolvidos com o assunto parem de lidar com isso.

NÓS, AQUI, PROCLAMAMOS:
* O Sionismo é uma heresia e os verdadeiros judeus não são contaminados pelo Sionismo. Judeus verdadeiros não se envolvem com as atividades sionistas. De acordo com a Torah, não nos é permitido insultar, humilhar ou dominar outro povo.
* Toda terra deve ser devolvida à nação palestina e outras terras ocupadas devem ser devolvidas à Síria e ao Líbano.
* Políticos sionistas e seus companheiros de viagem, mesmo se aparentarem religiosidade, não falam pelo povo judeu. De fato, a conspiração sionista contra a tradição e lei judaicas tornam o Sionismo e todos os seus feitos e entidades os arqui-inimigos do povo  judeu!

AMERICAN NETUREI KARTA
AMIGOS DE JERUSALEM


Rabbi Schwartz - P.O.B. 1030, New York, NY 10009

terça-feira, 20 de maio de 2014

PromiscuidAIDS!

Amigos e amigas.
Vejam este artigo que traduzi sobre o aumento de casos de AIDS no Reino Unido. Triste constatar que mesmo com tanta informação, campanhas, avisos, etc, muita estupidez ainda grassa na pobreza mental e inconsequência de muita gente.
FAB29

"O número de pessoas que adquiriram o HIV/SIDA através de relações heterossexuais no Reino Unido aumentou dramaticamente e tende a continuar, os especialistas têm alertado.
Infecções no Reino Unido aumentaram de 1.950 em 2001 para mais de 4.000 em 2011; mais que o dobro. Então, em 2012, um preocupante 6390! Estima-se que em 2013 este número era próximo de 8000. Contudo, o número de novos diagnósticos entre pessoas nascidas na África caiu de 35 por cento do total dos diagnósticos, em 2011, para 29 por cento em 2012 e Pesquisa da Taylor Nelson Sofres Healthcare, a TNSH, mostra que 54% de todas as infecções por HIV no Reino Unido são por relação heterossexual.
Então, por que um súbito aumento na prevalência do HIV entre heterossexuais britânicos brancos? A grande maioria das mulheres heterossexuais diagnosticadas com HIV no Reino Unido foram infectadas no exterior e David Sykes, da HIVNow UK, acredita que é em grande parte devido ao turismo sexual feminino: "O número de mulheres ocidentais que viajam para os países menos desenvolvidos para ter relações sexuais com os homens locais tem aumentado dramaticamente nos últimos anos".
"Infelizmente, os destinos turísticos mais populares do sexo parecem ser as áreas com problemas de HIV/SIDA mais graves", continua ele. "Essas mulheres têm relações sexuais desprotegidas com homens na África, em seguida, voltar para casa e passam a seus maridos."
"Eu me deparei com um caso recentemente onde marido e mulher foram ambos infectados pelo HIV, juntamente com seus dois filhos pequenos. Após investigação, foi revelado que a mulher tinha tomado parte em uma viagem humanitária oito anos antes na África Subsariana, tendo sexo vaginal e anal sem proteção com homens locais - Infectando seu marido um ano depois e, posteriormente, infectando seus dois filhos através da amamentação."

Populares destinos de turismo sexual femininos incluem o Caribe, especialmente Barbados e Jamaica, e os países africanos, como a Gâmbia, Senegal e Quênia.

A escritora do The Guardian, Julie Bindel, especulou em um artigo que os números de infecção por HIV sugerem que o uso de preservativo pelos "meninos" na região do Caribe pode ser esporádico, mas turistas sexuais femininos não parecem em tudo preocupados com os riscos potenciais. Muitas mulheres pensam que o HIV é algo que só acontece com os homens gays e que , dada a atmosfera incomum e emoção de sexo com um homem exótico, os preservativos são raramente usados ​​ou discutidos antes da relação sexual - e, qualquer coisa, são desencorajados pelas mulheres ocidentais."


Fonte: http://www.dailystormer.com/white-women-flying-around-the-world-to-have-sex-with-blacks-are-bringing-hiv-aids-back-to-the-uk/

sexta-feira, 16 de maio de 2014

"Meio" impossível!...

Amigos e amigas.
Voltando ao tema "Impossibilidades" referente à historiografia do holocausto, colocarei algumas questões forenses aventadas por este sítio:
http://www.nafcash.com/

Ali, é perguntado como 2 milhões de pessoas (que o museu Yad Vashem já alegou ser um número maior) puderam ter sido enterrados em 75 valas de quatro pequenos sítios (Belzec, Treblinka, Sobibor e Chelmno) sem deixar vestígios. O Nafcash até afirma que "nem 1/1000 de 1% foi encontrado".

Vejam abaixo as dimensões de dois desses campos:
Campo de Belzec (alto à direita), onde couberam 600 mil judeus.
Campo de Treblinka, onde couberam 900 mil judeus.
Em laranja, as ditas covas coletivas.
Vejam a tabela abaixo:

The site of the   alleged crime
The number of
so-called
huge mass graves
The number of jews allegedlyexterminated
at each site
The method allegedly used by the Germans to conceal their crime
Belzec
33
600,000 *
Dig the bodies out of the alleged 
graves;” then burn them on pyres made from railroad rails; then throw all the teeth and bones back into the same alleged graves;”then cover all the physical evidence with a layer of sand.
Chelmno
15
152,000 *
Sobibor
16
250,000 *
Treblinka
11
900,000 *
* * * * *
Total  -  75
  Total  -  1,902,000   -  
 * Source - Michael Shermer

Na 2ª coluna, devido à pequena área dos campos, a alegada quantidade de covas de cada campo assusta, principalmente em Belzec. Já proporcionalmente, Treblinka é imbatível com sua média de quase 90 mil corpos por cova. A última coluna é a pior: "Os corpos foram exumados, cremados em piras feitas de dormentes de estradas de ferro, os dentes e ossos jogados de volta às covas e cobertos com uma camada de terra". Alguns sítios afirmam que cada campo tinha uma máquina trituradora de ossos. Por que elas não são citadas por todos?

Vejam mais essa tabela abaixo:

The site of the  alleged graves
The weight of the alleged remains that would have been left behind
- IF - the story is true
The number of teeth that would be mixed in with the alleged millions of pounds of bone fragments
Belzec
4.380 million pounds *
19.200 million
Chelmno
1.110 million pounds *
4.864 million
Sobibor
1.825 million pounds *
8.000 million
Treblinka
6.570 million pounds *
28.800 million
* Calculations are derived from figures used by Arnulf Neumaier
in his treatise on - TREBLINKA

Na 2ª coluna, sobre os restos mortais que teriam sido deixados para trás se a história fosse verdadeira, calcula-se quase duas toneladas deles em Belzec, mais de meia tonelada em Chelmno, mais de 800 kg em Sobibor e (pasmem!) quase três toneladas em Treblinka! Na 3ª coluna, um cálculo da quantidade de dentes que haveria junto aos restos mortais: cerca de 60 milhões no total! Qualquer radar de penetração no solo (GPR) encontraria sem problemas essas provas.

Conta-se que em agosto de 1944, os soviéticos fizeram escavações em Treblinka à procura de evidências e só encontraram valas com lixo queimado; nenhuma cova coletiva. Outra varredura forense foi feita em novembro de 1945 pelos poloneses e o juiz Zdzislaw Lukaskiewicz atestou que "nenhuma cova coletiva foi encontrada".

Em resumo: a história oficial sustentada pelos depoimentos dos "sobreviventes do holocausto" deixa toda a margem para dúvidas, discussões, questionamentos. E quanto mais os "afirmacionistas" gritarem, brigarem, se fizerem de ofendidos, ameaçarem, criarem leis "anti-negacionistas", etc, tanto maior será a recalcitrância daqueles que não se acomodam, nem se incomodam em ser chatos, intransigentes, céticos, hereges,... Além do quê, tudo aquilo que fazem no lugar de mostrar provas forenses apenas atesta que questionar é mais do que necessário: é obrigatório!

FAB29