Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


domingo, 22 de junho de 2014

Outra refutação

Amigos e amigas.
Segue abaixo uma tradução minha de uma carta enviada a Nathanael Kapner por Robert Litoff, um psicólogo judeu, que corrobora com praticamente tudo o que é dito pelo Revisionismo sobre os campos de concentração alemães e o holocausto.
Para completar o que ele diz sobre Elie Wiesel e seu "besta-seller" "A NOITE", vejam excertos aqui: http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2012/08/wiesel-e-noite.html
FAB29

"Querido irmão NATHANAEL. meu nome é Robert Litoff. Tenho acompanhado o seu site por muitos anos. Você pode publicar esta carta e meu nome.

Eu nasci em New Haven, Connecticut, em 1945, de pais judeus, mas agora sou um judeu não-praticante. Tanto quanto eu posso traçar, todos os meus antepassados ​​são judeus.
Formei-me Phi Beta Kappa em psicologia pela Universidade de Connecticut.
A alegação de que 6 milhões de judeus morreram durante a Segunda Guerra Mundial é errada.

Durante o período da guerra, antes e pouco depois, 5 milhões de judeus foram para Israel, e a população judaica da América do Norte aumentou de 4 a 6 milhões.
Os judeus também foram para o Brasil, Argentina, Austrália e outras nações. Isso explica a redução de 6 milhões de judeus na Europa.
A população judaica mundial era de 15 milhões por volta de 1929, mas chegou a um alto estimado de 18 milhões em 1989, um aumento de 16%, o que não teria sido possível se 6 milhões de judeus tivessem morrido na Segunda Guerra Mundial.

O rabino da minha sinagoga era o rabino Andrew Klein, que era um judeu húngaro. Ele foi internado em Auschwitz durante a Segunda Guerra Mundial. Sua esposa e dois filhos, Theodore e Lester, foram internados em Bergen-Belsen.
Uma das histórias que você ouve sobre os nazis é que eles matavam todos os judeus que não podiam trabalhar. Mas, Theodore e Lester eram crianças que não poderiam trabalhar quando estavam em Bergen-Belsen, mas elas não foram mortas.

Logo após o fim da guerra, havia algumas histórias diferentes de como os nazistas cometeram assassinatos em massa. Uma delas era que as vítimas foram colocadas em água e uma corrente elétrica era enviada através da água para eletrocutar as vítimas.
Outra foi a de que as vítimas eram jogadas em grandes covas flamejantes. No entanto, outra foi a de que as vítimas eram levadas em caminhões que tiveram seus gases de escape canalizados para o compartimento em que as vítimas foram colocadas, matando-as assim.

Finalmente, há a história sobre as vítimas 'irem tomar banho' em câmaras de gás, que é a única reivindicada hoje. Eu tenho problemas com essa afirmação, pelas seguintes razões.

Zyklon-B foi inventado nos Estados Unidos, não na Alemanha. Foi usado pela primeira vez no Texas para desinfetar as roupas dos mexicanos que atravessavam a fronteira.

Nos campos de trabalho alemães, Zyklon-B foi usado para desinfetar as roupas dos internos para conter a onda de tifo.
Talvez você tenha ouvido a história de que os internos foram levados para uma sala em que eles foram informados de que lhes seria dado banho e, então, eles foram gaseados até à morte.

Na realidade, as portas de uma câmara de gás real teriam de ser herméticas (algo parecido com uma porta de avião). Caso contrário, o gás iria escoar para fora e matar aqueles que operavam a câmara de gás.
Ao empregar uma câmara de gás para uma execução de uma pessoa (como já foi feito nos Estados Unidos), um método utilizado foi o de usar tabletes de potássio que caíam em ácido sulfúrico por uma alavanca. Isto resultaria na produção de cianeto de hidrogênio que mataria a pessoa que estivesse para ser executada.

Antes das portas da câmara de gás poderem ser abertas pós-execução, outro gás, amoníaco anidro, deve ser injetado na câmara para reagir com o gás venenoso para torná-lo um gás resultante menos letal.
Mesmo assim, amoníaco anidro é venenoso, ele reagiria com o gás utilizado e teria de ser limpado à distância. Tudo isso teria sido uma tarefa longa, perigosa, ineficiente e penosa para os nazistas destruírem 'milhões' usando câmaras de gás.

Se Hitler queria matar tantos judeus quanto ele pudesse, ele poderia tê-los baleado com metralhadoras e fuzis automáticos. Esta teria sido a maneira mais barata e mais rápida para cometer assassinatos em massa. E, tragicamente, houve muitos assassinatos em massa na Segunda Guerra Mundial por soldados usando metralhadoras e fuzis automáticos.
Mas, estou apenas afirmando que a alegação de que Hitler cometeu uma guerra genocida contra os judeus é falsa. Não estou a defender Hitler. Ele começou uma guerra que causou a morte de milhões de pessoas.

Li pela primeira vez "A noite", de Elie Wiesel, quando era uma primeira publicação.

Nesta primeira edição, Wiesel não menciona quaisquer câmaras de gás, mas afirma que os assassinatos em massa foram cometidos jogando os judeus de todas as idades em grandes covas flamejantes.
Quando pergunto a vários judeus por que Wiesel não menciona as câmaras de gás, se existiram e, se grandes covas flamejantes foram usadas para matar pessoas, então por que as pessoas não falam sobre as grandes covas flamejantes agora como as pessoas estão sempre falando sobre as câmaras de gás?

A resposta usual é que as vítimas foram mortas por ambos os métodos e que a falha de Wiesel em não mencionar câmaras de gás não é prova de que não existiam câmaras de gás para matar pessoas. Esta resposta não é convincente, visto que Wiesel pretende estar dando um testemunho ocular.

Weasel (erro intencional, para o homem que é um enganador e um furtivo) escreveu sobre os internos tomarem banho, sendo raspados de todos os pelos do corpo e que eram cobertos com desinfetante, que seria consistente com um programa de prevenção de tifo e outras doenças que matariam os internos e não de acordo com um programa que desejaria que os internos morressem.

Na primeira edição de "A noite", escreveu Wiesel que ele passou por uma cirurgia em um dos pés em um "hospital bem equipado" em Auschwitz antes de ser levado para outros campos. Nas edições mais recentes do livro, este foi alterado para uma "enfermaria".
No entanto, em ambas as edições, ele afirma que recebeu duas semanas de folga do trabalho após a cirurgia, o que é incompatível com a alegação de que todos os internos que não pudessem trabalhar eram mortos.

Weasel escreveu que, enquanto ele estava se recuperando, os russos estavam se aproximando de Auschwitz e os alemães sabiam que não podiam sustentar Auschwitz por mais tempo.
Assim, eles ofereceram a todos os seus internos que estavam no hospital que eles poderiam decidir se esperariam que os soldados russos chegassem ou se sairiam com os alemães. Wiesel decidiu sair com os alemães, que teriam supostamente cometido genocídio contra os judeus, em vez de ficar à espera de libertação pelos russos.

Talvez, você tenha visto fotos de pilhas de mortos e esqueletos ambulantes de um campo de concentração libertado.
Mas, até o final da guerra, todos os alemães estavam tendo dificuldade em alimentar-se.

Além disso, as forças aéreas americanas e britânicas estavam bombardeando todos os trilhos do trem, o que fazia com que fosse impossível trazer quantidades suficientes de alimentos para os campos. Assim, a América e a Grã-Bretanha compartilham a maior parte da culpa pela fome nos campos no final da guerra.

Judeus precisam manter o Holocausto para que eles possam extorquir bilhões de dólares dos Estados Unidos e seus sistemas de armas mais avançados para o seu programa sionista em Israel.
Judeus possuem e controlam a linha principal da mídia dos Estados Unidos, de modo que eles podem controlar a maioria de tudo o que os americanos ouvem e veem.

Enquanto os americanos discutem sobre o que fazer em relação a cuidados médicos e quanto ele vai custar, Israel tem um programa muito mais generoso de assistência médica para os seus cidadãos e não precisa se preocupar com os custos, porque é pago por cidadãos americanos que pagam impostos na ajuda que damos a Israel.

76 comentários:

  1. Muito bom, não há mais dúvidas de que as "câmaras de gás", a utilidade dos campos de concentração para extermínio e a maldade dos nazis são fruto de propaganda maliciosa. Mas, além dessas, há outra ideia, também falsa, que precisa ser derrubada: A DE QUE A ALEMANHA TENHA COMEÇADO A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL.

    A guerra de Hitler?

    https://www.youtube.com/watch?v=FdwZHQ9Ubs8

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso, caro Saturnino, que escrevi na introdução: a carta corrobora com QUASE TUDO dito pelos Revisionistas.
      Abraços.

      Excluir
  2. Caros, mais uma vez lembro que JUDEUS NÃO SÃO HUMANOS, SÃO ENTIDADES FEITAS POR DEUS, UMA ENTIDADE DEMENTE QUE SE ALIMENTA DE GENTE!
    A forma dessa imundície se alimentar é nos fazer sonhar o sonho dele e com isso se alimenta de nossa consciência, vivemos o mundo inventado e sonhado por ele em vez de vivermos o nosso próprio mundo e sonho.
    É por isso que a judeuzada psicológa (não é mera coincidência esses excrementos serem especioalizados em psicologia e merdicina, é através dessas duas ferramentas que esses excrementos destroem nossa espécie!) é dedicada em "ensinar" que sonhos são imagens do subconsciênte.
    Se as pessoas entendessem o que são sonhos, a agenda judia virava mingau!!
    Esses seres são de outra espécie, são lobos se reproduzindo e parasitando cachorros! São até semelhante, tanto é que qualquer loba reconhece o cheiro de macho em um cão também e um lobo reconhece o cheiro de cio em uma cadela.
    Omesmo acontece com porcos e javalís, qambos são geneticamente o mesmo ser, mas não precisamos ser gênios para perceber que se não existe diferença genética em ambos é sinal de que a genética não é suficiente para dizer o que é o que!!
    E judeus são como porcos em meio a humanidade javali, de tanto reproduzir com os javalís, agora o que mais tem é javali totalmente porcalhão graças ao gene porco criado por deus!!
    Esses seres não são humanos e entendido isso fica claro que existe o objetivo claro de extermínio da espécie humana pela espécie judia.
    Sigamos os ditames de deus para os judeus!

    ResponderExcluir
  3. Cesar Alexandre do Valle. Assim, você será novamente interditado. Cuidado, não brinque com a insanidade mental declarada.

    Val de Bagé

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interditarão o meu blog, também? Que simpático!...

      Excluir
    2. Anônimo de Bagé,

      De onde vc tirou que já fui interditado?
      Meu blog foi deletado do blogspot no dia que o MPF entrou lá, mas de forma nenhuma houve alguma intervenção, foi apenas um acordo camarada onde sabendo o poder de minhas afirmativas escolheram de forma subreptícia deletar o blog, só isso.
      Aliás, se até meu nome tens, sabes bem que não escondo nada e se os excrementos que governam essa fossa tivessem um átomo de possibilidade de deletarem não só meu blog, já o teriam feito.

      Pela sua retórica és o velho e bom ser que se entitula arthur sionista, estou errado?

      Excluir
    3. Lógico que não é o "PÓPRIO" ou "FASSAM" suas apostas...

      Excluir
    4. Cito a frase do Rabino Mendel Schneerson (conhecido também como Rebbe):

      "O corpo de um Judeu, é totalmente diferente em qualidade dos corpos de membros de todas as outras nações do mundo. Os corpos dos Gentios são em vão. Uma diferença maior ainda é com respeito a alma. A alma de um não-Judeu vem de três esferas satânicas, enquanto a alma de um Judeu vem de partes sagradas."

      Ele justifica seu argumento com base no Judaísmo, mais precisamente usando a Cabala. O argumento usa como base as esferas, ou sephiroth, da árvore da vida.

      O mais curioso, pra não falar outra coisa, é que esse rabino é visto pelos judeus como um santo.

      O movimento que ele fundou (Chabad Lubavitch) prega isso abertamente e possui sinagogas espalhadas por todo o Brasil e no mundo e é altamente popular!

      Agora fico pensando como o governo Brasileiro, o MPF, direito humanos etc permitem isso, um grupo de judeus ficarem pregando essas hostilidades em território brasileiro e jurando fidelidade a outro país (Israel).

      Nessa hora não existe racismo? Não existe quinta-coluna? Não existe apologia a isso ou aquilo? Não existe crime de opinião? Não existe crime de preconceito?

      Por que o MPF não "interdita"?

      Cobalto

      Excluir
    5. Caro Cobalto,
      A resposta é simples:
      Todo o MPF É JUDEU!!
      Ademais, se todos seguirem minhas sugestões, as proprias pregações de judeus salavarão a humanidade, visto que afirmo que devemos seguir a risca o VT, só invertemos as funções, nós gentios FAZEMOS exatamente o que manda deus aos judeus fazerem.
      Em menos de um mês a espécie judia some do mapa!!
      E como diz o tal rabino, os judeus e deus: ELES SÃO DE OUTRA ESPÉCIE E SÓ A ELIMINAÇÃO DESSES SERES INIMIGOS SALVARÁ A HUMANIDADE.
      O tempo já está mostrando o que afirmo.

      Excluir
    6. Se não são isso, são maçons.

      Confie em Jesus, Vapera.

      Cobalto

      Excluir
    7. Caro Cobalto,

      Eles podem ser maçons, mas são de outra espécie, e uma das provas disso é o quanto é difícil colocar isso nas cabeças das pessoas já brainwashadas. As pessoas bugadas acham que os judeus são humanos e aceitam inclusive reproduzir com eles.
      Um burro e um cavalo são brutalemnte semelhantes, só tendo de diferenças detalhes menores, mas não são da mesma espécie, só que a mistura desses dois dá resultado estéril, mas a de humanos e judeus assim como a maioria dos canídeos, o resultado da hibridação é fertil!
      É exatamente a catequese de que somos todos iguais (coisa de cristo) é que toda a humanidade está sequestrada nas patas judias!!
      Confio em mim, caro Cobalto, sou brutalmente mais inteligente que seu profeta e por conta disso seria burrice abrir mão de minha inteligência e talentos para seguir um ser que só o que fez foi pregar imbecilidades que parecem papo para boi (goyin) dormir, e são!! Tanto é que a soneira da massa humana começa a se transformar em catalepcia total!!!
      Desculpe a sinceridade, mas só seguimos piamente a opinião ou idéia alheia se não confiamos nas nossas.
      Minha sugestão: Fique forte e não vais precisar "ser temente" de nada e de ninguém. Não precisarás seguir tal e qual roedores de Hamelin os ditames de outros.

      Excluir
    8. Bom dia, Vapera.

      A Salvação é só por Jesus, inteligência ou boa obra alguma livra o homem dos seus pecados. Essa é a Obra de Jesus e não colocar uma enciclopédia na cabeça das pessoas. E aceitar Jesus não significa negligenciar a própria inteligência.

      Sobre Jesus, sou testemunha. A argumentação por mais inteligente que for, não consegue demover pessoa alguma de uma experiência sobrenatural dessas.

      Creia em Jesus. Vc nunca deu-Lhe uma chance. Convide-O.

      Cobalto





      A questão da "igualdade de Cristo" refere-se a fé e é pré-cristã

      Excluir
    9. Bom dia Cobalto,
      Não preciso ser salvo, porque o ÚNICO capaz de salvar a mim sou eu!!
      Enciclopédias são ferramentas judias e não uso ferramenta judia se não para me adequar ao mundo judaizado. Euuso minha inteligência e apenas ela!
      O sobrenatural é algo que foge as nossas energias e dessa forma se não estivermos brutalmente energizados, não teremos capacidade de interpreta-las sem cambar para a veneração, a estupefaciencia.
      Uma esperiência transcendental sótem alguma serventia se estamos possantes e possantes não seguem nada além deles mesmos.
      Não dou chance a valetes, e muito menos a JUDEUS.
      Convido as mulheres e Deusas de todas as espécies, "venham a mim"! Mas deusecos e profetas se possível extermino-os!

      Excluir
  4. Certamente que seis milhões de judeus passaram pelos portos dos países indicados, era só desembarcar do navio, mostrar a identidade e se hospedar no primeiro hotel.

    Muito fácil mesmo, muito sensato, típico da pseudo-história chamada revisionismo.

    "Mas, estou apenas afirmando que a alegação de que Hitler cometeu uma guerra genocida contra os judeus é falsa. Não estou a defender Hitler. Ele começou uma guerra que causou a morte de milhões de pessoas"

    Ops, o terço final passou pela censura...

    P.s: judeus foram mortos de muitas maneiras, não apenas pelo gás: fuzilamento, fome, guetos, exaustão pelo trabalho escravo (bmw, krupp, até a Nestlê...etc)

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você, como sempre, quase engraçado. Se apega a um detalhe (o único que não corrobora com os revisionistas) e vem falar de censura burlada. E completa com "Judeus foram mortos de muitas maneiras". Mas a principal, contada, recontada e jurada de pés juntos (gaseamentos) nunca se sustenta, nem é provada.

      E é bom nem falar dos enterros de centenas de milhares de judeus, exumações e cremação ao ar livre e gelado de seus corpos cheios de terra usando dormentes de linha férrea e madeira verde de floresta...

      Excluir
    2. Um povo que criou os foguetes V1 e V2 não encontraria obstáculos técnicos para apagar seus passos através do fogo, mesmo no inverno.

      MFF

      Excluir
    3. Explicação absolutamente contundente! Parabéns!

      Excluir
    4. Pegando o gancho no seu "raciocínio", MFF, então estamos certos, pois :

      a) imagine então um povo que é capaz de assassinar o Filho de Deus;

      b) imagine então um povo que é capaz de produzir a bomba judaica, vulgo bomba atômica ( http://desatracado.blogspot.com.br/2014/06/judeus-do-projeto-manhatam.html); e

      c) imagine então um povo que joga duas bombas judaicas sobre cidades japoneses indefesas, AS MAIS CRISTÃS daquela nação à época.

      Quatro detalhes que geralmente escapam sobre as V1 e V2 :

      1) funcionaram muito pouco tempo;

      2) péssima pontaria, portanto o efeito foi + psicológico que real;

      3) carga explosiva igual ou menor que um bombardeiro inglês Lancaster conseguia levar; e

      4) o V significa Vergeltungswaffe, ou seja, "Arma de Retaliação ou Retribuição". E não "vingança" como está na siono-wikipédia. Retaliação ou retribuição não é agressão, é reação.

      Cobalto

      ( quem é "cia" ? )

      Excluir
    5. Respostas:

      a) Não te esqueças que Jesus era judeu, e - na tradição judaica da época - ele tinha blasfemado ao se negar a acusação de se auto proclamar filho de Deus. Lembre que os tempos eram outros, e todos eram ignorantes em relação a verdadeira natureza divina de Jesus. Caifás condenou e Roma executou, a mesma Roma que abraçou o cristianismo depois e matou um monte de gente em nome de Jesus.

      b)A bomba atômica também estavam nos planos dos cientistas alemães, pesquise e verás!

      c)O termo bombas judaicas fica por tua conta, e - malgrado deveriam ter jogado as bombas no mar como exibição - o Japão Imperial não teve pena NEHUMA em promover massacres hediondos na China, visando o aumento do império. Aí te pergunto, e se as bombas não tivessem sido jogadas, como teria sido o banho de sangue da conquista do Japão?

      Sobre as V1 e V2, algumas bombas eram desviadas pela técnica de bordo marginal pelos aviões aliados (pesquise aviação militar), o que em muito ajudou a minimizar o número de mortos (exclusivamente população CIVIL) por estes artefatos.

      Eu posso pintar em qualquer bomba "endereçado exclusivamente aos malvados terroristas talibãs" e mandar a dita no meio de algum vilarejo paupérrimo do Oriente Médio....

      MFF

      Excluir
    6. O item B é a quintessência do patético. Um pensa em matar; o outro mata. Punição igual?

      Excluir
    7. MFF, sua frase de 24.06 das 09:96 hr ficaria correto assim:

      "Um povo que criou" a bomba atômica e assassinou o Filho Único de Deus "não encontraria obstáculos técnicos" nem de qualquer outra natureza "para apagar seus passos" de crimes, genocídios, usuras etc etc mesmo "através do fogo" nuclear, da censura, da manipulação midiática etc.

      Cobalto ( quem é "cia" ? )

      Excluir
    8. MFF , vc é um mega-trollão e sempre fugindo ás perguntas. Será que teu caso tem cura?

      a) Jesus judeu ou não, foi ou não foi assassinado? Jesus judeu ou não, é ou não o Messias, o Salvador, o Filho de Deus? Você também acusa Jesus de blasfêmia? Você, digo VOCÊ, gostaria de ser morto por um crime que não cometeu? E mediante falsos testemunhos, vendido por 30 moedas , etc? Está na Bíblia, não foi o Faurisson que escreveu.

      Caifás simplesmente terceirizou o assassinato e se vc tiver um mínimo de coragem, assumirás que em nenhum momento os apóstolos nem o próprio Deus Altíssimo acusa os romanos de deicídio nem no NT nem no VT, mas acusa tão somente aos judeus. És homem para assumir isso e parar de trollar sobre este assunto?

      (Qdo vc fala "ele tinha blasfemado", "os tempos eram outros", percebo em vc um desejo incontido de achar algum argumento pra inocentar Caifás e portanto culpando Jesus.)

      b) A bomba atômica é judaica de cabo a rabo. Nada do que vc disser poderá mudar esta verdade.

      c) O termo não é meu, MAS ACASO É FALSO? Não foram Einstein, Oppenheimer e seu irmão todos judeus e os cabeças do Projeto Manhatan? Acaso o siono-maçon Roosevelt mandou as bombas judaicas pro Japão por causa do tal "massacre na China"? Então vamos jogar umas em Israel por causa dos massacres contra os palestinos? Entendi seu "raciocínio"? E sobre que eram as cidades mais cristãs nenhum protesto seu? Mas se fossem as cidades mais judaicas ... deusnoslivre, né?

      V1 nem considere pq era protótipo. E como vc reconheceu, as V2 eram + propaganda siono-aliada que verdades destruidoras. E sobre " mortos (exclusivamente população CIVIL) " vamos falar de Dresden?

      Vou repetir o que vc já leu: no único dia de bombardeiro sobre Desdren, foram jogadas mais bombas do que Londres recebeu em 6 anos de guerra. Só Dresden, só em Dresden.

      Conte quantas cidades alemãs sofreram igual ou pior: Hamburgo, Kassel, Darmstadt, Pforzheim, Berlim, Colônia, Nuremberg, Hanoover, Stuttgard, Dortmund, etc etc etc. Você desenvolveria ou não bombas de retaliação (Vergeltungswaffe)?

      Caro analfabeto funcional, estas bombas foram usadas no final de 1944 e as cidades alemãs já eram bombardeadas em 1940. Inclusive a capital Berlim. Este o sentido de "retaliação/retribuição". Favor respeitar a ordem dos fatos.

      Cobalto

      ( quem é "cia", MFF FUJÃO ? Próximo mês esta pergunta fará seu primeiro aninho. Não é lindinho? rs )

      Excluir
    9. Não têm nada de patético, até porquê todos acham um horror a história do holocausto nuclear.

      Esse horror, inclusive, que impede uma terceira guerra mundial.

      MFF

      Excluir
    10. PARTE 1/3:

      Sobre seu item "c)O termo bombas judaicas fica por tua conta", informo dados e nome reais que podem ser pesquisados e não foi Faurisson ou Castan que escreveram:

      A primeira bomba atômica foi projetada e construída em Los Alamos, Novo México/EUA. O nome de cógido ultra-secreto dado a este trabalho foi "The Manhattan Project". A razão para o nome é que Bernard Baruch [judeu], viveu em Manhattan New York, assim como muitos dos outros altos funcionários do projeto. O cientista-chefe do Laboratório de Los Alamos de 1943-1934 foi J. Robert Oppenheimer, outro judeu proeminente. De Oppenheimer ao seu irmão Frank, com cadastro de comunista, foi também um cientista atômico que liderou os trabalhos em Los Alamos.

      O número total de judeus envolvidos é impressionante e chocante e a lista abaixo é incompleta. A lista abaixo contém os cientistas judeus mais notáveis ​​que trabalharam diretamente na Projeto Manhattan. Quase todos os indivíduos na lista abaixo foram do núcleo comunista principal; muitos mais eram espiões, que deram a fórmula para a bomba atômica aos soviéticos. É chocante a forma como muitos autores [em sua maioria judeus] escreveram artigos e biografias dos indivíduos abaixo, retratando estes assassinos em massa sob um prisma muito positivo, exaltando muitos a um status de herói. Havia muitos mais judeus envolvidos em todos os níveis de pesquisa, construindo e defendendo o uso da bomba atômica que poderiam estar nesta lista:

      - J. Robert Oppenheimer [judeu americano] - Diretor Científico - Projeto "Y"
      - Frank Oppenheimer [judeu americano] - Irmão de e Assistente J. Robert Oppenheimer

      (Continua. Imagine se não)

      Excluir
    11. PARTE 2/3:

      - Albert Einstein [alemão nascido judeu] - Consultor do Projeto
      - Niels Bohr [dinamarquês nascido judeu] - Consultor do Projeto
      - Leo Szilard [húngaro nascido judeu] - Líder do Grupo - Metalúrgica Laboratório
      - Nicholas Kurti [húngaro nascido judeu]
      - Trabalhou com Franz Eugen Simon [Alemão nascido judeu] e desenvolveu um método de separar o urânio 235 de minério de urânio bruto. Cálculos teóricos realizados para
      - David Bohm [judeu americano] Calutrons na instalação de Y-12, em Oak Ridge, usado para electromagneticamente enriquecer urânio para uso na bomba lançada sobre Hiroshima em 1945
      - Rudolf Peierls [alemão nascido judeu] - Missão Britânica
      - Felix Bloch [suíço nascido judeu]
      - Trabalhou sob Hans Albrecht Bethe, realização de pesquisa de fissão nuclear
      - Eugene [Paul] Wigner [húngaro nascido judeu] - Líder do Grupo - Laboratório Metalúrgico
      - James Chadwick [britânico nascido judeu] - Diretor - Missão Britânica
      - James Franck [alemão nascido judeu] - Diretor - Grupo de Química
      - Otto Frisch [alemão nascido judeu] - Missão Britânica
      - Edward Teller [húngaro nascido judeu] - Pesquisa Termonuclear
      - Emilio Gino Segrè [Italiano nascido judeu] - Líder do Grupo
      - Hans Albrecht Bethe [alemão nascido judeu] - Diretor - Divisão Teórica
      - Klaus Fuchs [alemão nascido judeu] - Divisão teórica [espião comunista]
      - Richard Phillips Feynman [judeu americano] - Líder do Grupo - Teórica Divisão
      - Morris Kolodney [judeu americano] - Gerente - Site DP
      - Louis Rosen [judeu americano] - O "Pai" do Los Alamos Neutron Centro de Ciências
      - Louis Slotin [nascido judeu canadense] - Teste Crítico - resultou em sua morte acidental
      - Jacob Beser [judeu americano] - Armas de fogo e de fusão

      (Continua. Imagine se não)

      Excluir

    12. PARTE 3/3:

      - Theodore Alvin Hall [judeu americano] - O mais jovem cientista de Los Alamos
      - Samuel T. Cohen [judeu americano] - Trabalhou no Grupo de Eficiência
      - Samuel Goudsmit - [dinamarquês nascido judeu] - Chefe Científico da Missão Alsos (*)
      - George Placzek - [Morávia nascido judeu] - Missão Britânica
      - Eugene Rabinowitch - [russo nascido judeu] - Laboratório Metalúrgico
      - Joseph Rotblat - [polonês nascido judeu] - Trabalhou com James Chadwick [espião comunista]
      - Gregory Breit - [russo nascido judeu] - Predecessor de J. Robert Oppenheimer
      - David Greenglass [judeu americano] - Projeto Manhattan Infiltração [espião comunista]
      - George Koval Abramovich [judeu americano] - Engenheiro Especial [espião comunista]
      - Victor Weisskopf [austríaco nascido judeu] - Divisão Teórica
      - Alvin Martin Weinberg [judeu americano] - Física Teórica abaixo de Eugene [Paul] Wigner
      - Isidor Isaac Rabi [polonês nascido judeu] - Consultor do Projeto
      - Stan Frankel [judeu americano] - Divisão Teórica

      Como se percebe, "bomba judaica" não "fica por minha conta".

      Cobalto

      (59ª tentativa. Quem é "cia"?)

      Excluir
    13. MFuFujão, pelo seu brilhoso comentário, na verdade um silêncio auto-acusatório e confissão de derrota, podemos todos considerar que meus comentários são os verídicos, pois que nada contestastes e como diz o adágio popular "quem cala, concente". Fato

      Repetindo o início do meu anterior comentário: "MFF , vc é um mega-trollão e sempre fugindo ás perguntas. Será que teu caso tem cura?" O teu silêncio respondeu ... de cabo a rabo.

      Cobalto (60ª tentativa. Quem é "cia"?)

      Excluir
  5. Caro Ludy,
    Que bela CARTA esse cidadão postou para o mundo e que caráter tem esse "irmão" Nathanael Kapner em publicá-la, tudo o que precisava ser dito sobre o HOLOCOCONTO Litoff disse e olhe que ele foi DOUTRINADO pelas FÁBULAS judaicas, mas depois caiu em SI e passou a questionar.
    Esse Robert Litiff é muito bem vindo ao CLUBE dos questionadores do HOLOCOCONTO.

    Abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, caro Ragi.
      Eu ainda quero crer que grande parte dos verdadeiros judeus (que chamo judeus de alma) mereçam crédito. Por mais esquisitas ou pior que sejam suas avoengas tradições e cultura, seu segregacionismo, etc, há espaço para todo mundo.

      Quem pensa e age com respeito, razão, lucidez e bem querer merece tudo isso de volta. Qualquer um que viole o bem viver ou o seu próximo merece degredo ou até pior.

      O sr. Litoff se junta a Paul Eisen, David Cole e muitos outros. Bem vindos.
      Abraço.

      Excluir
    2. Não consigo entender, como alguém consegue construir um blog que reúne tantas pessoas falando um monte de bobagens e ainda se acha inteligente.
      Qual a finalidade de se construir algo tão nefasto?

      Excluir
    3. "reúne tantas pessoas falando um monte de bobagens e ainda se acha inteligente". É uma autocrítica, certo?

      Sabe especificar o que é "nefasto" no meu blog?

      Excluir
  6. MFF, gostaríamos de suas explanações - com lógica - sobre os judeus que viraram sabão e abajur. E também quem é "cia"?

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabão e abajur são exageros folclóricos, no entanto, são apenas periféricos pitorescos que fazem parte do grande horror que foi a perseguição, escravização e extermínio do povo judeu...fatos preconizados ainda nos anos vinte na "obra" de Hitler.

      MFF

      Excluir
    2. "Exageros folclóricos" que pesaram "um pouquinho" em levar muitos à forca no linchamento de Nuremberg.
      Mas tudo bem, né? Afinal, eram nazistas.

      Excluir
    3. MFF, gostaríamos de saber se os judeus estão dispostos a pedir perdão pelos "exageros folclóricos" , ressarcir a Alemanha e os familiares que foram extorquidos e até mortos ? Afinal eram acusações fraudulentas como vc mesmo reconhece.

      Gostaríamos também de saber se Hollywood fará filmes em homenagem a estas vítimas dos "exageros folclóricos" ?

      Gostaríamos também de saber sua noção de Justiça e Direito e se concorda com com o "amplo direito à defesa" e o "princípio do contraditório"?

      Gostaríamos também de saber se alguém que condena injustamente outros por "exageros folclóricos" não estaria se igualando ao crime ou criminosos que pretensamente deseja justiçar?

      Se seu pai, ou familiares, fosse um dos enforcados em Nuremberg por crime de "exageros folclóricos" consideraria isso como "apenas periférico pitoresco"?

      Gostaríamos de saber se vc, MFF, teria o mesmo empenho em denunciar estas fraudes sobre judeus virando sabão e abajures que tens em relação a achincalhar os alemães? Ou vc usa 2 pesos e uma medida?

      E terminando, MFF , gostaria de saber sua opinião se vc fosse o condenado à forca por erros "periféricos pitorescos" ?

      Cobalto

      ( quem é "cia" ? )

      Excluir
    4. a) Indenizar a quem? Os parentes dos antigos militares que cuidavam dos campos de concentração? E o fato de privar de liberdade famílias com velhos e crianças?

      b)Tem até filme ALEMÃO sobre a Segunda Guerra demonstrando o quão terrível e alienado foi Hitler, estranho né?

      c)O Tribunal de Nuremberg foi exemplo de que todos tiveram direito à defesa, fosse na URSS teria sido todos passados no fuzil, como fez Hitler com todos, eu disse TODOS os parentes dos militares que planejaram o atentado à bomba contra ele, crianças, velhos...todos foram eliminados. Inclusive o herói de Guerra Rommel, um homem muito admirado.

      e)Os crimes verdadeiros não deixaram de ter a sua devida análise, não existem nos autos de Nuremberg, a condenação de ninguém porquê fez sabão judeu.

      f)Resposta acima, e os condenados à forca foram em um número muito menor do que os que ficaram presos e depois foram soltos.

      g)Se os crimes fossem "só" o sabão judeu e os abajures eu denunciaria como fraude, mas os verdadeiros crimes foram outros e tão horrendos quanto;

      h)Ninguém foi condenado a forca por fazer abajur de pele, mas sim por outros crimes hediondos.

      MFF

      Excluir
    5. "Crimes hediondos"...

      - Gaseamentos impossíveis;
      - Enterros, exumações e cremações de centenas de milhares de corpos mais impossíveis ainda;
      - 6 milhões de mortos que foram reduzidos para 3,5 milhões só com as alterações das placas de Auschwitz;

      E por aí vão os motivos da justiça aliada...

      Excluir

    6. "a) Indenizar a quem? Os parentes dos antigos militares que cuidavam dos campos de concentração? E o fato de privar de liberdade famílias com velhos e crianças?"

      Não, MFF, apenas aqueles que foram mortos por "exageros folclóricos". Entendeu agora ou preciso desenhar ?

      "b) Tem até filme ALEMÃO sobre a Segunda Guerra demonstrando o quão terrível e alienado foi Hitler, estranho né?"

      Não, MFF, filmes em homenagem a estas vítimas inocentes dos "exageros folclóricos". Entendeu agora ou preciso desenhar ? E se um outro "filme ALEMÃO" disser o contrário, daí é mentiroso?

      c) Informe-se melhor. Só escreveu besteira. Não vou responder, pq foge (vc não perde o costume) das perguntas.

      (2ª tentativa) Gostaríamos também de saber sua noção de Justiça e Direito e se concorda com com o "amplo direito à defesa" e o "princípio do contraditório" e o que entende por isso? (

      (2ª tentativa) Gostaríamos também de saber se alguém que condena injustamente outros por "exageros folclóricos" não estaria se igualando ao crime ou criminosos que pretensamente deseja justiçar? Sim ou não?

      (2ª tentativa) Se seu pai, ou familiares, fosse um dos enforcados em Nuremberg por crime de "exageros folclóricos" consideraria isso como "apenas periférico pitoresco"? Sim ou não?

      (2ª tentativa) E terminando, MFF, gostaria de saber sua opinião se vc fosse o condenado à forca por erros "periféricos pitorescos"? Sim ou não? Peço uma resposta tão simples e vc não consegue.

      (58ª tentativa) Quem é "cia" ?

      Cobalto

      Excluir
  7. Respostas:

    Primeiro, ao dono do Blog: Quantos foram enforcados por "apenas" três milhões e meio de judeus mortos nos campos?
    A impossibilidade de gaseamento é uma fábula escrita por um químico falso, que você deve conhecer muito bem.

    Ao pastor Cobalto:

    1 - Jesus foi morto em um aparelho de tortura romano, a questão da blasfêmia tem que ser analisada no contexto da ÉPOCA seu jênio.... Caifás não sabia com que estava lidando, ninguém sabia. Para Caifás, Jesus estava blasfemando, e uma blasfêmia daquele quilate é pena capital para muitas religiões. Não foi apenas fruto simples da "maldade" ou vontade de destruir um outro ser humano, me admira que tu não consiga entender isso.

    Sobre os bombardeios: não te esquece que foram os alemães que iniciaram com essa linda prática ainda na Guerra Civil Espanhola, e se os aliados jogaram muitas bombas em Dresden é porquê eles tinham material e munição para isso, ou tu acha que Hilter não jogou tudo que tinha em Londres e em outras cidades inglesas no período? É apenas questão de quem podia mais, e os aliados tinham mais poder de destruição, e - como Hitler - usaram tudo que tinham.

    Me ache UM enforcado por ter feito abajures ou sabão judeu! Um apenas....O tribunal condenou 12 (sim, eu disse DOZE) pessoas à morte, e nenhum deles com relação alguma com os exageros folclóricos que te citei. Ou seja, duas perguntas tuas caem TOTALMENTE por terra depois dessa simples averiguação.

    Hitler não perseguiu os familiares dos que tramaram o atentado? Doze foram executados apenas de UMA família....deixe a preguiça de lado e estude.

    A "bomba judia" criada por pessoas com laços judeus (bem questionável tuas comparações hein?) foram lançadas por quem? Quem definiu o local da explosão?

    Como os judeus têm essa capacidade de fazer tal portento técnico e os outros povos não? Tu tá te rendendo a capacidade judia nas ciências?

    Me diga o nome do judeu que escolheu as cidades para a explosão, e porquê a bomba nuclear não foi usada na Alemanha, já que tinham tantos "judeus" no projeto?

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De minha parte, impoluto MeFeFê, assunto encerrado.
      Você me "convensseu"!

      Excluir
  8. Não é difícil, FAB29, quando temos a sensatez e a clareza do nosso lado...é só deixar de perseguir moinhos de vento!

    MFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com tanta cortina de fumaça e luzes estroboscópicas, suas sensatez e clareza até emocionam.

      Excluir
  9. MFuFujão, quem é "cia"?

    Aprenda com o pastor aqui, ovelha rebelde. Ou seria bode?

    Novamente vc querendo diluir/desfazer a culpa que o PRÓPRIO DEUS, não o Faurisson, do assassinato de Jesus.

    Caifás não sabia ... não! Caifás não acreditava. Seja honesto. Me diga, desde quando ignorância ou descrença salva alguém dos seus pecados perante o julgamento de Deus? (Já antevejo vc fugindo de novo)

    Mas vou ser legal dando uma ajudinha, pois é gritante sua ignorância bíblica. Em Oséias 4:6 diz "O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento(*), também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim". E este sacerdócio hj é exercido pela Igreja. E pode espernear a vontade, mas que Deus rejeitou os judeus, rejeitou. Fato e não foi o Faurisson.
    (*) conhecimento = significa os seus estatudos, profecias, etc e o próprio Jesus.

    Voltando sobre a acusação de "blasfémia" que vc defende subliminarmente. Vc ignora os milagres de Jesus, vc ignora os falsos testemunhos que o próprio Sinédrio arranjou para falsear fatos, vc ignora os profetas do VT (como Oséias acima) que prediziam sobre Sua vinda, vc ignora muitas outras coisas. Qual o seu objetivo de ignorar estes fatos e pq esta insistente defesa desta trupe deicida de Caifás & Sinédrio, se o próprio Deus os culpou? Pq vc vai contra Deus? Vc acha que tem mais razão e conhecimentos dos fatos da época que as próprias epístolas? Fala sério.

    "Falou, pois, outra vez Pilatos, querendo soltar a Jesus.
    Mas eles (os judeus) clamavam em contrário, dizendo: Crucifica-o, crucifica-o.
    Então ele, pela terceira (putz) vez, lhes disse: Mas que mal fez este? Não acho nele culpa alguma de morte. Castigá-lo-ei pois, e soltá-lo-ei.
    Mas eles (os judeus) instavam com grandes gritos, pedindo que fosse crucificado. E os seus gritos, e os dos principais dos sacerdotes (Caifás etc que o Fujão tão apaixonadamente tenta inocentar), prevaleciam.
    Então Pilatos julgou que devia fazer o que eles pediam. (Temia uma rebelião bolchevique)
    E soltou-lhes o que fora lançado na prisão por uma sedição e homicídio, que era o que pediam; mas entregou Jesus à vontade deles."
    Lucas 23:20-25

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tu fosse um sacerdote importante de uma religião antiquíssima, tu queimaria tudo o que tinha como sagrado e verdadeiro por um agitador que - segundo boatos - curava doentes e considerava-se o rei dos judeus?

      Era assim que Jesus era visto por muitos da época Cobalto, um agitador político...nem todos sabiam que ele curava e promovia a mensagem de paz entre os homens. Tente te transportar para o contexto da época!

      Por isso, culpar eternamente um povo todo pela herança da morte de Jesus é de uma burrice e estupidez extrema....

      Se o teu bisavô matou uma freira, tu e teus descendentes ficarão com a eterna mácula do crime?

      MFF

      Excluir
    2. Primeiro: o Mestre Maior só era "o rei dos judeus" na torpe e distorcida deturpação patrocinada pelo Sinédrio. O 'INRI' na cruz não passou de um deboche sórdido a Ele;

      Segundo: referente a seus dois últimos parágrafos, então o povo alemão que nasceu a partir de 1945 não precisaria ter pago um centavo aos judeus mesmo se o holocausto tivesse sido 100% provado. No entanto,...

      Excluir
    3. Tá vendo como ele inocenta os assassinos de Jesus?

      "Agitador político" que ressucitou morto, curou leproso, ensinou o amor ao próximo, que até romano foi com ele pedir socorro, ensinou no Templo onde dava uma surra de sabedoria nos fariseus. Caifás e Sinédrio não tem desculpas e tempo não apaga pecado perante o Juízo de Deus.

      "Por isso, culpar eternamente um povo todo pela herança da morte de Jesus é de uma burrice e estupidez extrema", fala dos alemães ?! kkkkkkkkkk

      Talmudinho, quem é "cia"? E ainda não respondeu nenhum dos 2 comentários do dia 24.06

      Cobalto

      Excluir
  10. MFuFujão. Vc é queniano ? Nunca vi alguém correr tanto.

    Pra tentar justificar o injustificável bombardeiro sobre civis, mulheres, idosos, bebês, doentes em hospitais etc em cidades que nem defesa antiaérea ou que tivesse material bélico, vc agora apela pra guerra antijudaico-comunista na Espanha de Franco? kkkkkkkkkkkk

    Poderia me definir a palavra desespero?

    Então Israel mata crianças palestinas simplesmente pq tem "munição e + material"?! Uau! Nem a rabinada do Talmud pensou nisso. MFF, agora vc não é mais rabino, agora vc é rabão.

    Então se eu tenho um fuzil e muita munição, posso sair atirando? kkkkkkkkkk Que tal em vc, rabão? Creio que não tens objeções, afinal estaria a praticar tua "lógica" talmúdica pós-modernista kkkkkkkkkk

    Sobre Londres, já disse o significado do V daquelas bombas, não trolla, rabão. Criticou o "olho por olho" do Vapera, mas agora o defende pois trata-se de aplicá-lo contra alemães, né? Vc odeio os alemães? Pq tem inveja deles?

    Hitler sofreu atentados e vc queria o que? kkkkkkkkkkkkkk Nem todos foram punidos, fique sabendo.

    As bombas judias foram lançadas COM AUTORIZAÇÃO dos judeus e maçons Roosevelt, Bernard Baruch entre outros. Tu não lê? Esqueci, só lê Talmud kkkkkkk

    Ou vc está querendo com "lançadas por quem" culpar o avião? Vc fala tanta asneira que já não duvido de mais nada kkkkkkk

    A bomba simplesmente não foi jogada na Alemanha, pq ela se rendeu antes do projeto "genioso judaico de dar inveja (putz)" ficar pronto.

    A bomba judaica é o invento + macabro e demoníaco que se inventou. E a "honra" coube aos judeus. Possibilitou o que todo ditador louco sempre desejou para dominar o mundo. E todos sabemos quem sempre desejou isso. Parabéns pela "capacidade de fazer tal portento técnico".

    (3ª tentativa) Gostaríamos também de saber sua noção de Justiça e Direito e se concorda com com o "amplo direito à defesa" e o "princípio do contraditório" e o que entende por isso?

    (3ª tentativa) Gostaríamos também de saber se alguém que condena(*) injustamente outros por "exageros folclóricos" não estaria se igualando ao crime ou criminosos que pretensamente deseja justiçar? Sim ou não?

    (*) Desde quando condenar é sinônimo de enforcar, rabão MFuFujão?

    (3ª tentativa) Se seu pai, ou familiares, fosse um dos enforcados em Nuremberg por crime de "exageros folclóricos" consideraria isso como "apenas periférico pitoresco"? Sim ou não?

    (3ª tentativa) E terminando, MFF, gostaria de saber sua opinião se vc fosse o condenado à forca por erros "periféricos pitorescos"? Sim ou não? Peço uma resposta tão simples e vc não consegue.

    Na verdade, vc não respondeu nada do que perguntei nos comentários de 24 de junho de 2014 17:52 e 11:08, ok?

    Cobalto (63ª tentavia. Quem é "cia"?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rsrsrsrs...é fácil ver quando alguém começa a perder a discussão; é só ver a apelação nos apelidos!

      Primeiro: te dei uma ideia precisa de quem começou com a prática de bombardeios na população civil, mas como sempre, diante dos fatos comprovados, tu inventa uma saída bem fraquinha;

      Segundo: Palestinos são tão covardes quanto explodindo ônibus e bares; e pior..só pensam nas 77 virgens que encontrarão no paraíso.

      Terceiro: Alemanha e Inglaterra estavam em guerra ou em um piquenique? Os dois não usaram todos os recursos possíveis de aniquilação? Corra disso também!

      Quarto: Eu admiro os alemães que reconstruíram um país arrasado pelo seu líder fetiche, por isso acho que eles não precisam da pena de vocês, já que souberam se virar sozinhos e nunca emitiram nada contra o holocausto, bem ao contrário, visto as homenagens anuais do governo alemão as vítimas daquela época.

      Quinto: Já disse que não sou judeu, aliás, sou descendente de um país do Eixo.

      Sexto: Quem decidiu onde lançar a bomba foi o presidente dos Estados Unidos, não um rabino, além do mais, os judeus fizeram a melhor arma de paz já inventada....nunca mais ninguém usou a bomba atômica depois, porque sabem que ao usá-la, o mundo acaba.

      Sétimo: Eu te condeno por votar no Tiririca, mas não vou te punir...Se o nazismo foi julgado e condenado, são por crimes reais promovidos contra os judeus que têm amplo escopo de provas, fotos, filmagens e testemunhos de todos os lados (inclusive nazistas).

      Oitavo: por quê queriam derrubar Hitler hein? Ainda mais o corpo militar tido como mais leal? Será que eram judeus infiltrados? Repetindo....todos os familiares dos conspiradores foram mortos, não importa se foram crianças. A família de Rommel só não foi exterminada porque ele aceitou se matar antes....

      Nono: DOZE foram os enforcados no Tribunal de Nuremberg, doze....e nenhum por abajur humano, precisa da lista dos enforcado para te clarear a mente? Ou seja, se ninguém foi condenado a forca por isso, como vou responder o que não existe?

      MFF

      Excluir
    2. 1) Falávamos quem primeiro bombardiou cidades NA 2ªgm e respondi: foram os judaico-maçons na Inglaterra.

      2) Dê aos palestinos o mesmo aparato bélico de Israel pra ver como são "covardes". Esqueceu do Irgun e do Haganá por que?

      3) Sim, os ingleses usaram todos os recursos, até de falsear fatos, documentos e manipular a história sobre o evento com troll-filmes, troll-holocausto, troll-heroísmo etc. Parabéns pela troll-História da 2ªGM.

      4) Vc não admira os alemães. Prova foi que desejastes bombas judaicas sobre a Alemanha. Israel não se vira sozinho, precisa de doações, da maçonaria e das mentiras e extorções do troll-holocausto. Parabéns pela "ousadia, independência blá blá blá de Israel".

      5) Vc é um talmudista que acusa Jesus de "blasfemo".

      6) Roosevelt é judeu e maçon. Vc agora confirmou o que sempre aleguei. Falei que a bomba atômica é judaica, não disse que era rabínica. Tá vendo como vc é um analfabeto funcional? E fujão.

      7) Prove que votei nele. Sinceramente nem sei o que o Tiririca tem a ver com o que se comenta aqui. Prove o holocausto com o elenco que mencionou ... percebe como vc mordeu na própria língua? Claro que não, é anal. funcional.

      8) Leais não traem ...eita anal. funcional. Sempre consegue se superar nas asneiras e não enxerga isso .... kkkkkkk Sabia que a cozinheira de Hitler era judia, assim como guarda-costa, entre outros? Os judeus tem então culpa do holocausto, afinal estavam ao ladinho do seu estimado Führer.

      9) Falei condenado e não enforcado, expliquei lá em cima, anal. funcional. E fujão.

      E novamente fugiu, trollou, não respondeu nenhuma pergunte que fiz nos comentários anteriores. Fato. Qualquer pessoa que acompanhar o histórico dos comentários aqui verá.

      (3ª vez) Na verdade, vc não respondeu nada do que perguntei nos comentários de 24 de jjunho de 2014 17:52 e 11:08, ok?

      Cobalto

      Excluir
    3. Vou refrescar sua memória. Fiz aquelas perguntas em cima das sua asneira do "exageros folclóricos" e "apenas periférico pitoresco". E vc, não perdendo o costume, enrola, enrola, enrola e não responde. Falou da China, elogiou a bomba judaica atômica que foi um avanço pra humanidade (putz), falou da Guerra Civil Espanhola, falou que Jesus "blasfemou", confeitou o "tribunal" de Nuremberg, falou de ônibus explodindo, falou disso, daquilo, mas as respostas nada ... nada ...nada ... tu é muito fujão. E não tem um pingo de vergonha nessa cara nariguda.

      Então não me venha falar sobre "tu inventa uma saída bem fraquinha" ou "perder discussão", Talmudinho trollão ... rsrs

      Melhor pensar ou trollar (fugir) sobre 77 virgens que nas 30 moedas da traição deicida, né? De novo trollando.

      Talmudinho MFF, já sacrificou sua galinha de hoje pelos seus pecados?

      Cobalto

      Excluir
    4. Debater com neófito de quinta categoria não é fácil.

      A cada resposta certeira, tu vêm com "ah, leais não traem...", ou "coloque material bélico nas mãos", "ingleses falsearam fatos", "Israel não se vira sozinho";

      Ou seja: pura suposição, pura imaginação, pura cegueira de quem não vê um palmo à frente. Não consegue replicar UMA resposta embasada em história, vive apenas no reino das suposições..heheheh

      Por isso que eu não canso de te dizer: ESTUDE MAIS!

      MFF

      Excluir
  11. Caro Ludy, esse tal mff "VIAJEIA na MARIONEZIA", são tantas "TEZZES" que chega deixar o tal escritor da NOITE com vergonha de não ter "PENÇADO" antes...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ora, Ragi.
      Então, o preclaro não te "convensseu" com tanta clareza e sensatez?

      Excluir
  12. O irmão de fé do rabino MFF, o judeu Luciano Huck oferece brasileiras para gringos e revolta fãs
    http://veja.abril.com.br/noticia/celebridades/luciano-huck-oferece-brasileiras-para-gringos-e-revolta-fas

    Será que a esposa dele, a Angélica, tá no pacote? E qual a opinião da filha dele e a a mãe?

    Lenocínio é uma prática criminosa que consiste em explorar o comércio carnal alheio, sob qualquer forma ou aspecto, havendo ou não mediação direta ou intuito de lucro (cafetinagem). No Brasil é crime segundo os Artigos 227 a 230 do Código Penal e não se confunde com prostituição. Será que o MPF "interdita"?

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Creio que ano passado ele foi pego dirigindo embriagado e fez sua mea culpa, "aceitando o erro" e prometendo se engajar em campanhas contra a embriaguez ao volante.

      Se um cara com tanta informação, cultura, recursos, etc, comete erros primários e faz ações deletérias à guisa de boas intenções ou desconhecimento da extensão de tais ações, o que podemos esperar da esmagadora maioria da população zumbizada?

      Huck é "assim, ó" com o Barbosão. Não vai acontecer nadinha!
      Abraço.

      Excluir
    2. Deve ser duro ter seus mentores políticos presos (cúpula do PT) por alguém que não corresponde ao ideal ariano de vocês...rsrsrsr!

      MFF

      Excluir
    3. Falou a vestalidade personificada...

      Excluir
    4. Por isso falei nos outros comentários sobre a supremacia do bom caráter sobre a inteligência e sobre que o muito saber não traz juízo.

      O outro vem falar do PT kkkkkkkkkkkkk "Sabe nada, inocente" kkkkkkkkkkk

      Abraços, Cobalto

      Excluir
    5. Deduzindo pela sua fala "alguém que não corresponde ao ideal ariano de vocês" podemos entender que o "ideal ariano" é avesso a prostituição, à fornicação, à mentiras etc. Já o askenazi Huck com suas apologias e insinuações prostíbulas faz o ideal anti-ariano ..hehe

      Cobalto

      Excluir
    6. Normal para o Luciano Huck... o cara propagou a moda da tiazinha, feiticeira e fomenta até hoje o funk.

      Excluir
    7. Assim nasce um talmudinho ...
      http://firstlightforum.files.wordpress.com/2013/01/jews-suck-baby-penis-pedophile-rabbi1.jpg

      Cobalto

      Excluir
    8. Esse excremento huck, junto com excrementos da famíglia diniz tomaram fernando de noronha e agora só judaizados podem passar por lá. A segregação é total e extorsiva. Para os gentios, nem o relento pois as "leis" de uso da ilha são JUDIAS.
      Esse excremento é o maior nivelador por baixo do destino nacional.
      Esse excremento É CRIME DE LESA PATRIA!
      TODO CAFETÃO, PEDÓFILO E ESTUPRADOR TEM QUE SER EXECUTADO E SE ALGUM POLÍCIA OU JUIZ TENTAR IMPUTAR CRIME AO EXECUTOR TEM QUE SER EXECUTADO TAMBÉM, pois entende-se que se um agente da lei legitima um crime de lesa pátria,, tal ser é TRAIDOR ed todo traidor TEM que sofrer pena capital. Isso pelas próprias regras da constituição, legitimando o que aqui afirmo, que é a ÚNICA forma de salvarmos essa nação da degeneração judaica.

      Excluir
    9. Suas críticas, estendo a todas as emissoras e não somente a um "apresentador". Outro exemplo desta triste figura pública, agora de analfabetismo:

      https://www.youtube.com/watch?v=DnRYnvQLUDg

      Índio dá bronca na Rede Globo

      https://www.youtube.com/watch?v=KAmTYRWM48c

      Cobalto

      Excluir
  13. Esse MFF só enrola e se apega DESESPERADAMENTE em um ou outro detalhe onde tem alguma coisa que ele pode se agarrar o resto finge que não foi mencionado e ainda quer ser o paladino da verdade...

    Sobra ao povo eleito só a trapaça e o fanatismo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tannhauser, o desespero parte de quem não têm provas históricas e muito menos apoio nenhum em sua luta infrutífera contra os moinhos de vento.

      Revisionismo é pseudo história, não apareceu ainda nenhum estudioso qualificado e isento capaz de negar com tamanha veemência e desfaçatez os horrores do Holocausto. Apenas o imperativo libertário permite que coloquem em "papel" suas teses de conspiração ancestrais...tão antigas que desqualificam o judeu muito antes do holocausto, sendo este fato, apenas mais um dos motivos para odiá-los,.

      MFF

      Excluir
    2. Eu só não uso o termo 'desespero', caro Tannhauser.
      Casos como o dele e de congêneres são pura e simplesmente uma função para a qual foram convocados há muitos anos.
      Têm alguns que conhecemos bem e que vêm dos primórdios dessa convocação. Aqueles deturpadores profissionais...
      Abraço.

      Excluir
    3. Rabino desesperado é cômico rss

      Já leu o Talmude hj? kkkkkkkkkkkkkkkk

      Cobalto

      Excluir
    4. Artigos no meu blog, como os de Mark Weber, historiador formado, e cheio de referências espantam estes fanáticos... simplesmente se silenciam em tais artigos. Os caras fogem e dizem depois que vão para cima... é desespero sim!

      Excluir
    5. Um dos raros que tenta bancar um blog "afirmacionista" é o 'A vida no front', que repete todas as conhecidas 'istórias' da 2ª Guerra, especialmente do holocausto.
      Ele se diz um "não judeu, fan de assuntos militares, com principal ênfase o Holocausto e a 2ª Guerra Mundial, além de guerra moderna". Ser "fan" de tragédias me é bem estranho...

      Excluir
    6. Talmudinho, desespero é querer incriminar pesquisas forenses do holotroll, é querer censurar livros, filmes, artigos, palestras, blogs e trabalhos escolares até de menores de idade.

      Desespero é chamar Jesus de "blasfemo", de "agitador político" pra inocentar pessoas e um sistema religioso que o PRÓPRIO DEUS assim considerou. Não foi o Faurisson. Será que Deus é nazista, revisionista?

      Cobalto, quem é "cia"?

      Excluir
    7. Ao Cobalto, o que não consegue replicar uma resposta certeira:

      Pela última vez, vou tentar te explicar sem desenhar (por quê aqui não dá):


      No ano 33 da nossa era, Jesus não era visto como é hoje! Entendeu? Captou?

      Historiadores afirmam que para o poder vigente, Roma, Jesus era um agitador político pois pregava uma política de apaziguamento, de tolerância entre os homens, e - NÃO reconhecia que um homem poderia estar acima do outro, ou seja, ROMA não poderia ser dona e senhora dos homens da judéia e arredores. Isso era perigoso para ROMA! Entendeu? Captou?

      Para Caifás que era o sumo sacerdote, Jesus blasfemava, não quer dizer que eu acho que Jesus blasfemava (tu é duro de entender hein???), para o sacerdote da ÉPOCA, Jesus era uma ameaça a religião e os preceitos que Caifás e o resto do povo seguia.

      Entendeu? Captou?

      Até uma criança entende isso, mas tu - o duro de entender - não têm condição alguma de replicar CONCRETAMENTE nada que eu escrevo.

      E depois eu é que sou o fujão...rsrsrsrsrrs

      Corra coelho, corra!

      MFF

      Excluir
    8. Talmudinho fujão, amanhã é dia de sacrificar galinhas?

      Jesus era sim visto como Filho de Deus:

      " Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou?
      E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. "
      Mateus 16:15-16. Captou?

      Roma não tava nem aí com Jesus. Postei ontem onde Pilatos dizia que "não achei mal algum neste homem". Os judeus que levaram Jesus até Pilatos e não o inverso. Tanto que Pilatos devolveu Jesus, pq não eram questões da alçada de Roma. Captou?

      E sendo "agitador", pq o Sinédrio judaico o homicidou por "blasfêmia" como vc defendia até ontem. Já hj diz q era um criminoso político comunista, um "agitador apaziguador" (sic). Captou?

      ( 68ª fuga, quem é "cia"? ) Captou?

      Cobalto

      Excluir

    9. MFF, na boa, vc deveria ter vergonha dessa sua covardia em fugir de todos os assuntos. Outros já falaram isso também como vc mesmo leu. Está parecendo que sua situação necessita de atenção psicológica e urgente?

      Espelhe-se me mim, até hoje não fugi a nenhum dos seus, digamos, questionamentos.

      -------------------------------------

      (5ª tentativa e fuga) Gostaríamos também de saber sua noção de Justiça e Direito e se concorda com com o "amplo direito à defesa" e o "princípio do contraditório" e o que entende por isso?

      (5ª tentativa e fuga) Gostaríamos também de saber se alguém que condena(*) injustamente outros por "exageros folclóricos" não estaria se igualando ao crime ou criminosos que pretensamente deseja justiçar? Sim ou não?

      (*) Desde quando condenar é sinônimo de enforcar?

      (5ª tentativa e fuga) Se seu pai, ou familiares, fosse um dos enforcados em Nuremberg por crime de "exageros folclóricos" consideraria isso como "apenas periférico pitoresco"? Sim ou não?

      (5ª tentativa e fuga) E terminando, MFF, gostaria de saber sua opinião se vc fosse o condenado à forca por erros "periféricos pitorescos"? Sim ou não?

      Peço uma resposta tão simples e vc não consegue, está sempre fugindo, mudando de assunto, invoca até COELHOS !!

      (68ª tentativa e fuga) Quem é "cia"?

      Na verdade, vc não respondeu nada do que perguntei nos comentários de 24 de junho de 2014 17:52 e 11:08. Tem outros, mas estas são provas mais que suficientes.

      E como vc não fala sobre suas fugas medrosas e nem responde, só posso me dar por vencedor. Chances de responder vc teve, mas preferível a porta dos fundos com rabo entre as pernas e luzes apagadas tentando não ser visto. E o interessante é que vc acredita que as pessoas não percebem ... patético. Vc deve ser uma pessoa triste e revoltada pra agir assim. Bem, dei um conselho no início deste comentário. Desejo boa sorte no divã.

      Cobalto

      Excluir
  14. "Se um não-judeu matou outro não-judeu, ou um não-judeu matou um judeu, o assassino é responsável pela execução, se um judeu matou um não-judeu, ele é isento de pena" - Citado do Talmude Babilônico : Steinsaltz Edição Sinédrio 57A, 107)

    Em seu livro "Tanya", um texto sagrado para o Judaísmo Chabad-Lubavitch, o rabino Zalman ensina que os gentios são "resíduos e lixo". No primeiro capítulo de "Tanya", o rabino Zalman transmite o ensinamento de que almas de não-judeus, "emanam do kelipot imundo que não contêm nada que seja bom." - Citado da edição Lubavitch-autorizada de Likutei Amarim Tanya por Rabi Shneur Zalman de Lyady, edição Bilíngue hebraico-inglês [Brooklyn, New York, Kehot Publicação Society, 1993].

    "O judeu por sua origem e na sua essência é totalmente bom. O goy (não-judeu), por sua origem e na sua essência, é completamente mal. Isso não é simplesmente uma questão de distinção religiosa, mas sim de dois completamente diferentes espécies ('Shnei mínima nifradim') "- citação do Rabino Sadya Grama, Romemut Yisrael Ufarashat Hagalut (Rabino Grama é um graduado da Beth Medrash Govoha, uma yeshivá ortodoxo renomado em Lakewood, New Jersey)

    ResponderExcluir
  15. Fabiano,
    Eu quero ver você discutindo no "http://holocausto-doc.blogspot.com.br/".
    Tente, ouse...

    ResponderExcluir