Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Um chute no ridículo

Amigos e amigas.
O texto abaixo grassa pelo Facebook e expressa o que todas as pessoas minimamente saudáveis mental, emocional, espiritual e intelectualmente pensam e sentem.
Deem só uma lida rápida e me diga se você não quereria dar um abraço nesse magistrado.
FAB29

O juiz Eliezer Siqueira de Sousa Junior, da 1ª Vara Cível e Criminal de Tobias Barreto, no interior do Sergipe, julgou improcedente um pedido de indenização que um aluno pleiteava contra o professor Odilon Oliveira Neto, 43 anos, que tomou seu celular em sala de aula.

De acordo com os autos, o educador tomou o celular do aluno, pois este estava ouvindo música com os fones de ouvido durante a aula.

O estudante foi representado por sua mãe, que pleiteou reparação por danos morais diante do "sentimento de impotência, revolta, além de um enorme desgaste físico e emocional".

Na negativa, o juiz afirmou que "O PROFESSOR É O INDIVÍDUO VOCACIONADO A TIRAR OUTRO INDIVÍDUO DAS TREVAS DA IGNORÂNCIA, DA ESCURIDÃO, PARA AS LUZES DO CONHECIMENTO, DIGNIFICANDO-O COMO PESSOA QUE PENSA E EXISTE”.

O magistrado se solidarizou com o professor e disse que "ENSINAR ERA UM SACERDÓCIO E UMA RECOMPENSA. HOJE, PARECE UM CARMA!". Eliezer Siqueira ainda considerou que o aluno descumpriu uma norma do Conselho Municipal de Educação, que impede a utilização de celular durante o horário de aula, além de desobedecer, reiteradamente, o comando do professor.

Ainda considerou que não houve abalo moral, já que o estudante não utiliza o celular para trabalhar, estudar ou qualquer outra atividade edificante. E declarou:

"JULGAR PROCEDENTE ESTA DEMANDA É DESFERIR UMA BOFETADA NA RESERVA MORAL E EDUCACIONAL DESTE PAÍS, PRIVILEGIANDO A ALIENAÇÃO E A CONTRA EDUCAÇÃO, AS NOVELAS, OS 'REALITYS SHOWS', A OSTENTAÇÃO, O ‘BULLYING INTELECTIVO', O ÓCIO IMPRODUTIVO, ENFIM, TODA A MASSA INTELECTIVAMENTE IMPRODUTIVA QUE VEM ASSOLANDO OS LARES DO PAÍS, FAZENDO AS VEZES DE EDUCADORES, ENSINANDO FALSOS VALORES E IMPLODINDO A EDUCAÇÃO BRASILEIRA”.

Por fim, o juiz ainda faz uma homenagem ao professor.

"NO PAÍS QUE VIROU AS COSTAS PARA A EDUCAÇÃO E QUE FAZ APOLOGIA AO HEDONISMO INCONSEQUENTE, ATRAVÉS DE TANTOS EXPEDIENTES ALIENANTES, REVERENCIO O VERDADEIRO HERÓI NACIONAL, QUE ENFRENTA TODAS AS INTEMPÉRIES PARA EXERCER SEU ‘MÚNUS’ COM ALTIVEZ DE CARÁTER E SENSO SACERDOTAL: O PROFESSOR."

Pensem comigo: o que vocês achariam se um professor se sentasse à mesa de um restaurante, barzinho ou uma festa onde estivessem vários de seus alunos e começasse a falar sobre sua matéria, explicando alguns pontos e revisando um e outro conteúdo? Evidentemente, vocês, os alunos e eu, também, iríamos chamá-lo, no mínimo e com total razão, de babaca. Afinal, ali é lugar de relaxar e se divertir.

A recíproca para qualquer aluno que ouse fazer do horário de aula um momento de lazer e descontração é verdadeira: tal aluno será um perfeito babaca!

Em tempo: só para complementar, leiam este repente: http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2013/10/um-repente-porreta.html

8 comentários:

  1. Dilma acaba de anunciar como novo Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, o Sr. José Aldo Rebelo Figueiredo, membro do Partido Comunista do Brasil e tendo como profissão “jornalista”, além de odiar tecnologia.

    Uma de suas grandes inovações foi em 2003 como deputado, ao apresentar o PL-2762/2003, que propõe transformar o dia 31 de outubro no Dia Nacional do Saci-pererê.

    http://www.migalhas.com.br/dePeso/16,MI20058,81042-Entre+os+sacis+e+as+fadas

    Acha que acabou?!

    Por que, tem mais?!

    Tem sim. Veja:
    http://vcfaz.tv/viewtopic.php?p=1566890

    Projetos apresentados

    O deputado já apresentou centenas de proposições em sua carreira,[6] sendo que alguns dos projetos mais famosos e polêmicos são o de limitação de estrangeirismos, o da criação do Dia Nacional do Saci-Pererê e o Pró-Mandioca.

    Dia Nacional do saci-pererê

    Em 2003, o deputado apresentou PL-2762/2003 que propõe transformar o dia 31 de outubro no Dia Nacional do saci-pererê, visando substituir a importação cultural do "Halloween".

    Pró-Mandioca

    Em abril de 2006, através do projeto de lei 4.679/2001, que ficou popularmente conhecido como o Pró-Mandioca, tentou tornar obrigatória a adição de 10% de raspa de mandioca na farinha de trigo destinada à fabricação do pão francês (ou pãozinho, pão de sal). Dentre as justificativas para o PL estavam a idéia de melhorar a quantidade de nutrientes do pão e impulsionar a cadeia de produção da mandioca, produto do qual o Brasil é o maior produtor mundial. O projeto chegou a enfrentar forte resistência da indústria da farinha de trigo e também dos padeiros, que em protesto passaram a exibir cartazes com fotos de Aldo Rebelo expressando a insatisfação com o projeto de lei do deputado, justamente no período de campanha eleitoral. O projeto recebeu diversas emendas e foram elaborados dois substitutivos, mas acabou sendo vetado pela Comissão especial criada para discutir o tema.

    Parabéns, PresidAnta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Data vênia, minhas ponderações:

      Inicialmente, estou a anos-luz de ser fã do Aldo. Não passa de um político qualquer (já é muito para essa casta de inúteis).

      Mas quanto ao dia do Saci, eu o comemoraria com alegria, visto que execro com cada fibra de mim esse lixo chamado 'RALOUIN'!

      Quanto ao "pró-mandioca", também vejo com bons olhos. Seria uma bicuda na brutal dependência tupiniquim à máfia triticultora mundial. E tanto era uma boa ideia que foi vetada pelo 'congreço nassioná', esse poço de lisura, decência e fidelidade ao país.

      Aliás, o nosso congresso deveria ser extinto. Já leu este meu post?

      http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2014/09/descentralizar-o-poder.html

      Excluir
    2. Não, vou ler. Obrigado.

      Excluir
  2. Caro FAB,
    Me espanta que um juiz, um togado tenha essa temperança, via de regra são da mais rasa qualidade, ou mais alta desqualidade! É espantoso que não o professor, mas um juiz tenha qualidades para extrapolar a verdade jurídica, criminosa, despótica e usurpadora, afinal juiz escolhe juiz, aliás uma "junta" de ministros escolhem juiz em provas orais e não o povo que em tese teria que ser os escolhedores, uma clara violação de princípios fundamentais da constituição em seu artigo primeiro! E mais se todos são iguais perante a lei porque juiz julga juiz, ferindo o princípio de isenção e também são juízes até a morte, mesmo que não exercendo o cargo, cargo esse em tese democrático e não absolutista?
    Como mostro esse juiz é mesmo um exemplo, mas melhor seria se pudesse mandar para a cadeia todos seus pares encastelados em crenças de divindades absolutistas.

    Com relação ao seu comentário de que professor sentar em mesa de bar e buscando ensinar ser entendido babaca merece nota zero! Pelo menos na minha "magistratura" é a primeira nota zero que lhe aplico! KKKKKKKKKKKKKK
    Desculpe o chiste, mas edificante é sempre alguém que não escolhe hora para buscar a dignificação de todos, sobretudo em uma nação onde bebedeira é regra, e mundo onde o álcool é a maior de todas as maselas.
    Que apoiemos o professor tachado de babaca, pois a única babaquice dele é acreditar que bêbados tem alguma qualidade para absorver algo edificante!
    Bêbados não respondem nem pelos seus orifícios de defecar, defecam inclusive pela boca enquanto seus orifícios de defecar são adentrados por imundos que não entendem que emular reprodução em orifício de excreção é condenar a raça a extinção!
    Abraços
    E que não achemos babacas aqueles que seguem profissão tão tergiversada por imbecilidades acadêmicas, já basta o salário de babacas que eles recebem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Vapera. Saiba:

      Por várias vezes, em pequena escala e com muito tato, eu já fui esse babaca praticando o exemplo do post em festas, barzinhos, etc. E sempre que vejo a possibilidade, ainda o pratico.

      Só chamo a atitude de "babaquice" por saber da reação negativa geral que faria um desserviço à boa intenção do professor e que agir um pouco contrariamente disso dá muito mais resultado. Quero dizer, um professor que consegue com que o aluno se divirta em sala de aula cria um fluxo de interesse que amplifica seu aprendizado e desenvolvimento.

      Tive tanto sucesso com esse jeito de lecionar que, certa vez, colegas meus chegaram até mim e perguntaram como eu conseguia com que os alunos da 5ª e 6ª séries daquela escola, tão desinteressados, bagunceiros e, até, malcriados, fossem tão produtivos a ponto de fazerem exposições de trabalhos que eles não viam nem em alunos de 2º grau.

      Muito simples: eu pedia aos alunos que me dessem só dez minutos de atenção total para que eu mostrasse o que produziriam na aula naquele dia. Em troca, junto ao exercício, eles teriam total liberdade de conversar, rir, cantar (tudo em tom moderado) e eu também permitiria que todos saíssem ao banheiro na segunda aula, para espairecerem. Funcionava muito bem.

      A alegria deles em minhas aulas era enternecedora. Jamais esquecerei.
      Abraço.

      Excluir
  3. Contrariamente à crença popular com base na propaganda e desinformação, Hitler era um cristão e o nacional-socialismo era baseado no cristianismo, e, na verdade, todo mundo tem o direito de "liberdade de religião". Hitler também não proibiu o Natal como alguns afirmam, nem era um ocultista.

    http://justice4germans.com/2012/12/25/christmas-with-hitler-he-was-a-christian-and-national-socialism-was-based-on-christianity-not-the-occult/

    http://targetfreedomusa.com/what-was-hitlers-mindset-regarding-the-nazi-zionist-connection/

    LEILÕES IMÓVEIS JUSTIÇA TRABALHO - HASTAS PÚBLICAS IMÓVEIS - TRT 2ª REGIÃO - TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - ADAM BLAU - GALERIA DE ARTE ANDRÉ - MÁFIA JUSTIÇA DO TRABALHO - JUÍZES TRABALHISTAS - CORRUPÇÃO LEILÕES - ESCÂNDALO JUSTIÇA - IRREGULARIDADES E FRAUDES EM PROCESSOS - MAÇONARIA NO COMANDO DA CORRUPÇÃO - ROSA CRUZ ? VENDA DE SENTENÇAS NO JUDICIÁRIO.

    http://www.midiaindependente.org/pt/red/2014/07/533540.shtml

    http://www.cristaoconfuso.com/2011/08/10-beneficios-trazidos-pelo-nazismo-e.html

    http://www.cristaoconfuso.com/2011/07/os-10-piores-demonios-da-teologia-ou.html

    http://www.cristaoconfuso.com/2011/07/as-5-expressoes-evangelicas-mais-sem.html

    http://justice4germans.com/2014/12/23/video-christmas-in-the-third-reich-weihnachtens-im-dritten-reich/

    http://antimatrix.org/Convert/Books/Rabbi_Abe_Finkelstein_Interview/Rabbi_Abe_Finkelstein_Interview.html#The_holocaust_survivors_scam

    E sabia que a Dilma assinou um documento pra ser implantado o chip do Anticristo em 2015? http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-hoax-presidente-dilma-aprova-chip-para-2015

    BOM FERIADO DE NATAL PARA VOCÊ
    E BOAS LEITURAS TAMBÉM.

    ResponderExcluir
  4. Caro FAB,

    Em minha conturbadíssima vida escolar, onde fui expulso de todos os colégios pelos quais passei, via nessa sua metodologia, metodologia essa que alguns raros professores praticavam um raro lenitivo na imbecilidade perene que sempre pululou nos centros de "ensino".
    Lembro de um professor que era dessa linha e uma vez ele me pegou no flagrante jogando papel em algum semelhante e eu estava de aviso de pré expulsão, já tinha voltado de uma suspensão naquele dia, e ele viu e disse que não tinha escolha, eu tinha que sair, pois ele havia posto para fora um outro "engraçado" minutos antes e até se desculpou pois sabia que eu dançaria, eu não só sai pedindo a ele que não se desculpa-se pois o retardado havia sido eu, como nunca guardei nenhum ressentimento dele.
    Entendo que quando um professor respeita um aluno mesmo que esse não se respeite, ele faz o papel que provavelmente esse aluno nunca recebeu na vida, o papel de amigo, um amigo respeitador, e as vezes mesmo expulso esse aluno aprendeu mais com ele do que com toda a vida imundamente acadêmica. Acredite-me, eu sei bem sobre esse assunto. E agradeço até hoje o exemplo de conduta que esse professor me deu, mesmo sendo ele um abominador do nazismo e entendedor da história de forma judaizada, com holocontos e tudo o mais.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A sentença "Ninguém é perfeito!" é uma verdade absoluta.

      Afinal, se alguém atingisse a perfeição, certamente se suicidaria por total estagnação em todos os sentidos.

      Excluir