Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Nossa Amazônia?

Amigos e amigas.
Segue abaixo uma denúncia relativamente antiga, mas que vejo total necessidade de "mantê-la viva". Afinal, penso ser impossível que os supremacistas tenham mudado de ideia ou, principalmente, de atitude. Vejam a quê somos relegados.

[Confiram abaixo o original da página 76 do livro DIDÁTICO norte-americano "Uma introdução à Geografia", do autor David Norman, utilizado na Junior HIGHSCHOOL (equivalente à 6ª série do 1º grau brasileira) e, em seguida, a tradução.]
Uma Introdução à Geografia
"...no setor norte da América do Sul, formando uma extensão de terra com mais de 3.000 milhas quadradas.

3.5-5: A PRIMEIRA RESERVA INTERNACIONAL DA FLORESTA AMAZÔNICA

Desde meados dos anos 80, a mais importante floresta do mundo passou a ser responsabilidade dos EUA e das Nações Unidas. É chamada PRINFA (PRIMEIRA RESERVA INTERNACIONAL DA FLORESTA AMAZÔNICA) e sua fundação se deu pelo fato da Amazônia estar localizada na América do Sul, uma das regiões mais pobres do mundo e cercada por países irresponsáveis, cruéis e autoritários. Fazia[?!?] parte de oito países diferentes e estranhos, os quais, em sua maioria, são reinos de violência, do tráfego de drogas, da ignorância e de um povo sem inteligência e primitivo. A criação da PRINFA foi apoiada por todas as nações do G-23 e foi realmente uma missão especial para nosso país e um presente para o mundo todo, visto que a posse dessas terras tão valiosas nas mãos de povos e países tão primitivos condenariam os pulmões do mundo ao desaparecimento e à total destruição em poucos anos."

No retângulo branco, abaixo do desenho, relacionam os oito países que abrangem a área amazônica e complementam:
"...Alguns dos mais pobres e miseráveis países do mundo."
Texto à direita da borboleta
"Podemos considerar que esta área tem a maior biodiversidade do planeta, com uma grande quantidade de espécimes de todos os tipos de animais e vegetais. O valor desta área é incalculável, mas o planeta pode estar certo de que os Estados Unidos não permitirão que estes países Latino Americanos explorem e destruam esta verdadeira propriedade de toda a humanidade. PRINFA é como um parque internacional, com severas regras para exploração."

O pior de tudo é que já foram feitas denúncias, cartas ao governo brasileiro para se esclarecer ou até alterar essa excrescência, etc. E nada! O governo estadunidense e seus asseclas se limitam a afirmar que tudo não passa de "fake internético". Ou seja, dão uma "banana aos bananas!" E nessa "brincadeira" (entenda-se desfaçatez), mil coisas na Amazônia são sangradas impunemente ao estrangeiro, como o mogno e o nióbio.

Infelizmente, esse é o merecido tratamento que todo sub-povinho comodista, alienado e ignorante recebe de seus donos. Revoltar-se é lícito, mas do jeito que é a "desmentalidade" que grassa nos 3° e 4º mundos, constantemente patrocinada e cevada pelos grandes corruptores, a esperança de se conseguir sequer uma explicação é próxima de zero. Triste gado!...

Mas tudo bem! Temos Carnaval, teremos a Copa e a Olimpíada, Deus é brasileiro,... Oh, God!...
FAB29

Adendo: Acrescento estes links abaixo, cortesias do amigo visitante Joaquim Vzú, que contém outros exemplos de mapas onde a Amazônia é separada do Brasil:

http://www.brasil.iwarp.com/mapa1.htm

http://www.brasil.iwarp.com/amazonia.htm