Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


terça-feira, 11 de novembro de 2014

A Grande Prostituta.

Amigos e amigas.
O texto a seguir tem a grande qualidade da análise. Uma opinião bem abalizada nas palavras escritas há milênios. É bem corajoso e lúcido.

Um fato que corrobora com suas afirmações é o fato que o 2° Império Babilônico, de Nabucodonosor, teve muito contato com Jerusalém, a tendo subjugado e prendido seu rei e nobres na cidade de Babilônia (o famoso "Cativeiro da Babilônia", descrito na Bíblia), enquanto que Roma tinha apenas 200 anos de vida quando ele terminou em 539 a.C. e só virou república 30 anos depois disto. Não encontrei nenhuma relação entre Roma e Babilônia.

É claro que há outros textos mantendo Roma como a "prostituta" da profecia.
Convido-os a opinar sobre este abaixo.
FAB29

QUEM É A GRANDE PROSTITUTA?

Este artigo prova tratar-se de JERUSALÉM!

Entendo que muitos fazem esta acusação de boa fé, porém influenciados pela propaganda anticatólica de... já saberemos quem. 

Tentarei provar biblicamente que a Igreja NÃO É a Grande Prostituta da Babilônia.

Em primeiro lugar, a Bíblia é uma só e deve ser entendida COMO UM TODO, HARMONICAMENTE. Nela, não existe contradição. (Nota pessoal: todas as contradições que houver se devem aos escribas fariseus que, durante os séculos, adulteraram a Palavra.)

FIXEM-SE: A meretriz é descrita como uma "GRANDE CIDADE", ou um império poderoso. Uma grande cidade que está situada sobre sete colinas.

“E a mulher que viste é A GRANDE CIDADE, a que tem a soberania sobre os reis da terra" (Apocalipse 17,18). 

Somente ao ler este versículo, já os "profetas" anticatólicos ficam mal, porque a Igreja NÃO É uma cidade. É uma Instituição. 

O Apocalipse diz que a prostituta está sentada sobre sete colinas; onde há sete colinas? Aqui todos olham... para Roma, porém vejo sete colinas em dois lugares: EM ROMA E... EM JERUSALÉM! (monte Gared; monte Goath; monte Acra; monte Bezetha; monte Moriah; monte Ophel; monte Zion). Isto é geografia! Jerusalém era conhecida no Oriente como "A Cidade das Sete Colinas".

Mais: se buscam pela internet as SETE colinas de Roma acabarão por saber que a sede da Igreja Católica NÃO ESTÁ SENTADA SOBRE AS FAMOSAS SETE COLINAS, porque elas estão a LESTE do rio Tibre enquanto que o Vaticano está a OESTE deste rio.

É o próprio livro do Apocalipse que menciona claramente que a GRANDE CIDADE (a prostituta) é aquela onde Jesus foi crucificado:

“E seus cadáveres, na praça da Grande Cidade, que simbolicamente se chama Sodoma ou Egito, ali onde também seu Senhor foi crucificado” (Apocalipse 11,8)

A pergunta é para os "experts" e bíblicos protestantes: "Jesus foi crucificado em Roma... ou em Jerusalém??"

Ademais, derrama o sangue dos santos e profetas:

“Foi em ti que se encontrou o sangue dos profetas e dos santos, como também de todos aqueles que foram imolados na terra" (Apocalipse 18,24);

“Vi que a mulher estava ébria do sangue dos santos e do sangue dos mártires de Jesus; e esta visão encheu-me de espanto. ” (Apocalipse 17,6). 

Quem matava os profetas??? O PRÓPRIO JESUS LHES DÁ A RESPOSTA: 

"Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os enviados de Deus, quantas vezes quis ajuntar os teus filhos, como a galinha abriga a sua ninhada debaixo das asas, mas não o quiseste!" (Lucas 13,34)

Quem matou o Apóstolo São Tiago e o diácono Estêvão? 

Jerusalém! Jerusalém acusava os mártires e os apóstolos de sedição e Roma os executava. 

Roma é, pois, o poderoso império pagão, a Besta que primeiro fornicou com Jerusalém, aliou-se com ela e logo a ODIOU e DESTRUIU (Ap. 17,16), acabando com a prostituta ao destruir o Templo em 70 d.C., o último vestígio que ficava da Antiga Aliança de Deus com Israel. 

Isto foi predito por Jesus quando carregava a cruz, ao consolar às mulheres dizendo que não chorassem por ele, senão por seus filhos já que coisas mais terríveis sucederiam e NÃO PASSARIAM DESSA GERAÇÃO antes que ocorressem (Mt. 24:34). 

Se bem que Jesus em Mateus misture o "fim dos tempos" com o "fim do templo", nessa passagem específica, ele se refere somente à destruição do Templo, não ao fim do mundo, porque senão teríamos de admitir que ele se enganou, já que AQUELA GERAÇÃO passou e o mundo não se acabou. Porém essa geração teve de passar pelo terrível "Sítio de Jerusalém" acontecida em 70 d.C. (Nota pessoal: Ratifico. Penso que essa confusão se deve aos escribas fariseus que adulteraram a Palavra durante séculos.)

Por isso lhes disse: fujam para os campos etc. 

E Jesus se referiu a Jerusalém como a que matava os profetas, sendo absolutamente coerente com a Bíblia, que é harmônica em todas suas partes, e se lerem EZEQUIEL, ISAÍAS, JEREMIAS e OSÉIAS verão que estes identificam a PROSTITUTA, a noiva INFIEL, com JERUSALÉM 

"... filho do homem, mostra a Jerusalém os seus crimes abomináveis" (Ezequiel 16,2)

"...eis o que diz o Senhor Javé: por tua prata dilapidada, por tua nudez descoberta no decurso de tuas prostituições com os teus amantes e com os teus ídolos abomináveis, pelo sangue de teus filhos que lhes deste, vou reunir todos os teus amantes com aquele a quem juraste amor, todos quantos amaste e todos que detestas, vou reuni-los contra ti de todos os lados, e perante eles descobrirei a tua nudez, a fim de que te contemplem totalmente" (Ezequiel 16,36-37)

"...Entregar-te-ei nas suas mãos; eles demolirão o teu montículo, abaterão o teu lugar alto; despojar-te-ão dos teus vestidos; levarão os teus ornatos e te deixarão nua e despojada" (Ezequiel 16,39)

"... fizeste para ti uma lupanar e edificaste para ti prostíbulo em todas as praças" (Ezequiel 16,24)

"Prostituístes com os egípcios..." (Ezequiel 16,26)

"... logo multiplicaste tuas prostituições no país dos mercadores, na Caldéia..." (Ezequiel 16,29)

"Oh, quão débil era teu coração - oráculo do Senhor Javé - para cometer todas estas ações, dignas de uma prostituta descarada!" (Ezequiel 16,30)

ISAIAS:
"Como te converteste em rameira, oh, cidade fiel? Estavas cheia de justiça, nela habitou a equidade; porém agora, os homicidas!". (Isa. 1:21)

JEREMIAS:
"Porque desde muito atrás rompeste teu jugo e tuas ataduras, e disseste: Não servirei. Contudo, sobre cada outeiro alto e debaixo de toda árvore frondosa tu permanecias como prostituta". (Jer. 2:20)

EZEQUIEL:
"A reputação da tua beleza correu entre as nações, pois essa beleza era perfeita, graças ao esplendor que te havia eu preparado - oráculo do Senhor Javé. Tu, porém, te fiaste na beleza, aproveitaste da tua fama para te prostituíres e ofereceste a tua sensualidade a todo transeunte, a quem te entregaste". (Eze. 16: 14-15)

OSEIAS: 
"Não te alegres, Israel! Não exultes como os pagãos! Porque te prostituíste, afastando-te de teu Deus. E amaste o salário impuro em todas as eiras de trigo". (Oseas 9:1)

É o próprio Deus quem reclama e identifica Jerusalém como a que se prostituiu com os reis da terra e cometeu abominações.

Através de toda a Biblia, é a Israel quem os profetas caracteristicamente condenam como rameira. Em consequência, quando João ajuíza contra Israel por sua rejeição a Cristo, a grande apostasia de todos os tempos (comp. Mat. 21:33-45), apropriadamente a chama: 

"...a grande prostituta... a mãe de todas as prostitutas da terra” (Apoc. 17:1,5)”