Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


segunda-feira, 30 de novembro de 2015

A volta dos que não foram!

Pois é, amigos e amigas!...
Após o novembro mais chuvoso das últimas décadas no sudeste brasileiro (veja mais AQUI e AQUI), eis que ELES VOLTARAM!! Se bem que jamais tinham "se ido".
30/11/2015 - 7:00 h.
Arquivo pessoal
30/11/2015 - 7:30 h.
Arquivo pessoal
30/11/2015 - 7:35 h.
Arquivo pessoal
Na primeira foto, dois "belos e fulgurantes" rastros químicos. Na segunda, mais dois, já meio mesclados às nuvens (mas mesmo meu celular pré-histórico conseguiu captá-los). Os quatro estão no sentido norte-sul; e na terceira, suas imediatas consequências. Fazia uns dois meses que não os via tão claramente; em geral, só via essas consequências: nuvens diluídas em névoa química, como se vê na 3ª foto.
21/03/2016 - 10:20 h.
Arquivo pessoal
21/03/2016 - 10:30 h.
Arquivo pessoal
As duas fotos acima mostram o mesmo e imenso rastro químico sentido NO-SE (a  grande maioria deles é N-S) que bloqueou grandes nuvens que vinham do oeste.

Como já tanto falei deles (AQUI, por exemplo), os rastros químicos e outros esquemas servem para validar a agenda climática dos grandes parasitas, secando a atmosfera e evitando a formação de nuvens de chuva (além de um envenenamento das águas e do solo por alumínio e outros elementos), além de transformar o local num forno de microondas junto com o HAARP. Tudo isto para afetar a saúde da população, fazendo-a se concentrar em mantê-la ou recuperá-la, e serve de desculpa para se aumentarem os preços e impostos. Não nos esquecendo do esquema de se fazer obras "meio superfaturadas" para "prevenir novos desabastecimentos" que, na verdade, servirão para escoar e estocar as águas para particulares.

Se vocês acreditavam que seria permitido que o verão seguisse naturalmente, com as costumeiras e encorpadas chuvas, desistam. Eles decretaram que o Cantareira só sairia do volume morto no fim de abril de 2016. Não podem facilitar pro gado humano se sentir muito esperançoso.

A grande podre mídia faz a sua parte com seu terrorismo, afirmando que, apesar do Cantareira ter recebido o maior volume de chuva dos últimos seis anos para o mês de novembro, seu nível não chegou nem a 20%.

No final das contas, vejo que só nos será permitido viver de tréguas. Nossa subjugação deve ser ampla, total e irrestrita. Apenas se a humanidade despertar do seu torpor, deixando de lado suas pastagem e água acidificadas, é que as coisas começariam a voltar aos bons tempos de saúde, tranquilidade e esperança de progresso.

Mas, para tanto, precisaria de muita dedicação, raciocinar e trabalhar muito e isso atrapalharia sua novela, seu futebol, seu shopping, sua cerveja,...!
FAB29

Adendo 1 - 28/03/16 - Chuva bloqueada em Ribeirão Preto, não chegando ao sul de Minas.

Formação chuvosa sobre Bonfim Paulista (SP) (Foto: Rogério Volgarine/Arquivo Pessoal)

E fiquem com este pequeno adendo - 2. Acham que estão pulverizando plantações?



Adendo 2: Hoje, 21/06/2016, das 6:45 h às 8:00 h, vi "apenas" 10 (DEZ!) rastros químicos. Durante a manhã, mais 5. Nem imagino os tantos que NÃO VI. Será por causa destas previsões de inverno chuvoso?

Nos três dias anteriores, céu azul e absolutamente nenhuma linha química no céu. Daí, vêm "ispessialistas" ou "pesquisadeiros" afirmar que se tratam apenas de "trilhas de condensação anômalas" ou outra explicação patética, rasteira e ofensiva a qualquer mínimo de inteligência. Explicação tão linda quanto inócua!

Adendo 3 - 13/07/2016: o seu JN "explicou" o porquê dessa secura no centro-sul do Brasil: além dela ser comum no inverno, existe "um centro de alta pressão girando bem no centro do país, o que impede a formação de nuvens". Pois é, né? Simples assim! Pelo quarto ano consecutivo, esses "bloqueios naturais" ferram o sudeste com seca e o sul com tempestades e granizos:

http://g1.globo.com/pr/campos-gerais-sul/noticia/2016/07/granizo-deixa-feridos-cidades-em-alerta-e-ruas-tomadas-por-gelo-no-pr.html

http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2016/07/chuva-causa-prejuizos-para-mais-de-67-mil-pessoas-em-19-cidades-do-pr.html

Por causa desse bloqueio criminoso via HAARP + rastros químicos é que essas chuvas descem com tal brutalidade (de novo!) no Paraná, principalmente, pobre vizinho do alvo dos parasitas mundiais (o Cantareira). Sem ele, as chuvas se espalhariam normalmente pelo sudeste e NUNCA teria ocorrido essa "quase extinção" do Cantareira. O sórdido plano prossegue e vai bem, obrigado!

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Somos os prisioneiros!

Amigos e amigas.
Falar do sistema prisional brasileiro é de abalar os alicerces! Vejamos:

Escola do crime
- Os presídios não passam, há muito tempo, de "simples" amontoados de "escória" humana, enfurnados de qualquer jeito em cubículos, superlotando-os;

- Estão superlotados porque o sistema judiciário mundial (o brasileiro, em especial) é ineficiente a ponto de uma mãe ou pai que furta algum alimento para seus filhos receber punição semelhante (às vezes, maior) que um crime mais sério;

- Além das condições aversivas de encarceramento, a mistura de tipos de criminosos, a falta do que fazer e as privações formam uma panela de pressão que explodem em constantes e brutais revoltas ;

- Não raras vezes, o presídio encontra-se no meio da cidade;

- Quem entra, comprovadamente, não sai melhorado. Exceções não contam.

E o país continua nesta miséria? E aumentando?
Vocês devem saber que 3% das arrecadações das loterias vão para o sistema penitenciário. Vejamos: só a Lotofácil arrecada por volta de R$ 17 milhões POR SORTEIO, o que significa meio milhão pro sistema penitenciário três vezes por semana. Daí, tem a Quina que arrecada diariamente R$ 5 milhões, perfazendo R$ 1 milhão por semana; a Mega Sena, mais de R$ 50 milhões duas vezes por semana (mais de R$ 3 milhões por semana). Só nestes exemplos, temos mais de R$ 6 milhões semanais (não nos esquecendo que, quando acumulam, as arrecadações sobem exponencialmente) e por aí vai. Portanto, semanalmente, o Fundo Penitenciário recebe uma boa grana. Então, POR QUE RAIOS os presídios brasileiros são tão decrépitos e ineficientes, além de um fomentador de cada vez mais ladrões de tudo o que é tipo?! Numa "palavra mágica": CORRUPÇÃO!

Mas sabem o que mais me causa ojeriza? O fato dos presídios serem dentro ou muito próximos das cidades, problema que causa medo e insegurança constantes à população circunvizinha. Cada vez que eclode uma rebelião, o pânico se instala e desastres são quase inevitáveis. Lembram o que é uma colônia penal? Aquele assentamento de prisioneiros num local bem afastado das cidades, onde seus "inquilinos" são obrigados a trabalhar para sobreviver. A mais famosa talvez seja (ou tenha sido) a de Caiena, na Guiana Francesa, local citado no livro "Papillon", de Henri Charrière. Esta é a forma mais perfeita de guardar prisioneiros.

Mas aí vem um monte de “desocupados” (direitos humanos, familiares dos presos, psicólogos,...) bater de frente com essa ideia, alegando que esse sistema é escravagista, que os presos são amontoados, massacrados e abusados em sua força de trabalho, que são desumanizados pela falta de contato com a civilização, etc. Então, vamos lá:

Colônia penal agroindustrial do Paraná
Vejam AQUI como a coisa funciona.
1- Escravagista? Quantos trabalhadores (até com carteira assinada) não fazem de 12 a 14 horas por dia para receber dois salários mínimos, no máximo? Por que deveríamos aliviar com criminosos de qualquer estirpe?

2- Amontoados e massacrados? Muito simples: faça-se colônias penais onde haja uma triagem por delito cometido e separe-os em setores distintos. Qualquer massacre seria evitado com vigilância constante e punições realmente rígidas para qualquer desvio de conduta. Além do quê, trabalhando tanto para sobreviver, os detentos não teriam forças para gastar com brigas ou revoltas.

3- Desumanizados?! Ridículo! Basta organizar as visitas nos fins de semana com todo o aparato de segurança e transporte exclusivamente aos familiares. Dependendo do comportamento do detento, até visitas íntimas.

A única coisa que impede a execução dessas medidas é o fato de que isso tudo DARIA CERTO! E nunca é intenção dos grandes corruptores permitir que algo funcione, facilitando a vida da população. Eu perdi totalmente a paciência para o 'politicamente correto'. Direitos Humanos apenas a quem age com respeito e dignidade. Estupradores, sequestradores, corruptores, corruptos, pedófilos, sociopatas em geral, não merecem nada além dos rigores de leis inflexíveis, que os detenham, isolem ou mesmo, em casos extremos, eliminem. Evitar o decantado caso da "maçã podre no meio das sadias".

Segregar é preciso!
Posso crer que alguns criminosos são capazes de realmente se regenerar (dependendo do crime) e voltar ao convívio social. Mas, em primeiro lugar, deve obrigatoriamente PAGAR pelo seu crime. Devo perguntar, por exemplo: por que um magistrado ou político que desviou milhões do Tesouro Público, aumentando a miserabilidade da população (e, com isto, fomentando tantas desgraças) merece foro privilegiado e prisão especial? Ou 30 anos de prisão compensam um sequestro, estupro e assassinato de uma criança que era a síntese do amor e da vida de uma família? Mesmo sem ser minha filha, eu digo que NÃO! Além disso, não aceito que se dê uma "chance" para o nefasto repetir sua infame ação com outra criança. Este tipo de crime merece prisão perpétua ou pena de morte.

Portanto, colônia penal SEMPRE e para todo tipo de delinquência! Presídios seriam demolidos e, em seus lugares, erigiriam-se parques, praças, escolas, hospitais, etc. As cidades se tornariam mais sorridentes, alegres e, logicamente, seguras!
FAB29

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Culpa de Hitler!

Amigos e amigas.
Vou tentar uma rápida relação de iniquidades contemporâneas que li em dezenas de sítios e blogs. Certamente, muitos de vocês têm mais dados, mais completos e precisos:

Resultado de imagem para fome no mundo
- Uma em cada 7 pessoas no mundo passa fome; a cada cinco segundos, uma pessoa morre de fome; 30 mil crianças morrem de fome por dia; milhões de famílias sobrevivem dos lixões;

- Também uma em cada 7 pessoas não tem acesso à água potável e cerca de dois milhões de crianças morrem anualmente pela falta dela ou de saneamento básico;

- Em 2005 (!!), mais de 100 milhões de pessoas no mundo moravam ao relento e mais de um bilhão estavam em condições indignas de habitação (creio que piorou um pouco hoje em dia);


Quantas lágrimas para relembrar.
- No século XX, até 2008, calcula-se que cerca de 109.700.000 pessoas morreram em conflitos pelo mundo. Tirando as duas guerras mundiais, mais de 70 milhões morreram em outras. Acrescentando-se os mortos dos últimos quatro sangrentos anos, creio que beiramos os 80 milhões de mortos só em guerras;

- Saúde pública mundial é um descalabro! Mesmo em países de altíssimo nível social, cultural e econômico, a coisa se deteriora a olhos vistos. A grande evolução da medicina é para poucos. O número de mortos pela desassistência médica é cada vez maior; o número de afetados (mortos e aleijados) por erros médicos, idem; o número de dependentes de remédios de uso contínuo, ibidem. Vejam estes dados:


CAUSA MORTIS

Automedicação:   20.000/ano (Brasil)
Álcool:           2,5 milhões/ano (Mundo)
                             35.000/ano (Brasil)
Drogas:              260.000/ano (Mundo)
Erro médico:      225.000/ano (EUA)
                             78.000/ano (Austrália)
Suicídio:            1 milhão/ano (Mundo)

Cigarro:      3 a 5 milhões/ano (Mundo)

- As deteriorações moral (pornografia, pedofilia,...), física (drogas, álcool, cigarro,...), mental (alienação, corrupção, desinformação,...) e espiritual (destruição da fé e dos bons costumes, banalização da violência e da divindade da vida,...), principalmente da juventude, são grotescos pontos pacíficos em qualquer sociedade;

- A Pirâmide Social está cada vez mais desigual. Cada vez menos pessoas detém mais poder, influência e dinheiro. Os monopólios de ultra-mega-corporações em muitos setores estão concentrando todo o comando dos cordames da humanidade;


Resultado de imagem para trabalho escravo mapa mundi


- Trabalhos escravo e infantil continuam a pleno vapor, principalmente nos 3º e 4º mundos (afinal, 1º e 2º mundos precisam manter seus status e qualidade de vida). Milhões de pessoas que se submetem por um prato de comida ou por um dólar ao dia a trabalhos excruciantes, insalubres e extenuantes. Inclua-se uma taxa de desemprego atroz grassando e sem perspectivas de ser reduzida;

- Violência é cada vez mais a tônica dos grandes centros cosmopolizados, abarrotados, desiguais. Assaltos, sequestros, latrocínios, estupros, torturas, chacinas, balas perdidas, drogas,... Tudo gerando todos os tipos de fobias. Todas as iniquidades superlativadas, maximizadas e cevadas pelos "modernos donos do poder";

Tudo isso e um bocado mais vêm se desenrolando e deteriorando a humanidade pós-Segunda Guerra Mundial. Bem depois dos "maiores heróis da História salvarem a Humanidade do Demônio Nazista" que queria dominar o mundo e transformar cada cidadão livre em escravo! A Justiça, a Verdade e a Democracia venceram e o mundo pôde respirar aliviado, com esperança e em paz! Não é isto que Hollywood, junto com a grande podre mídia, apregoa e você crê de pé junto?


É triste (pra não dizer pior) sabermos hoje que tudo não passou de balela, que nunca houve tal intenção de Hitler "dominar o mundo". A maior prova de que isto é virtualmente impossível é o talmudizado EUA (junto com os sionistas, poderosas famílias e sociedades secretas): este país, muito mais poderoso e influente no mundo do que a Alemanha Nacional Socialista sonharia em ser, que tenta há 70 anos dominar o mundo, mas ainda não conseguiu seu intento (pelo menos, não como ele e seus parceiros gostariam e ainda perseguem).

Quase ninguém nega a excrescência que é a guerra. Mas a maior canalhice dela é o lado vencedor, que molda a História ao seu bel prazer e necessidades. Uma dessas "necessidades modernas" é desviar as atenções dos terríveis problemas acima relacionados, que ELES causaram. Para isso, vale realmente tudo! E a mídia em geral se encarrega de anestesiar as massas. Não se assustem quando os grandes corruptores colocarem a culpa de tudo o que escrevi nos nazistas.

Caro leitor: pão e circo (modernamente, Mac Donald's e Big Brother) são seus ideais de vida e prazer? Então, aplauda seus donos! Eles são os melhores no que fazem: sugam toda sua força de vontade e de trabalho, o povoam com ilusões e o alimentam com "doces venenos", paralisando-o em todos os sentidos, que você nem sente. Até mesmo lhes agradecem.

Pobres infelizes...!
FAB29

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Valores e Moral

Amigos e amigas


Qual é o valor da honestidade? Esta, que deveria permear cada atitude humana em prol do progresso, do bem querer e do bem estar, desaparece quando entram em cena as características supremacistas: ganância, sanha por dominância e poder, envoltas pela impiedade. Há radicais que afirmam que ninguém fica rico honestamente, mesmo sem nunca ter cometido uma falcatrua. Isto porque a corrupção está entronizada nas sociedades, política e economia mundiais que regem nossas vidas. Então, seja por ignorância, omissão ou impotência, todos nós somos atingidos, conspurcados em algum nível pela imoralidade desses parasitas amaldiçoados. Quanto maior o progresso financeiro, tanto maior é o contato com o dinheiro sujo da corrupção generalizada, drogas, estelionatos, pornografia,... Se levarmos a ferro e fogo dessa maneira, a humanidade precisa ser resetada e reconstruída. Porém, não devemos condená-la sumariamente como um todo; apenas garimpar, filtrar, segregar, educar, orientar, organizar, doutrinar, tudo aquilo que acontece naturalmente na Mãe Terra e que faz dela essa grandiosidade. Dentro da família, fazer tudo isso desde o berço resolve quase todos os problemas.


Qual é o valor da justiça? Esta, que deveria zelar pela lisura dos atos humanos, distribuindo culpas e inocências bem ao estilo "Daí a César o que é de César", há muito tempo se vê superlotada, distorcida, vilipendiada e até intimidada pelo poder do capital e desses Grandes Corruptores. Nesse "Quem pode mais, chora menos", os menos abastados superlotam as penitenciárias (vários, injustamente), enquanto a maior das raridades é ver um dos "grandes" (que geram as misérias do mundo) pagando por seus crimes. O corporativismo grassa sem o menor constrangimento nas altas rodas. Vemos o caso Eduardo Cunha hoje em dia que, após muito bate lá, bate aqui, ele tentando, nos bastidores, evitar a exposição de suas contas, etc, resolveu assumir “em termos” que possui as malfadadas contas. Mas suas declarações são a personificação da desfaçatez. A despeito disto, o máximo que a Justiça fará contra ele será um impeachment. Se tanto! Justiça democrática é pura ilusão para o gado humano que, independente de estar consciente disto, não se revolta por não possuir nenhuma competência cognitiva, persistência e união. O "divide et impera" supremacista que exorta o individualismo sempre vence.


Qual é o valor da paz? Esta, que é sinônimo de harmonia e equilíbrio, não serve para os usurários. Paz não gera os lucros estratosféricos que eles almejam. Assim como um lago estagnado ou um céu todo azul, a paz não necessita de loucuras e atitudes extremas e urgentes. Os "defensores da guerra" (lembram do fantoche Obama a defendendo ao receber o Prêmio Nobel da Paz? Enojante!...) dizem que "a paz cria mofo na humanidade, atrasando em muito a sua evolução. A guerra sacode a poeira, tira o povinho do marasmo e injeta sangue novo à vida". Certamente, para substituir a infinidade de sangue que verteu dos milhões de mortos...! Apesar da imensa maioria da humanidade se dizer contra as guerras (até contra a posse de armas), elas existem, persistem e cada vez mais se impregnam no cotidiano, como os impostos e a usura. A hipocrisia afirma que a guerra é democrática, atingindo qualquer um igualmente. Outra prova de que democracia é o maior dos embustes. Quem fomenta as guerras são os mesmos que fomentam democracias pelo mundo, colocando no comando seus adoradores, os "buchas-de-canhão" fisiológicos regiamente pagos para servirem de isolantes a seus donos.

Vocês podem notar que os três tópicos são inseparáveis. Pensem assim: se você é honesto, jamais cometerá injustiças. Então, sempre viverá em paz com seus semelhantes. Eu as vejo como o "Tripé Humanista" porque a prática delas cria uma confiança, respeito e bem querer tão poderosos que tudo o que houver de bom brotará dali. A maior das ironias é que, para se obtê-las e mantê-las, é necessário... GUERRA, cuja maior arma de ataque e defesa é a vigilância constante de nossa parte para manter os parasitas longe de tudo que nos faz sadios física, mental, moral e espiritualmente. Sempre que necessário e o que precisar ser feito, reagir automática e ostensivamente, sem meios termos, com a mesma piedade que eles têm por nós, execrando o desprezível "politicamente correto" que insistem em nos imputar para tolher nossas idiossincrasias.

Esta guerra, sim, é obrigatória e devemos nascer alistados nela para garantir nosso presente saudável. Eu sempre serei um defensor intransigente desses três pilares, base da Moralidade. Tudo que eu acreditar ser uma nódoa sequer que manche seus brilhos e transparência, eu contestarei, independente de aparecer qualquer vendido ou coisa pior que venha me condenar. Como disse o maior poeta estadunidense do século 20, Ezra Pound: "Aquele que não está disposto a morrer por sua opinião, ou a sua opinião, ou ele próprio não vale nada!
FAB29

sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Convulsões

Amigos e amigas.
Vocês se lembram que 2011 foi pródigo em invasões das 'potências democráticas' nas vidas de outros povos, principalmente nas dos islâmicos? Invasões que ainda são a tônica dos supremacistas e geram as piores sequelas possíveis para as vítimas, criando um estado de horrores e privações. As atuais "imigrações" de africanos à Europa são parte cruenta dessas invasões financiadas por essas "democracias".

No Egito e na Líbia, tais invasões foram as mais destacadas. No primeiro, Hosni Mubarak estava há mais de 30 anos sugando e desviando os recursos da nação, tornando-se um bilionário, sob as bênçãos das grandes potências. No segundo, Muammar Khadafi estava há mais de 40 anos, arrogante e 'intocável', também sob a condescendência dos impérios vigentes. Hoje, está a Síria sendo vilipendiada e o Irã e a Coréia do Norte têm um alvo de neon em suas costas.

O que aconteceu em 2011 para tanta invasão?

'Oficialmente', a mesma desculpa para a invasão ao Iraque, com a subsequente deposição, 'julgamento' e execução de Saddam Hussein: IDEAIS DEMOCRÁTICOS!

"O mundo não pode mais tolerar esses ditadores que ameaçam a paz mundial com suas armas de destruição em massa e sua sede de conquista! Além das injustiças sociais e atrocidades que cometem diuturnamente contra seu povo!"

Khadafi (de branco) numa boa com seus pares
Numa análise rápida, é público e notório que no Iraque nunca existiram armas de destruição em massa e que Saddam não tinha nenhum plano pra dominar o Oriente Médio; o egípcio Mubarak era o maior aliado africano dos EUA e de Israel em qualquer questão que fosse aventada pelos dois aliados; e Khadafi era sempre bem recebido, com cordiais (e hipócritas?) abraços e sorrisos, por todos os líderes das grandes potências.

Quanto à dominação pela força e ameaça nuclear, é preciso dizer que as maiores potências bélicas e/ou nucleares do mundo são EUA, Rússia, França, Israel (que nega, é claro), Reino Unido, China, Índia e Paquistão? Confiram os outros:

Quadro bem ilustrativo
Mas tudo o que nos é veiculado pelos grandes parasitas são acusações mentirosas de que Irã e Coréia do Norte são "um perigo para a paz mundial com seus programas nucleares", desviando a atenção de tantos problemas reais e prementes, como a miséria galopante, as drogas e, principalmente, os planos sórdidos de dominação. Esse é o típico papo furado de supremacista criando cortina de fumaça para salvar seus traseiros. Essa "ameaça terrorista" para a dominação mundial não tem nenhuma lógica! Se qualquer país (até EUA e israel) tentar usar seus arsenais atômicos numa guerra, será imediatamente retaliado e repelido pela humanidade, sendo obliterado do seio das nações. Eles são ditadores ou supremacistas, nunca suicidas.

https://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%8Dndice_de_Desenvolvimento_Humano
Quanto mais verde, melhor.
A ONU, anualmente, divulga a lista do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). A que vemos acima é de 2014 e mostra detalhes interessantes: os países africanos mais ricos são África do Sul e Egito e estão acima da 100ª posição no ranking. Os africanos à frente deles são (Vejam só!) Líbia (o melhor colocado da África, bem acima do Brasil!), Tunísia, Argélia e Botsuana!!

Líbia adorada pelos supremacistas
Pergunta: como a Líbia, com o executado ditador Khadafi, conseguiu tal feito? Um país que tem mais de 3/5 do seu território dominado pelo deserto do Saara e parcos recursos naturais (fora o petróleo) não deveria ser superior em IDH a um país riquíssimo em tantos recursos como o Brasil. Mas a Líbia da era Khadafi dava show: bela renda per capita; energia elétrica, saúde e educação gratuitas; gasolina a 15 centavos o litro; quem comprovasse não possuir renda para construir sua casa, o governo a construía. Mais detalhes e links AQUI.

Ainda por muito tempo, vamos ter de aguentar essas toneladas de sordidezes que visam destruir civilizações ancestrais, soberanas, tradicionais, desviar as atenções de soluções plenamente possíveis para melhorar as condições de vida dos povos. O comodismo das massas que se deitam no "berço esplêndido da democracia" (este belo embuste!) à espera de salvadores da pátria que pensarão e agirão por elas, entregando-lhes tudo (migalhas, sobras e restos) de mão beijada é o maior câncer que assola a mente e o espírito da humanidade, tornando-a marionete suscetível a todo e qualquer desmando.

As torpes facilidades e entretenimentos que a modernidade dispõe às pessoas (aliadas a um ensino subversivo) cumprem garbosamente a função de estupidificá-las e anestesiá-las, evitando convulsões, com um requinte de crueldade: faz as massas execrarem todos aqueles que tentam tirá-las desse nefasto conforto que as deixa propícias a serem  docemente parasitadas pelos seus feitores. São plenamente partidárias do "melhor pingar do que faltar". Popularmente falando: "Tá ruim, mas tá bom!"

Nesta toada, nada pode prosperar. Enquanto essa inércia perdurar nos brios das pessoas, a realidade será uma névoa a nos separar de horizontes e esperanças. Um mínimo de coragem de abrir mão desse limbo é urgente. Dando-se este primeiro passo, a inanição moral será paulatinamente solapada. Cada qual que dê seu primeiro passo e siga adiante.
FAB29

domingo, 8 de novembro de 2015

Mocinhos torturadores

Amigos e amigas.
Tanto se diz que a 2ª Guerra foi a única em que se conhecia claramente quem eram os bandidos e quem eram os mocinhos. Nada mais falso e ofensivo à nossa racionalidade! Todas as guerras primam pela sordidez, crueldade e hipocrisia. A maior de todas é, proporcionalmente, a maior nisso tudo.

Além desta denúncia, ratificada por um soldado que participou de tudo, onde mais de um milhão de prisioneiros alemães foram deixados ao relento para que morressem de inanição, reencontrei um artigo onde são reveladas as maneiras que os aliados conseguiram as confissões para o Tribunal de Nuremberg, onde os líderes e colaboradores do regime de Hitler foram condenados logo após a 2ª Guerra.

Não me surpreenderam, mas tais denúncias 'esquecidas' (convenientemente omitidas) fazem com que seja necessária uma revisão na História da humanidade, em especial, das guerras, onde, reitero, a mentira e a covardia são a tônica.
FAB29

Exemplo de "Torturadores do Bem" em Abu Ghraib, no Iraque
Perigoso terrorista palestino sendo preso
pelo destemido exército israelense
Assustadores foram os métodos utilizados em Nuremberg para obter sob pressão as confissões de culpa, principalmente dos líderes SS, a fim de poder consolidar a acusação do extermínio dos judeus. O senador norte-americano Joseph McCarthy chamou a atenção em uma declaração que ele prestou à imprensa dos EUA, a 20 de maio de 1949, para diversos casos de tortura onde esclarecimentos repugnantes foram obtidos através de espancamentos.

Confirmou-se que nas prisões de Schwäbisch Hall, oficiais da Leibstandarte SS Adolf Hitler foram espancados até que, ensanguentados, caíssem desmaiados. E quando estavam então prostrados indefesos ao chão, tiveram suas genitálias pisoteadas. No famoso Processo de Malmedy contra simples soldados, estes foram pendurados no teto até que assinassem suas confissões, conforme lhes fora exigido.

Juiz Gordon Simpson
Uma comissão do exército sob liderança do sr. jurista Gordon Simpson, da Suprema Corte do Texas, investigou as queixas que afirmavam que “métodos de terceiro grau” teriam sido utilizados. Ela chegou à conclusão que “discutíveis e indesculpáveis métodos severos” haviam sido praticados para conseguir “provas” e “confissões”, sobre as quais muitas condenações à morte tinham se fundamentado durante o processo. O juiz Edward L. van Roden, que também pertencia à comissão, forneceu uma descrição exata. Dentre estes “discutíveis métodos severos”, ele nominou: “espancamentos, golpes brutais, dentes e queixos quebrados; processos forjados, onde os ‘investigadores’ se passavam por religiosos, solitárias com alimentação racionada."

Tal procedimento foi repetido durante os processos em Frankfurt e Dachau e muitos alemães foram condenados pelos crimes fundamentados em suas “confissões”. O juiz norte-americano Edward L. van Roden, um dos três membros da Comissão Simpson do exército criada para investigar a condução do processo em Dachau, revelou a 9 de janeiro de 1949 no jornal de Washington, Daily News, os métodos com os quais foram arrancadas as confissões. Seu relatório apareceu também no jornal britânico Sunday Pictorial a 23 de janeiro de 1949. Lá, ele descreve como alguém vestido de “padre” recebia as confissões dos detentos; torturas com palitos de fósforos incandescentes sob as unhas; golpes nos dentes e quebra de queixos; prisões solitárias e alimentação racionada. Van Roden escreveu:

“Os esclarecimentos apresentados como provas foram arrancados de homens, os quais foram mantidos antes por 3, 4 ou 5 meses na solitária e no escuro. [...] Os interrogadores colocaram um capuz preto sobre as cabeças dos acusados; então, estes foram pisoteados e  golpeados na face com uma barra de bronze. [...] Todos os 139 alemães cujos casos foram analisados, com exceção de dois, tiveram o saco escrotal ferido de tal forma que não foi mais possível curá-lo. Este foi o ‘modus operandi’ de nossos investigadores norte-americanos."

À direita, o chefe dos torturadores
Ten.-Coronel Burton Ellis
Os aqui descritos responsáveis inquisidores “norte-americanos” foram:

- Tenente-coronel Burton F. Ellis (chefe do “Comitê de Crimes de Guerra”) e seus ajudantes, a saber:
- Capitão Raphael Shumacker;
- Tenente-coronel Robert E. Byrne;
- Tenente William R. Perl;
- Morris Ellowitz, Harry Thon e Kirschbaum (civis).

O conselheiro jurídico do tribunal foi o coronel A. H. Rosenfeld. Podemos extrair de seus nomes que a maioria deste pessoal tinha motivação racista e foi marcada pelo ódio. Segundo o juiz Wenersturm: 
Eram judeus, e por isso, eles nunca deveriam ter sido incumbidos da investigação.” 

Fonte: Inacreditavel.com.br