Quando a alma deseja

A PALAVRA SÓ É LIVRE QUANDO FLUI PARA DENTRO DA MENTE, DO CORAÇÃO E DA
ALMA SEM RANCORES, DISTORÇÕES E FALSIDADES.

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos.

Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade.

Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas, depois de muita análise e observação, se você vir que algo concorda com a razão

e conduz ao bem e ao beneficio de todos, aceite-o e viva-o."

Sidarta Gautama (Buda)


segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

A miséria de sempre!

Amigos e amigas.
Este post é "só" para registrar por escrito uma reportagem do (Imaginem!) "Bom dia, Brasil", da Rede Globo, que divulgou números da organização "Transparência Brasil" a respeito dos democráticos políticos do "País das Alegrias" e seus "módicos" custos. Apesar do vídeo abaixo, preciso reforçar seus dados (sempre lembrando que já estão bem defasados). Vejam abaixo o resumo do vídeo:



- O minuto do "trabalho" dos parlamentares brasileiros custava R$ 11.545,00;
- Um senador custava R$ 33 milhões por ano;
- Um deputado estadual, cerca de R$ 6,6 milhões anualmente;
- Na média entre senador e deputado, o custo chegava a R$ 10,2 milhões. Só para comparar: na Itália, chegava a R$ 3,9 milhões. Na França, R$ 2,8 milhões. Na Argentina, R$ 1,3 milhão. Na Espanha, R$ 850 mil.
- Em Brasília, há 24 deputados distritais, que custavam anualmente R$ 10 milhões;
- Os vereadores cariocas e paulistanos custavam R$ 5 milhões por ano.

Veja AQUI outra reportagem sobre o assunto. E AQUI, um asqueroso exemplo da dedicação e do comprometimento dos políticos com as crianças. E um exemplo da nulidade do baixo clero político AQUI.

Aí, vem a inevitável pergunta: Valem o custo-benefício? Resposta pra lá de óbvia: DE JEITO NENHUM! Sou da firme opinião que o congresso deveria ser extinto, pois não faria nenhuma falta às nossas vidas. Os que verdadeiramente sustentam, mantêm e constroem o país ganham salários risíveis (até aviltantes) e não têm um centésimo das benesses desses "simpáticos inoperantes". São professores, médicos, agricultores, policiais, bombeiros,... NUNCA  nos esquecendo de uma "casta" tão desprezada quanto fundamental em nossas vidas: a que cuida das limpezas (faxineiros, lixeiros, etc). Estes são quase invisíveis (muitos os tratam como estorvos, repelentes), porém, são imensuravelmente mais importantes que os políticos.

Quem foi que disse que "Democracia é exercício: quanto mais a praticarmos, mais evoluiremos"? Estamos com mais de 25 anos de eleições diretas e qual é a evolução que se destaca? O povo brasileiro aprendeu minimamente a votar? Na sua brutal estupidez e comodismo, elege e reelege Tiririca, Romário, Bebeto, etc, além de dezenas de outros que aprenderam a parasitar legalmente o patrimônio público. Em troca, ganha migalhas mofadas, desprezo, esquecimento, pé na bunda,...!

O que foi que melhorou? O aumento das mordomias da classe política e o seu encastelamento. A miséria das massas populares e o abismo entre as classes não tiveram alívio real (não me venham com "vale-esmola"!), muito ao contrário.

Como bem disse certa vez o grande Quino (via sua maior criação, a Mafalda): "Nós, os bons, estamos ficando de saco cheio!" Essa represa não resistirá muito tempo.
FAB29

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Pornografia: a Arma Secreta

Amigos e amigas.
Seguem abaixo tradução e adaptação minhas de um artigo sobre pornografia, onde se mostra como o amaldiçoado status quo a utiliza para destruir as civilizações. É o clamor do sexo, algo necessário, natural e divino, sendo pervertido à décima potência por uma corja dantesca.

Trata-se de um complemento de outro post que vocês podem ver AQUI. Os colchetes em vermelho e os sublinhados são meus.
FAB29
Uma droga luxuriante
A ARMA SECRETA

Como pegar uma nação livre e de cidadãos independentes e torná-los escravos? Como fazer isso de forma lenta e imperceptível, sem violência e com a participação voluntária dos futuros escravos?

Muito simples: basta corrompê-los, enfraquecê-los, depravá-los, desmoralizá-los, até que tenham adquirido todas as características de escravos. E existe uma "varinha mágica", uma arma secreta capaz de realizar tal trabalho (transformar humanos em suínos): o SEXO.

Quem são os mais ricos e mais bem sucedidos empresários da indústria pornô, com lucro anual de US $ 100 bilhões? Os vendedores de pornografia pertencem a todas as raças, mas uma etnia está acima de todas, destaca-se como preeminente neste campo. Venda de sexo, assim como o tráfico de escravos e agiotagem, sempre foi uma especialidade judaica.

O historiador acadêmico judeu Dr. Nathan Abrams, talvez a mais renomada autoridade mundial sobre o papel judaico na pornografia, tirou o gato do saco há alguns anos em seu ensaio polêmico, Triple-Exthnics.



Publicado no prestigiado Jewish Quarterly em 2004, este ensaio explica em pormenores a forma como o mundo de dólares da indústria multibilionária pornô foi dominado por judeus.

Dr. Abrams não só admite que os judeus são os pornógrafos mais bem sucedidos do mundo: ele comemora o fato. “Judeus - ele nos diz - têm um rancor contra o cristianismo, um ódio atávico à autoridade cristã enraizado em séculos de humilhação; pornografia é uma das maneiras em que eles obtêm a sua vingança sobre os seus perseguidores cristãos - os opressores de ódio que os expulsaram de 109 países desde o ano 250 dC, sempre sem justificativa”. [É mesmo?!? Então, todos os povos no decorrer da História estavam errados? Foram injustos, covardes, etc, com os inocentes usurários? Haja óleo de peroba!]

O envolvimento judaico na pornografia (Dr. Abrams observa candidamente) tem uma longa história nos Estados Unidos. Embora os judeus representem apenas 2% da população americana, eles têm sido destaque na pornografia."

De acordo com uma fonte anônima da indústria, citada por E. Michael Jones na revista Cultura de Guerras (Maio de 2003), "os principais artistas do sexo masculino através da década de 1980 vieram de educações judaicas seculares e as fêmeas de escolas católicas romanas.

O cenário pornô padrão tornou-se, como resultado, uma fantasia judaica de possuir shiksas católicas (fêmeas não-judias).

O envolvimento judaico na indústria de sexo explícito pode ser visto como um proverbial dois dedos para todo o establishment na América branca.

O envolvimento judaico na pornografia - o Dr. Abrams acredita - almeja enfraquecer a cultura dominante na América pela subversão moral."

"CRISTO SUGA!" - Al Goldstein, pornógrafo judaica
Al Goldstein e seu respeito
à moral cristã
Al Goldstein, o editor judeu da revista Screw, uma vez teria dito (e Dr. Abrams tem o prazer de citá-lo): "A única razão por que os judeus estão na pornografia é que pensamos que Cristo é uma merda!"

Tal atitude indulgente do Dr. Abrams em relação à pornografia é um pouco surpreendente. Aqui está um homem que realmente acredita que a dominação judaica da indústria pornô é um feito incrível. Judeus obtêm estrelas de ouro pela promoção da masturbação.

Diretor Nacional da ADL, Abraham H. Foxman [nada saudoso] concorda com a ideia de "liberal", de que a pornografia é uma coisa boa (se não para as inúmeras vítimas do vício da pornografia, pelo menos para os judeus, que enriquecem em explorar esses viciados). "Os judeus que entram indústria pornográfica" - Foxman registra com aprovação - "o têm feito como indivíduos que perseguem o sonho americano [poético, não?]".

Dr. Abrams, o acadêmico judeu sóbrio, agora levanta a aposta, adicionando um toque sinistro para a controvérsia. "Os judeus são a força motriz por trás da moderna indústria pornográfica" - ele nos diz presunçosamente - "e sua motivação é, em parte, para destruir a moral dos gentios."

Note-se bem a frase. Isso equivale a uma declaração aberta de guerra. Por que os judeus desejam "destruir a moral dos gentios"? A menos que odeiem os gentios - neste caso, os cristãos - e queiram destruir os nossos valores mais queridos.

Sarah Silverman
Toda a pureza de
Sarah Silverman
Não há nenhuma lei para impedir esta ”comediante judia” ao lado de proferir obscenidades blasfemas contra Jesus Cristo e ofender a 2,1 bilhões de cristãos com seu comentário infame: "Eu espero que os judeus tenham matado Cristo! Eu o ferraria novamente! Em um segundo!"
Basta imaginar um comediante cristão igualmente bem conhecido que saísse com um insulto semelhante contra as notórias “vítimas do Holocausto”: "Espero que os nazistas tenham matado 6 milhões de judeus! Eu os ferraria novamente! Em um segundo!"
E, no entanto, o judeu de hoje, na pessoa de Sarah Silverman, é perfeitamente livre para cuspir na cara de Cristo e ainda é aplaudido por este discurso de ódio. O cristão não pode fazer nada sobre isso. Ele tornou-se um escravo em seu próprio país - um objeto de escárnio e desprezo.

Em um artigo na extinta revista “Jews in Porn“, partes do qual foram publicadas no site de Henry Makow, Luke Ford observou:

Acostumados ao ódio da sociedade, os judeus vão fazer seu trabalho sujo - como o empréstimo usurário de dinheiro na Idade Média ou a pornografia hoje - pela oportunidade de ganhar dinheiro.

Perseguidos por milênios nas diversas sociedades em que viviam [Sempre injustamente, é claro!], muitos judeus desenvolveram uma fidelidade à sua própria sobrevivência como o seu valor mais alto e pouco se preocupam com a sobrevivência da sociedade do perseguidor.

Mesmo quando os judeus vivem em uma sociedade que os acolhe em vez de assediá-los, muitos deles odeiam a cultura da maioria.

Mesmo enraizados em sua própria tradição ou na tradição cristã da maioria, vivem em uma comunidade de rebeldes.

Por causa da ênfase judaica na educação e destreza verbal, os judeus dominam a Academia, entretenimento e mídia em geral. Pornografia flui para fora desta cultura sobre a qual os judeus exercem uma influência desproporcional aos seus 2% da população norte-americana.

O principal estúdio pornô dos EUA é o Vivid Entertainment, talvez, a maior empresa de produção de pornografia no mundo. É propriedade do judeu multi-bilionário Steven Hirsch, conhecido como o "rei da pornografia". O Vivid gera cerca de US$ 100 milhões por ano em receitas, injeta 60 filmes por ano e os vende em lojas de vídeo, quartos de hotel, em sistemas de cabo e na Internet.

Se 55 por cento de pornografia infantil do mundo são produzidos nos EUA - de acordo com a instituição de caridade britânica Lar Nacional da Criança - 23 por cento dela são produzidos na Rússia.

São extremamente unidos, a ponto de não permitirem que um membro de sua tropa seja punido. Em julho de 2000, a polícia brasileira tentou prender o vice-cônsul de Israel no Rio de Janeirio, Arie Scher. Ele era procurado por suspeita de execução de um anel de pornografia infantil a partir da embaixada de Israel. Grandes quantidades de material pornográfico tinha sido encontrado em seu computador. O que aconteceu com Scher? Nada! Alegando imunidade diplomática, ele entrou em um avião para Tel Aviv.

Esses empreendedores do sexo, com a intenção de lucros fáceis, têm procurado avidamente abastecer as massas com o mais barato e mais mortal dos tranquilizantes: oportunidades para orgasmos múltiplos, por meio de um fluxo incessante de imagens pornográficas nos meios de comunicação que controlam.

Os cidadãos-modelo do futuro serão masturbadores felizes. Esta “atividade apaixonante” vai mantê-los ocupados durante todo o dia. Eles irão se tornar dóceis e complacentes, saciados e semi-sonolentos, como estrume drogado. Eles vão estar muito ocupados se desmoralizando para montar revoluções ou planejar ataques de vingança contra a elite sombria que foi a arquiteta de sua escravidão.

Aqui está o que o irmão Nathanael Kapner tem a dizer sobre este assunto. É um somatório puro. O fato de Kapner ser judeu faz suas palavras serem ainda mais atraentes.
"A degradação da vida social cristã ocidental não se limitou a acontecer; foi planejada, deliberadamente promovida e espalhada, conforme delineado em “Os Protocolos dos Sábios de Sião”. Esse enfraquecimento sistemático da cultura do Ocidente continua até hoje.
Os instrumentos desta agressão na cultura e na consciência cristã são as armas de propaganda: a imprensa, televisão, cinema e educação. A fonte chefe da propaganda é o cinema.
A partir de sua capital, em Hollywood, o judeu vomita uma série interminável de filmes pervertidos para rebaixar e degenerar a juventude da América e do mundo ocidental. O divórcio substitui o casamento, o aborto substitui o nascimento, a família torna-se o campo de batalha de luta individual. O judeu atingiu seu objetivo em destruir a cultura ocidental.”

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Assassinos seriais

Amigos e amigas.
Sempre que vemos a identificação de um assassino pela mídia, esta mostra todos os detalhes dele (ao menos, aparentemente). Se for muçulmano, então, mostra seus vizinhos, sua infância e, até, sua árvore "ginecológica" (pois é: a coisa chega a ser pornográfica!).

Mas isso não ocorre quando os criminosos são judeus. Estes são imensamente protegidos por sua mídia. Pode-se até revelar o assassino, mas nunca sua origem. Por exemplo: vocês conhecem o caso de uma quadrilha de judeus russos e italianos que sequestrava crianças para realizar filmes pornôs e elas eram assassinadas durante as filmagens?  Nunca viram isso em nenhuma grande mídia, certo? Confira essa dantesca história AQUI.

Há o caso mais famoso da História (Jack, o Estripador), cuja identidade foi confirmada: descobriu-se ser um imigrante judeu polonês chamado Aaron Kosminski (apesar de haver outras versões). Porém, a patrulha sionista já está colocando dúvidas no assunto. E AQUI, eles procuram explicar cientificamente qual foi a "falha" na maneira em que a descoberta se deu. Então, aproveito para perguntar: por que não usam incríveis técnicas forenses como essas para homologar o que as testemunhas do holocausto judeu afirmam? Afinal, esses técnicos estão atestando a respeito de UMA pessoa do século 19; logo, seria muito mais fácil de se atestar os notórios 6 milhões de judeus (mais de meio século depois), não seria?

Podemos ver muitos outros casos. Vejam abaixo uma lista de assassinos seriais famosos, cuja origem judaica é sempre omitida ou tergiversada (afirma-se que pertencem a outra religião ou etnia). Cui bono? Ou, na linguagem popular: "NO MEU, NÃO!!"

Traduzido, compilado e adaptado por mim DAQUI e DAQUI. Para confirmar a lista, AQUI.
FAB29

200px-Nathaniel_Bar-Jonas
Nathaniel Bar-Jonas (nascido David Paul Brown), canibal e pedófilo,
conseguiu não ser condenado à morte por essas práticas contra Zachary Ramsay,
de 10 anos, porque a mãe do menino se recusou a crer que o filho estava morto.
Foi condenado a 130 anos de prisão por seqüestro,
assalto agravado e agressão de crianças.

12
Dylan Klebold (junto com Eric Harris) foi o responsável pelo "Massacre de Columbine",
no qual 13 pessoas foram assassinadas e 24, feridas.
O motivo é atribuído a bullying e
depressão com tendências suicidas, segundo sua mãe.
Ele e seu parceiro se mataram na biblioteca da escola.

Edgein
Edward Theodore Gein (Ed Gein) começou exumando cadáveres femininos recentes,
extraindo suas vaginas e usando calcinhas com elas dentro.
Passou a matar mulheres e usar partes de seus corpos pela casa:
crânios como tigela de sopa; pele para revestir cadeiras, etc.
Livrou-se da pena de morte por ter sido declarado insano.
Morreu no manicômio aos 77 anos.

joel_rifkin1
Joel David Rifkin confessou 17 assassinatos e foi condenado em 1994 por 9 deles
a 203 anos de prisão. Neles, Rifkin estrangulou e desmembrou suas vítimas.
A imprensa estadunidense o apelidou de "Joel, o Estripador".

harold_shipman
Harold Shipman, médico britânico condenado à prisão perpétua
pelo assassinato de 15 idosos por envenenamento com diamorfina.
Quando uma de suas vítimas ( Kathleen Grundy )
lhe deixou uma fortuna de mais 600 mil libras, foi finalmente pego.
Enforcou-se na prisão aos 57 anos.

Rodney_Alcala
Rodney Alcala, serial killer sádico e estuprador,
condenado à morte por 5 assassinatos, mas estima-se em mais de 100.
"Brincava de enforcar" suas vítimas até quase à morte,
as reanimava e repetia o processo várias vezes até matá-las.
Ganhou da Justiça 25 anos de vida e, assim,
só poderá ser executado aos 95 anos de idade.

hhqyyjcgaer0forx9lpo
Herb Baumeister ("O Assassino de Fox Hollow Farm"),
torturador, estuprador e estrangulador, matou 11 homossexuais,
cujos corpos foram encontrados em seu quintal.
Conseguiu fugir do país e se matou antes de ser capturado.

Harvey Glatman
Harvey Glatman ("O Assassino de Beldades"), se fazia de fotógrafo de estúdios
para atrair suas vítimas, que estuprava e matava por enforcamento.
Assassinou três e foi preso no ato do quarto sequestro,
sendo condenado à morte em câmara de gás.

tumblr_mnuwu4EfFW1ss3s57o1_400
David Berkowitz assassinou 6 pessoas com um revólver 44.
Por não gostar da alcunha "O Assassino Calibre .44",
deixou uma carta onde se autodenominou "O Filho de Sam"
após matar um casal no Bronx. Foi condenado a seis prisões perpétuas.

John Wayne Gacy (na foto, com a Primeira Dama Rosalynn Carter),
"O Palhaço Assassino", acusado de matar ao menos 29 garotos,
recebeu 21 prisões perpétuas e 12 penas de morte.
Enquanto aguardava sua execução, fez muitos desenhos infantis,
principalmente palhaços, que viraram itens macabros de colecionadores.
Recebeu uma injeção letal em 1994.

DeSalvo
Albert de Salvo, "O Estrangulador de Boston",
psicopata responsável pela morte de 13 mulheres entre 19 e 85 anos.
Condenado à morte em 1967, foi assassinado seis anos depois,
na enfermaria da prisão de Walpole.

APP2001011399614
Jeffrey Dahmer assassinou 17 pessoas entre homens e crianças entre 1978 e 1991.
Estuprador, canibal e necrófilo, é um dos assassinos mais cultuados pelos
"artistas modernos", como Slayer, Ke$ha e Katy Perry.
Foi morto na prisão, junto com outro assassino, por Christopher Scarver,
que afirmou ter recebido "ordens do Além".

Peter Kudzinowski foi condenado à morte em 1929 por três assassinatos,
sendo os dois últimos, de crianças. Era suspeito de outros dois crimes.
Foi eletrocutado no final de 1929.

Sra Tillie Klimek
Tillie Klimek (nascida Otillie Gburek), chamada de "Bluebeard Clique", foi condenada
à prisão perpétua pelo envenenamento por arsênico do seu terceiro marido,
mas era suspeita de ter envenenado seus dois primeiros e outras três pessoas.

220px-Henry_Lee_Lucas
Henry Lee Lucas, assassino confesso de milhares de vítimas
em 23 anos de atividade, teve 11 delas confirmadas,
sendo condenado à morte e, depois, tendo a pena comutada
em perpétua. Morreu de insuficiência cardíaca.

schmid_016
Charles Schmid, "The Pied Piper of Tucson", estrangulador e estuprador,
matou três mulheres. Condenado à morte, teve a pena comutada em prisão perpétua.
Em 1975, foi esfaqueado 47 vezes por dois detentos, perdendo um olho e um rim.
Morreu vinte dias depois.

shulman_000
Robert Shulman executava suas vítimas a marteladas ou com taco de beisebol
e as desmembrava. Foram cinco prostitutas entre 1991 e 1996.
Condenado à prisão perpétua,
morreu 10 anos depois de ser preso.

saldivar_004
Efren Saldivar, o "Anjo da Morte", matou seis de seus pacientes com injeção letal
e foi condenado a seis prisões perpétuas,
além de ser acusado de mais de 50 outros crimes
entre os anos de 1989 e 1997.

Bundesarchiv Bild 102-00652, Richard Loeb und Nathan Leopold.jpg
Richard Loeb e Nathan Freudenthal mataram Bobby Franks, de 14 anos,
só pela "sensação de cometer um crime perfeito". Ao se declararem culpados,
evitaram o júri popular que certamente os condenaria à morte.
Receberam prisão perpétua pelo assassinato e 99 anos pelo sequestro.

woodfield_004
Randall Woodfield foi condenado por três assassinatos,
mas é suspeito de mais de 40.
Tem a sentença de prisão perpétua e 165 anos adicionais.
É uma espécie de "Killer Star":
tem conta no MySpace onde faz seus "desabafos";
teve várias cartas suas vendidas online
que acabaram virando um livro "The Serial Killer Letters";
casou-se três vezes na prisão.

O andarilho homossexual Louis Kenneth Neu
assassinou dois outros homossexuais em 1933;
um, a golpes com ferro elétrico e outro, estrangulado, roubando-os em seguida.
Foi preso usando o terno de uma de suas vítimas. Foi enforcado em 1935.

zarinsky15.1
Robert Zarinsky foi condenado à prisão perpétua por dois assassinatos,
mas era suspeito de outros seis, incluindo um policial.
Morreu na prisão em 2008, de fibrose pulmonar.

koedatich_james
James Koedatich, assaltante e estuprador, matou a facadas três pessoas.
Foi condenado à morte, mas mudaram para prisão perpétua
quando três jurados se recusaram a votar pela sua execução.

gloria.tannenbaum
Gloria Tennenbaum, débil mental que assassinou três pessoas
(duas delas, envenenadas com cianeto) em 1969.
Jurou inocência até seu último dia.
Suicidou-se no manicômio de Pueblo, em 1971.

Keeton  
Bertram Greenberg assassinou os oficiais de polícia James L. Keeton
e Don A. Beckstead (fotos acima)e uma garota de 13 anos.
Esta, ele estrangulou e os policiais, matou durante a fuga.
Foi morto na fronteira do Novo México.

kallinger000
Joseph Kallinger (nascido Lee Brenner III), "O Sapateiro",
matou três pessoas e torturou quatro famílias, junto com seu filho de 13 anos, Michael.
Seus pais adotivos o sodomizaram por anos
e ele "descontou" em sua esposa e cinco filhos.
Morreu aos 60 anos, na prisão.

7_11_s24
Willian Rothstein foi o responsável pelo covarde assassinato de Brian Wells,
entregador de pizzas que teve uma bomba enrolada em seu pescoço,
sendo cúmplice em outro. Negou até o fim suas participações.

NEW YORK IMOBILIÁRIO HERDEIRO ROBERT DURST durante o julgamento ASSASSINATO
Robert Durst confessou sem querer o assassinato de três pessoas
(entre elas, sua 1ª esposa e sua amiga de infância),
além de ser suspeito em vários outros casos.
Foi sentenciado a 85 meses de prisão.

915oken
Steven Oken assassinou Dawn Marie Garvin. Não satisfeito,
enfiou-lhe uma garrafa de condimentos na vagina.
Após este, assassinou sua meia-irmã Patricia Hirt e um recepcionista de um motel.
Tudo num espaço de duas semanas. Foi executado com uma injeção letal em 2004.

Jeffrey-d-Feltner
Jeffrey Lynn Feltner, assassino homossexual, especialista em enfermagem,
que executou oito idosos entre 1988 e 1989, alegando serem
"atos humanitários para acabar com o sofrimento dos doentes".
Condenado à prisão perpétua, morreu com AIDS.

jablonski_phillip_ca
Phillip Carl Jablonski assassinou cinco mulheres entre 1978 e 1991. Aos 16 anos,
"brincou" de enforcar sua irmã de 14 e conseguiu uma ereção.
Foi preso em 1991 após o assassinato de Margie Rogers e condenado à morte.
Aos 70 anos, continua no corredor da morte.

Ed Savitz
Edward Isadore Savitz (Uncle Eddie , Fast Eddie ou Dr. Feel Good),
degenerado pederasta que,
apesar de consciente de sua condição de aidético,
continuou a ter relações com garotos até ser preso.
Pagou a milhares de jovens rapazes para fazer sexo oral e anal,
além de ficar com suas roupas íntimas sujas de fezes,
que ele guardava em caixas de pizza em seu apartamento. 

norman_parker_gmtv_interview
Norman Parker assassinou duas pessoas, uma delas,
uma garota de 18 anos que namorava, apenas porque ela admirava Hitler.
Conseguiu se salvar da execução alegando autodefesa.
Conheça sua hipócrita versão AQUI, onde afirma, entre outras coisas:
"É raro ter um assassino judeu". Depois, hipocritamente, virou criminologista.

Andrei_Chikatilo
Andrei Chikatilo, "O Açougueiro de Rostov" ou "O Estripador Vermelho",
confessou o assassinato de 53 pessoas entre 1978 e 1990. Era impotente
e só conseguia uma ereção em contato com sangue humano.
Foi executado com um tiro na cabeça em 1994.

Este filho da puta matou Mary Phagan.
Leo Max Frank estuprou e assassinou Mary Phagan,
uma adolescente de 13 anos,  em 1913.
À época, foi criada a judaica ADL (Anti-Defamation League) para defendê-lo.
Após o governador lhe conceder misericórdia,
foi raptado e linchado pela população em 1915.

Outros assassinos da etnia judaica:

Charles Cohen: matou um e espancou os pais até a morte, quase decapitando a mãe;

Louis Fine: casava-se com herdeiras e as matava. Pelo menos seis vítimas;

George Sack: assassinava pelo seguro de vida das vítimas. Cinco foram confirmadas;

Alfred Leonard Cline: indiciado por 9 assassinatos, sendo um clérigo;

Ralph Jerome Selz: um vigarista suspeito de 5 assassinatos;

Benjamin "Bugsy" Siegel e Meyer Lansky: maiores mafiosos da História;

Edward Simon Wein: Estuprador e, mais tarde, assassino em série;

Ralph Nuss: três assassinatos em 1966;

Milton Niport: o "Taxista Judeu", confessou seis assassinatos;

Joseph Fischer: seguiu os mesmos padrões do "Filho de Sam"
(11º e 29º dos meses judaicos; marcou o sábado coincidindo
com o 22 Iyyar, igual ao 1º Sábado observado durante o Êxodo);

Brian Kevin Rosenfeld: enfermeiro, matou três; suspeito de outros 20;

Nathan Trupp: matou 5 pessoas em dois incidentes separados;

Eyal Shachar: médico envolvido em fraudes, matou duas mulheres;

Salomon Rosenbloom: 4 assassinatos, incluindo um sacerdote cristão;

James Eric Gottfried: matou 14 mulheres por toda a Europa.
Tinha um irmão fraudador e um sobrinho assassino.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Ria para não chorar

Amigos e amigas.
Só para relaxar um pouco, encontrei uma série de absurdos pelo mundo: construções, obras e serviços de qualidade duvidosa, para ser minimamente educado. Eles vêm provar que não é só neste país perdido em perdições que existem asnices e descasos de todo tipo.

Confiram algumas dessas "suaves" aberrações. Há bem mais AQUI. Os abalizados comentários são de minha responsabilidade.
FAB29.
Não cruze as linhas.
Terremoto filho duma #%§*$!!
Basta caminhar por essas plantas.
Faixa para escoteiros
Alguém faltou à aula de inglês...
Tanto lá...
...quanto cá!
Todo o cimento, arruinado.
100 metros depois, ele concluiu: "Melhor dar uma ré..."
Aperte o cinto, porque vai ser uma viagem atribulada.
Velocidade máxima: 20 km/h.
Você nunca vai sair desta garagem.
Saída pela esquerda ou por cima
Bem onde é proibido estacionar!
Vai, que é garantido!
Ninguém nunca vai ver este furtivo sistema de segurança aqui atrás.
Big Brother do Mossad
Por que sedar ao trabalho?
O trecho mais curto da História.
Oh, não é tão longe. Basta tentar correr até o fim.
Alguém aí sabe saltar em curva?
O pórtico vai ser adicionado mais tarde! Algumas pessoas simplesmente não têm previsão!
Da série "FALTOU A SACADA!"
Esta é a porta "você está demitido".
"FALTOU A SACADA! - 2"
Quem precisa de escadas quando você pode simplesmente cair?
"FALTOU A SACADA! - 3"
Ahh, eu sabia que esquecemos alguma coisa.
Ah, não faltou a sacada!...
Esta ideia não falhou apenas uma vez, mas quatro vezes. Mas eles tinham um plano e o levaram adiante até o fim.
Barata tonta!...
Alguém obviamente não entendeu esta escada não estava sendo construída em Hogwarts.
Da série "VAIS A ALGUM LUGAR?"
"Onde a escada termina", o livro menos conhecido de Shel Silverstein.
"VAIS A ALGUM LUGAR? - 2"
Parece que alguém era um fã de M.C. Escher.
"VAIS A ALGUM LUGAR? - 3"
eiras de rodas podem subir degraus, certo?
Está certo economizar, mas... PUTZ!
Economia de espaço!
Para quem já está apertado,...!
Se você pensar bem, essa peça serve para três propósitos!
Projeto israelense de economia d'água
Bem, isto reduziu o tamanho das escadas, mas aumentou a confusão e o congestionamento.
Escada para anoréxicas
Violação de segurança?
Afinal, é para entrar ou sair?
Todos nós vamos ser amigos íntimos depois disso.
Da série "PRIVACIDADE ZERO!"
Verdadeiros amigos íntimos. E se você tiver problemas gastrointestinais, você sabe qual vaso sanitário usar.
"PRIVACIDADE ZERO! - 2"
A privacidade foi superestimada.
"PRIVACIDADE ZERO! - 3"
Eu deveria ter medido antes de refazer o banheiro? Não seja bobo, por que você acha que esse buraco anula a finalidade de uma porta do banheiro?
"PRIVACIDADE (QUASE) ZERO!"
Eu disse FIQUE FORA DO MEU QUARTO
Quarto REALMENTE privativo!
A cada nove anos, o portal mágico se abre e leva a uma terra fantástica.
Entrada para Hogwarts!
Espero que nunca haja um incêndio neste lugar.
"Segurança garantida ou suas cinzas de volta!"
Um "corripé"...
Isto seria um "CORRIPÉ"?
Como você permite isso?
Prédio da empresa "Soluções Arquitetônicas S/A", em Tel-Aviv
Não ligue este ventilador!
Se for no Alaska, eu quase posso entender.
É, chegou perto...
"OK! Eu me lembro quando você disse
que meus óculos estavam vencidos!"
Para ser justo, ninguém seria capaz de ver a sua senha desse ângulo.
Caixa eletrônico sionista
Não precisa comprar um nível, ele disse. Vai ficar tudo bem, ele disse.
Apartamento do Nestor Cerveró
Entenderam?
Além disso, cadeiras de rodas provavelmente vêm com foguetes.
Para cadeirantes a jato
Eu disse a você. Não há nada no armário. Esses riscos e gemidos que ouve são apenas a casa estalando.
Armário homofóbico: NINGUÉM SAI!